Sem cortes, o pai do teatro realista | Tais Laporta | Digestivo Cultural

busca | avançada
58438 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Missão à China
>>> Universidade do Livro desvenda os caminhos da preparação e revisão de texto
>>> Mississippi Delta Blues Festival será On-line
>>> Tykhe realiza encontro com Mauro Mendes Dias sobre O Discurso da Estupidez
>>> Trajetória para um novo cinema queer em debate no Diálogos da WEB-FAAP
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
>>> Zuza Homem de Mello (1933-2020)
>>> Eddie Van Halen (1955-2020)
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Vandalizar e destituir uma imagem de estátua
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
Colunistas
Últimos Posts
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
>>> Van Halen no Rock 'n' Roll Hall of Fame
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
Últimos Posts
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
>>> Perplexo!
>>> Orgulho da minha terra
>>> Assim ainda caminha a humanidade
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Manual prático do ódio
>>> Isn’t it a bliss, don’t you approve
>>> Roberto Carlos:Detalhes em PDF
>>> Olhos de raio x
>>> Os dinossauros resistem, poesia de André L Pinto
>>> Pedro Paulo de Sena Madureira
>>> Fred Trajano sobre Revolução Digital na Verde Week
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> 7 de Setembro
>>> Fazendo as Pazes com o Swing
Mais Recentes
>>> Superdicas Para Escrever Bem Diferentes Tipos de Texto de Edna M. Barian Perrotti pela Saraiva (2006)
>>> Técnica da Redação Comercial de Helena Montezuma pela Tecno Print (1963)
>>> Todo o Mundo Tem Dúvida, Inclusive Você de Édison de Oliveira pela L&PM Pocket (2012)
>>> Manual de Estilo Editora Abril de Vários Autores pela Nova Fronteira (1990)
>>> Soltando a Língua 1 de Sérgio Nogueira pela Gold (2007)
>>> Guia Prático de Redação de Massaud Moisés pela Cultrix (1967)
>>> Estudo Sintético e Racional da Arte e da Técnica de Escrever de Dr. Paulo Acioly pela Exame
>>> Comunique-se Melhor e Desenvolva Sua Memória de Jorge Luiz Brand pela Pe. Berthier (1996)
>>> Os Pecados da Língua – Pequeno Repertório de Grandes Erros de Linguagem de Paulo Flávio Ledur & Paulo Sampaio (Sampaulo) pela Age (1993)
>>> Independence Day - O ressurgimento de Alex irvine pela Nemo (2016)
>>> Técnica de Redação – O Texto nos Meios de Informação de Muniz Sodré e Maria Helena Ferrari pela Francisco Alves (1977)
>>> Óculos, aparelho e Rock ' N ' Roll de Meg Haston pela Intrínseca (2012)
>>> O doador de memórias de Lois Lowry pela Arqueiro (2014)
>>> Dez leis para ser feliz de Augusto Cury pela Sextante (2008)
>>> #Manual da Fossa de Mica Rocha pela Benvirá (2020)
>>> Como Parar O Tempo de Matt Haig pela Harper Collins (2017)
>>> O guia dos curiosos: língua portuguesa de Marcelo Duarte pela Panda Books (2010)
>>> Mentes Geniais: Aumente em 300% a Capacidade do Seu Cérebro de Alberto Dell Isola pela Universo dos Livros (2013)
>>> O Ladrão de Raios de Rick Riordan pela Intríseca (2009)
>>> Tipo Destino: E se sua alma gêmea fosse o namorado de sua melhor amiga? de Susane Colasanti pela Novo Conceito (2013)
>>> Seu Cachorro É O Seu Espelho de Kevin Behan pela Magnitudde (2012)
>>> Os Contos dos Blythes Vol 2 de Lucy Maud Montgomery pela Ciranda Cultural (2020)
>>> O Assassinato de Roger Ackroyd de Agatha Christie pela Globolivros (2014)
>>> Cidade dos Ossos de Cassandra Clare pela Galera (2014)
>>> A Casa de Hades de Rick Riordan pela Intríseca (2013)
>>> Amores impossíveis e outras perturbações quânticas de Lucas Silveira pela Dublinense (2016)
>>> A Marca de Atena de Rick Riordan pela Intríseca (2013)
>>> Will e Will, Um nome, Um Destino de John Green, David Levithan pela Galera (2014)
>>> O Azarão de Markus Zusak pela Bertrand Brasil (2012)
>>> Capitão América: A Ameaça Vermelha de Steve Epting, Mike Perkins, Ed Brubaker pela Panini (2005)
>>> O Fio do Destino de Zibia M. Gasparertto pela Vida e Consciência (1500)
>>> O Fantasma da Ópera de Gaston Leroux pela Principis (2020)
>>> O Evangelho Segundo o Espiritismo de Allan Kardec pela Lafonte (1500)
>>> Coleção folha tributo a Tom Jobim nº8 Tide de Folha de São Paulo pela Mediafashion (2012)
>>> Rostos Do Protestantismo de José Míguez Bonino pela Sinodal/Est (2020)
>>> Coleção folha grandes vozes Fred Astaire nº4 de Folha de São Paulo pela Mediafashion (2012)
>>> Sherlock Holmes – O Vampiro de Sussex e Outras Histórias de Sir Arthur Conan Doyle pela L&PM Pocket (2003)
>>> As pernas de Úrsula e outras possibilidades de Claudia Tajes pela L&PM (2001)
>>> Comer, rezar, amar de Elizabeth Gilbert pela Objetiva (2008)
>>> A vitória final de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2008)
>>> Apoliom de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2005)
>>> O glorioso aparecimento de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2004)
>>> Armagedom de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2004)
>>> Assassinos de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2005)
>>> Nicolae de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2004)
>>> O possuído de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2005)
>>> Profanação de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2004)
>>> O remanescente de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2005)
>>> A marca de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2005)
>>> Comando Tribulação de Tim LaHaye / Jerry B. Jenkins pela United Press (2009)
COLUNAS

