Ode ao outono | Elisa Andrade Buzzo | Digestivo Cultural

busca | avançada
39554 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 12/4/2012
Ode ao outono
Elisa Andrade Buzzo

+ de 3200 Acessos


Alfons Mucha: "Les saisons" (Automne, 1896)

Dizem que o lado bom do outono é não chegar suado ao trabalho depois de pegar o metrô cheio, aproveitar uma temperatura mais amena, optar indistintamente entre uma inútil blusa de manga comprida e uma regata. Alguns habitantes do hemisfério norte podem se regozijar em usufruir de um belíssimo tapete de folhas multicores, ainda que temendo o que está por vir: um inverno glacial, a retomada do aquecimento central, de uma infinidade de acessórios que, quando necessários, de empolgantes e fashion pouco têm. Falemos do outono, o primo esquecido da primavera, que mal começou por estas bandas e o paulistano já sente na pele.

Nada como um trenchcoat para não passar um dia mal vestido, num desanimante tira e põe de roupa? Errado, do lado debaixo do Equador tudo que passa abaixo da cintura e não é leve soa meio desconcertante. Vivemos como D. João VI e sua trupe, nos travestindo num sonho de moda europeia. Séculos já se passaram e ainda estamos nos adaptando em termos de vestimentas ao clima tropical de altitude.

Há algo de sisudo no outono, esse interstício entre calor e frialdade. Não terá algo a ver com a minha própria personalidade? Este não sei quê dúbio de folha alvoroçada no momento do voo e dolorosa crocância quando pisada. Serei eu um pouco assim, outonal, oscilando entre um polo aconchegante e reluzente, desmembrando-me em nervuras esparsas?

O outono europeu não deixa de ter um apelo a mais, uma demarcação que realmente faz parte da vida das pessoas. Caem tão bem as estações do ano nas voluptuosas figuras femininas de Mucha! Recorro a um de seus outonos e não me surpreendo com suas mãos carregadas de uvas - o outono é a época da colheita. A mulher envolta numa diáfana bata oferta aos olhos do observador suas curvas, ela não se entrega totalmente como a musa do verão, não tem um retraimento quase pueril da musa da primavera, nem se encurva sobre si mesma como a do inverno: a musa outonal de olhar misterioso dispõe seu corpo curvo num convite obtuso, venha, quem sabe aqui encontrarás fertilidade, com sorte, amor. Muito próspero e sugestivo este outono Art Nouveau...

O prenúncio natural do inverno, vejo em retrospecto pela janela, duas fileiras de árvores de caule cinza, plantadas geometricamente na grande avenida. Quando a última folha se desgarrar do conjunto de galhos secos que se transformou sua copa, ele é chegado. Ainda, antes, o gramado do jardim público será recoberto por fantástica camada de folhas, cujas cores se codificam numa mistura entre o marrom, o verde, o cinza, o laranja e o avermelhado. Que sensação de outono verdadeiro sentir a lentidão crespa das folhas secas, pisar nessa camada descompactada cuja finura protege e oculta a vida. Os cisnes então logo serão retirados dos lagos, em algumas regiões, muitos irão congelar. E fica difícil acreditar que, num futuro nem tão distante assim, aquelas mesmas árvores por completo despeladas irão se reaver em verde pálido, mas que é o verde do recomeço deles.

Este meu outono, um oito, um outro... Que simpatia tenho por esta palavra obscura, de algo marrom e fresco, de cor luminosa e terrosa. Todas as coleções da Side Walk são eternamente outonais: um tecido de lavagem desgastada, um tie-dye, um verde musgo, um azul intenso, um vinho desgastado, um cinza queimado de secura úmida e vulcânica... E as sensações corporais se pautam pelo o que o ambiente e as estações nos propõem. Até qual medida seremos forjados pelo clima? e a moda resulta em seu rol de coleções, que aqui até se juntam em outono-inverno de tão frágeis e ligadas. Saudades das demarcações climáticas, de um tempo de degraus facilmente identificáveis.

Eu, sem me ater às tendências de cores para esta estação de 2012, e me esquecendo da chegada do outono, me apego no momento em que vejo a uma cor indescritível numa blusa. É como se eu sempre tivesse gostado dela, como se ela estivesse há tempos apartada e agora se endereçasse a mim. Sim, esta cor tem a tonalidade de uma folha em especial - a síntese de um momento passado -, é como se ela tivesse outonalmente amarelecido num álbum de retratos, mas estivesse ali, palpitando (apesar de despegada do galho, ela é quente e bela), prestes a se inflar de vigor.

Pois estamos entre o desbunde do verão e a severidade do inverno, vento cortante embebido em calor supremo. Que meio termo empolgante, que vida em suspenso! Pois não é possível acreditar que agora é tempo de se escolher entre um lado e outro? Se eu quero ambos e, nem mais um do que outro, todos, por que não ficar entre, entregue aos melhores pontos? Assim é este tempo findo, o feliz e inconsequente outono.


Elisa Andrade Buzzo
São Paulo, 12/4/2012


Quem leu este, também leu esse(s):
01. De onde vem a carne que você come? de Wellington Machado
02. Lobato e modernistas: uma história mal-contada de Gian Danton
03. Millôr desde a escola, e pela vida afora de Fernando Lago
04. Herzog, Glauber e 'Cobra Verde' de Humberto Pereira da Silva
05. Os últimos soldados da Guerra Fria de Luiz Rebinski Junior


Mais Elisa Andrade Buzzo
Mais Acessadas de Elisa Andrade Buzzo em 2012
01. Lobo branco em selva de pedra: Eduardo Semerjian - 1/3/2012
02. Perdidos em Perdizes - 28/6/2012
03. O lilás da avenida sou eu - 13/9/2012
04. Ode ao outono - 12/4/2012
05. O crime da torta de morango - 18/10/2012


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




TÉCNICAS PROJETIVAS: DO DIAGNÓSTICO PSICOLÓGICO
ANDERSON E ANDERSON
MESTRE JOU
(1967)
R$ 25,82



NOSSOS PEIXES MARINHOS
EURICO SANTOS
F BRIGUIET
(1952)
R$ 20,00



O TEATRO DE NELSON RODRIGUES - A. FONSECA PIMENTEL
A. FONSECA PIMENTEL
MARGEM
(1951)
R$ 20,00



CAMBRIDGE YOUNG LEARNERS ENGLISH TESTS 7 MOVERS STUDENTS BOOK
CAMBRIDGE ESOL
CAMBRIDGE UNIVERSITY PRESS
(2014)
R$ 50,00



EFICÁCIA GERENCIAL
W. J. REDDIN
ATLAS
(1976)
R$ 7,90



MATURIDADE PSICOLÓGICA E RELIGIOSA
FREI ADEMAR SPINDELDREIR
VOZES
(1966)
R$ 20,00



EXISTENCIALISMO E PSICOTERAPIA
VALDEMAR AUGUSTO ANGERAMI-CAMON
TRAÇO
(1984)
R$ 25,00



O QUARTO AZUL
ROSAMUNDE PILCHER
BERTRAND BRASIL
(1997)
R$ 7,90



MANCHA QUE LIMPA E A MORTE NOS LÁBIOS
JOSÉ ECHEGARAY
DELTA
(1962)
R$ 9,00



A ARTE DA GUERRA
MAQUIAVEL, NICCOLO , TZU, SUN
EDITORA ÉVORA
(2011)
R$ 24,90





busca | avançada
39554 visitas/dia
1,3 milhão/mês