On the Road, 60 anos | Luís Fernando Amâncio | Digestivo Cultural

busca | avançada
28479 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Urban Arts sedia exposição fotográfica gratuita
>>> Programa musical Reverbera estreia na TV Brasil, Rádio MEC e web nesta sexta (23)
>>> Elian Woidello apresenta show Vinho barato e Cinema Noir no Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
>>> Show de lançamento do Selo Blaxtream reúne grandes nomes do jazz e da música instrumental em SP
>>> Autobiografia de George Sand ganha edição brasileira em volume único
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 2. O Catolotolo
>>> A pós-modernidade de Michel Maffesoli
>>> Um parque de diversões na cabeça
>>> O que te move?
>>> O dia que nada prometia
>>> Super-heróis ou vilões?
>>> Seis meses em 1945
>>> Senhor Amadeu
>>> Correio
>>> A entranha aberta da literatura de Márcia Barbieri
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
>>> Ajudando um amigo
>>> Ebook gratuito
>>> Poesia para jovens
Últimos Posts
>>> A mulher de Lot
>>> Sem palavras
>>> Objetos de desejo
>>> Matéria prima
>>> Espírito Santo
>>>
>>> Fuga em Si
>>> Frutos
>>> Traço
>>> Criaturas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Seis meses em 1945
>>> 10 maneiras de tentar abolir o debate
>>> O amor é importante, porra
>>> Satã, uma biografia
>>> Pólvora e Poesia
>>> O que faz de um livro um clássico
>>> O Salão e a Selva
>>> O dia que nada prometia
>>> Ebook gratuito
>>> Palmada dói
Mais Recentes
>>> A Escalada, drogas tire suas dúvidas.
>>> O Andar no Espírito O Andar no Poder
>>> Metafísica da Sensação
>>> Dicionário do Pensamento Social do Século XX
>>> O Resto é Silêncio
>>> Antropologia Filosófica- Ensaio sobre o Homem
>>> Drogas e a Família
>>> Drogas, O universo paralelo
>>> Sitiado Em Lagos
>>> O Equilíbrio do temperamento Através da Música
>>> Cultura no Mercosul: uma política do Discurso
>>> Cristo Cósmico
>>> Coleção Série Princípios
>>> Vidas descoloridas, como Paulo se perdeu para as drogas.
>>> O Livro das Virtudes Uma antologia
>>> A Espiã
>>> Quarta-feira de Cinzas
>>> Cruzando o Paraíso
>>> A poética migrante de Guimarães Rosa
>>> Obra Reunida
>>> Dicionário Latim-Português Português-Latim
>>> Contos Mineiros
>>> Box Coleção História da Vida Privada
>>> Coleção de livros
>>> A Crônica
>>> Zen Budismo e Psicanálise
>>> A Essência do Eneagrama - Manual de Autodescoberta e Teste Definitivo de Personalidade
>>> Guerra e Paz
>>> Depois da Morte
>>> Doze Reis e a Moça do Labirinto do Vento
>>> As Noites Difíceis
>>> Luxo
>>> Fome, Catástrofe Provocada pelo Homem? (Sociologia/Geografia Humana)
>>> Os Irmãos Karamázovi - Fiódor Dostoiévski (Literatura Russa)
>>> Ana Karênina - Leon Tolstói (Literatura Russa)
>>> Almas Mortas - Nicolai Gogol (Literatura Russa)
>>> Pais e Filhos - Ivan Turgueniev (Literatura Russa)
>>> Os Imortais da Literatura Universal (Biografias) Volume III
>>> Processamento de Dados
>>> Teilhard e a Vocação da Mulher
>>> Falsa Identidade- A Conspiração para Reinventar Jesus
>>> Olha para Mim
>>> The Nature of Technology: What it is and how it evolves
>>> Digital Futures for Cultural and Media Studies
>>> Creative industries
>>> Everything is workable: A zen approach to conflict resolution
>>> i of the vortex: From Neurons to self
>>> Arquivos do mal-estar e da resistência
>>> Linked: A nova ciência dos networks
>>> O segundo mundo: Impérios e influência na nova ordem global
COLUNAS

Sexta-feira, 5/5/2017
On the Road, 60 anos
Luís Fernando Amâncio

+ de 800 Acessos


Em 05 de setembro de 1957, a Viking Press lançou On the Road – Pé Na Estrada, segundo livro de Jack Kerouac. A publicação se deu após sete anos de recusas e com alterações no texto original, pois os editores consideravam o manuscrito impublicável. Por exemplo, para não atrapalhar seu fluxo de escrita, Kerouac não utilizou parágrafos enquanto redigia o texto. O livro é o relato das viagens feitas pelo autor entre 1947 e 1950, cruzando os Estados Unidos de costa a costa, incluindo uma ida ao México. Os deslocamentos foram feitos de modo precário, através de caronas e ônibus, ou em carros dirigidos a altas velocidades por Neal Cassady. O romance foi escrito em três semanas.