Quarta-feira, 17/5/2006
Sem cortes, o pai do teatro realista
Tais Laporta

+ de 5600 Acessos

Se você fechar os olhos, provavelmente lembrará daquelas antigas rádio-novelas que faziam nossas avós vibrarem em casa. Mas as semelhanças terminam aí: diante de você, atores lêem, sem censura prévia, o texto completo de um grande dramaturgo. Não é preciso cenário, tampouco qualquer montagem para tirar proveito da apresentação, como apontou Guilherme Conte em "A redescoberta da(s) leitura(s)". A mais recente demonstração de como as leituras dramáticas interessam, sim, ao público, aconteceu no último dia 6 de maio, na Casa do Saber, um dos raros lugares de São Paulo que abrem espaço à atividade.

O diretor Sérgio Ferrara reuniu um elenco de peso, entre ele os veteranos Luiz Damasceno, Mirian Mehler e Antônio Petrin, para ler a íntegra de um dos dramas mais realistas do norueguês Henrik Ibsen (1828-1906), O Inimigo do Povo. Ele acentua que, diferente de um espetáculo, a atividade exige uma percepção mais segmentada. "É preciso prestar uma outra atenção para assistir à leitura, porque é um momento voltado especialmente para a audição da palavra", diferencia.

Enquanto a platéia se atém a imaginar formas e cores através dos diálogos, o diretor observa, do fundo da sala lotada, reações de humor, catarse e tédio. O público é, sem dúvida, o contato indispensável para testar os pontos fortes e fracos de um texto na preparação de qualquer peça. "Isto nos ajuda a definir novas arquiteturas para a montagem que está prevista para agosto ou setembro deste ano", explica Ferrara, sem detalhes definidos, a principal motivação para o encontro.

Encenar Ibsen por aqui e em outras bandas não foi uma escolha ao acaso. Já que está na moda homenagear décadas, meios séculos e centenários de mortes, aniversários e desaniversários, chegou a vez de lembrar, em 2006, os cem anos de falecimento do dramaturgo norueguês, responsável por romper com as fantasias do teatro europeu antes de se consolidar como o pai do drama realista em todo o globo. A dura crítica aos problemas sociais do século XIX presentes em sua obra é estranhamente contemporânea, bem como os personagens e situações criadas nas histórias.

A recíproca é proposital, já que Ibsen pretendeu aproximar a realidade de seus personagens com a do público, de forma que ele identificasse eventos da vida real nas cenas fictícias das peças. Tanto que os diálogos, extremamente naturais, peculiares às características de cada personagem, carregam o maior sustentáculo de suas mensagens. O Inimigo do Povo, escrito em 1882, traça uma análise universal das hipocrisias sociais, facilmente assimiláveis a qualquer época e território das civilizações humanas.

Na peça, o Dr. Thomas Stockmann, figura respeitada de uma pequena cidade balneária, descobre que os famosos banhos públicos da região estão contaminados por esgotos e detritos animais. A princípio, ele obtém o apoio de pessoas-chave para denunciar a gravidade do fato. Contudo, visto que a notícia prejudicaria os interesses econômicos da cidade, todos os habitantes e até sua família decidem ignorar os fatos e passam a repudiar suas idéias, tachando-o de "inimigo do povo". Ainda assim, Stockmann não abandona seus princípios e conclui, enfim, que "o homem mais poderoso do mundo é também o mais só", frase que colocaria Ibsen no topo dos bancos de citações célebres.

O drama acertou o alvo de uma sociedade esgotada de príncipes, fadas e heróis, embora prevalecessem, ainda, os valores ancestrais da família e da propriedade. Jean Rostand, filósofo e historiador francês, diria mais tarde, claramente em sintonia com a solidão do Dr Stockmann, que "embora ela pareça susceptível de unir, nada divide mais que a verdade". Seria ela, também, uma metáfora do realismo de Ibsen, nem sempre compreendido em sua época.

Casa de Bonecas (1879) e Espectros (1891), obras que ao lado de O Inimigo do Povo marcaram o realismo dramático do autor, influenciaram fortemente a emancipação feminina e os tabus sexuais no século XX ao tratarem, a primeira, de uma mulher que abandona o marido diante de seu mau caráter e, a segunda, uma personagem que opta por cuidar da doença venérea do esposo, adquirida em um evidente caso extraconjugal.

Mas, voltando aos fatos, vale ressaltar que a leitura aparentemente simples de um drama tão atual e contundente como O Inimigo do Povo, recheado de diálogos ilustrativos, pode ser mais marcante que espetáculos anunciados com confete, cujo descuido recai sobre um roteiro fraco ou mal adaptado. Eis a vantagem de Ibsen sem cortes: conhecer a essência da obra, sem a mão de terceiros.

Não que as montagens mereçam menos aplausos. Ao contrário, ganham forma com leituras desta espécie, responsáveis, muitas vezes, por minimizar os riscos de uma adaptação equivocada. Mirian Mehler, depois de interpretar a precavida Sra. Stockmann, confessou com a forte entonação que confere a seus personagens: "Isto, sim, é teatro." Em seguida, repetiu a última palavra, em caixa alta.


Tais Laporta
São Paulo, 17/5/2006


Quem leu este, também leu esse(s):
01. A vida dos pardais e outros esquisitos pássaros de Elisa Andrade Buzzo
02. Senhor Amadeu de Ana Elisa Ribeiro
03. As crianças do coração do Brasil de Elisa Andrade Buzzo
04. Esquerda x Direita de Marta Barcellos
05. Concurso literário, caminho para a publicação de Eugenia Zerbini


Mais Tais Laporta
Mais Acessadas de Tais Laporta em 2006
01. Guimarães Rosa no Museu da Língua Portuguesa - 1/11/2006
02. Pelas curvas brasileiras - 11/7/2006
03. Ninguém segura Lady Macbeth - 2/8/2006
04. Sem cortes, o pai do teatro realista - 17/5/2006
05. Confissões de uma ex-podcaster - 20/9/2006


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




REVISTA DO INSTITUTO HISTORICO E GEOGRAPHICO DE SÃO PAULO VOL. VII
VÁRIOS
DIÁRIO OFICIAL
(1903)
R$ 189,52



HARRY E SEUS FÃS
MELISSA ANELLI
ROCCO
(2011)
R$ 9,90



BRÁS , BEXIGA E BARRA FUNDA
A. ALCANTARA MACHADO
KLICK
(1997)
R$ 7,90



OS DIÁRIOS DO SEMIDEUS
RICK RIORDAN
INTRÍNSECA
(2013)
R$ 12,00



REVISTAS KÓSMOS - ANOS 1906 -1907 -1908
DIRETOR JORGE SCHMIDT
REDAÇÃO E OFICINAS
(1906)
R$ 2.500,00



A ARTE DE ESCOLHER CRONICAS DO BRASIL CONTEMPORANEO
JOSÉ SARNEY
LEYA
(2010)
R$ 12,00



VIVÊNCIAS CORPO MENTE ÁGUA
MARIA ALICE A CORAZZA
MADRAS
(1993)
R$ 11,00



EL CONOCIMIENTO ORDINARIO COMPENDIO DE SOCIOLOGÍA
MICHEL MAFFESOLI
FONDO DE CULTURA ECONOMICA
(1993)
R$ 12,00



O LIVRO DE GAIA UMA PEQUENA LIÇÃO DE AMOR
PATRICIA ENGEL SECCO
MAHLE
R$ 8,00



ANTOLOGIA INFANTO-JUVENIL - SEGUNDO ZERINHO (TEATRO INAFANTO-JUVENIL)
NERY GOMIDE (ORG.)
MOVIMENTO ZERO HORA
(1981)
R$ 15,00





busca | avançada
58438 visitas/dia
2,1 milhões/mês