On the Road foi, de imediado, bem recebido pela crítica. Também foi um sucesso de vendas. É considerado por muitos o grande livro da Geração Beat, termo usado para classificar autores como William S. Bourroughs (Almoço Nu), Allen Ginsberg (Uivo e Outros Poemas), Gregory Corso, Gary Snyder, dentre outros. É um livro sobre a liberdade, a representação literária de uma geração de autores que inspirou a contracultura, o movimento hippie, músicos e artistas em geral. O cinema, por exemplo, tem um gênero de filmes, os roads movies, cuja gênese está atrelada ao romance. Até hoje, turistas que cruzam fronteiras experimentando diferentes culturas com mochilas nas costas têm dívida com Kerouac.

Passadas seis décadas desde a publicação do livro, faço a pergunta: será que a obra envelheceu?

Posso dizer sobre minha experiência com On the Road. Li o livro pela primeira vez no fim do ensino médio. Era um garoto, mais jovem do que os protagonistas. O efeito da leitura, claro, foi arrebatador. Não tanto por seu teor subversivo – sexo, psicotrópicos, bebidas... O que chamou a minha atenção era a história simples, com personagens se lançando pelas estradas para experimentar a vida.

O livro me marcou. De forma que, apesar de ter tanto para ler e assistir (já falei nisso aqui), me permiti fazer uma releitura do On the Road, quase 15 anos depois de conhecer a obra. Para justificar a empreitada, aproveitei o convite da amiga Lívia Torquetti para comentar o livro em seu podcast, Chá das Cinco Com Literatura.

Reler o livro tantos anos depois foi, claro, uma experiência diferente. Sobretudo por eu, leitor, ter mudado bastante nesse tempo. Pude observar aspectos que não tinham me chamado a atenção na primeira leitura, como a ebulição social daquele Estados Unidos ainda marcado pela segregação racial – o jazz era o ritmo que embalava as viagens – e a posição bastante marginal das mulheres da Geração Beat.

Sobre esse ponto, é válido observar que a adaptação cinematográfica do romance, dirigida pelo brasileiro Walter Salles Jr. em 2012, trata a situação com alguma sensibilidade. Embora a narrativa esteja focada nas viagens dos amigos Sal Paradise e Dean, há cenas sutis que mostram o desamparo de Marilou e Camille, mulheres de Moriarty, diante de sua personalidade hedonista.

O cartaz do filme

Mas se há algo que a releitura de On the Road me fez concluir é: se alguém envelheceu nessa história, fui eu, não o livro. A narrativa de Kerouac ainda soa poderosa, seu ritmo frenético é avassalador e suas descrições de personagens, paisagens e experiências, seguem excelentes. E por mais que o mundo não seja o mesmo do pós-Segunda Guerra Mundial, o conflito entre impulsos individuais e a rigidez das normas sociais segue atual. E, afinal de contas, um bom livro jamais envelhece.


Luís Fernando Amâncio
Belo Horizonte, 5/5/2017


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Dilapidare de Elisa Andrade Buzzo
02. Os Doze Trabalhos de Mónika. 1. À Beira do Abismo de Heloisa Pait
03. Amy Winehouse: uma pintura de Jardel Dias Cavalcanti
04. Gerald Thomas: uma autobiografia de Jardel Dias Cavalcanti
05. As crianças do coração do Brasil de Elisa Andrade Buzzo


Mais Luís Fernando Amâncio
Mais Acessadas de Luís Fernando Amâncio
01. Tricordiano, o futebol é cardíaco - 26/4/2016
02. Nos tempos de Street Fighter II - 31/5/2016
03. Radiohead e sua piscina em forma de lua - 28/6/2016
04. Desbloqueie seu cartão, aumente seu pênis - 15/9/2015
05. Em nome dos filhos - 31/1/2017


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




AFETIVIDADE E SEXUALIDADE NA EDUCAÇÃO - UM NOVO OLHAR
SEC. DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DE MG
FUNDAÇÃO ODEBRECHT
(1998)
R$ 12,00



MÃES DA BIBLIA
MARCOS VERÍSSIMO
ÁGAPE
(2014)
R$ 13,90



TURMA DA MÔNICA JOVEM Nº 61 - A NOVA MÔNICA AVENTURA COMPLETA!
MAURICIO DE SOUSA
PANINI COMICS
(2013)
R$ 7,90



CÂNDIDO OU O OTIMISMO
AUTOR VOLTAIRE
EDIÇÕES OURO
(1970)
R$ 6,90



MOLIÈRÉ (O AVARENTO/AS SABICHONAS) - TEATRO FRANCÊS
MOLIÈRÉ
EDIOURO
(2016)
R$ 14,00



BIOLOGIA ESSENCIAL
SONIA LOPES
SARAIVA
(2003)
R$ 10,00



A ARTE DE EDUCAR: CRIANDO FILHOS NOTÁVEIS
KENDRA SMILEY E JOHN SMILEY
VIDA
(2007)
R$ 10,00



O PRIMO BASILIO
EÇA DE QUEIRÓS
ESTADÃO KLICK
(1997)
R$ 5,00



REFLEXÕES SOBRE A ARTE
ALFREDO BOSI
ÁTICA
(1986)
R$ 15,00



A REPÚBLICA DOS BUGRES
RUY TAPIOCA
ROCCO
(1999)
R$ 22,00





busca | avançada
28479 visitas/dia
1,1 milhão/mês