Mídia Ninja coloca o eixo em xeque | Humberto Pereira da Silva | Digestivo Cultural

busca | avançada
46257 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Domingo, 19, 17h, tem 'Canta Teresa' - Roda Cultural com os rappers Ramonzin e Emitê OG
>>> HOJE E AMANHÃ - JÁ ESTAMOS BEM - IMPROVISO DE DANÇA ABORDA ADOECIMENTO HUMANO E PLANETÁRIO
>>> Selvageria synth pop no Pantera Clube
>>> Explorando o Universo das Janelas: A Arte de Elvis Mourão na Galeria Alma da Rua I
>>> Noite Maranhense abre o final de semana da Virada Cultural em SP
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
>>> Sim, Thomas Bernhard
Colunistas
Últimos Posts
>>> Comfortably Numb por Jéssica di Falchi
>>> Scott Galloway e as Previsões para 2024
>>> O novo GPT-4o
>>> Scott Galloway sobre o futuro dos jovens (2024)
>>> Fernando Ulrich e O Economista Sincero (2024)
>>> The Piper's Call de David Gilmour (2024)
>>> Glenn Greenwald sobre a censura no Brasil de hoje
>>> Fernando Schüler sobre o crime de opinião
>>> Folha:'Censura promovida por Moraes tem de acabar'
>>> Pondé sobre o crime de opinião no Brasil de hoje
Últimos Posts
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
>>> Guerra. Estupidez e desvario.
>>> Calourada
>>> Apagão
>>> Napoleão, de Ridley de Scott: nem todo poder basta
>>> Sem noção
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Glenn Greenwald sobre a censura no Brasil de hoje
>>> A desgraça de ser escritor
>>> Por Que Impeachment?
>>> Songs in the Key of Steve
>>> Sou diabético
>>> Pousada Bromélias em Parati
>>> A literatura de ficção morreu?
>>> Martins Pena: sonhando com o romance brasileiro
>>> 22 de Agosto #digestivo10anos
Mais Recentes
>>> Livro Estatística Aplicada A Todos Os Níveis de Nelson Pereira pela Ibpex (2008)
>>> Revista Trip Monica Iozzi - Louise DTuani e Eduardo Sterblitch - n 283 de Sem Autor pela Trip
>>> Revista GQ Brasil - Rodrigo Hilbert - Vida em Portugal - n 136 de Sem Autor pela Globo Conde Nast
>>> Revista do Consumidor Carro Corsa Minivan - n 101 de Sem Autor pela Plural
>>> Revista Figurino Artes Domésticas - Trabalhos Manuais - n 6 de Sem Autor pela Vecchi (1972)
>>> Revista Pro Games Minecraft - Dicas Truques Segredos Tutoriais - Pingentes e Broches - n 4 de Sem Autor pela On line
>>> Revista Coleção Viva Saúde Especial Diabetes Controle o Açúcar no Sangue de Sem Autor pela Escala
>>> Revista Saúde é Vital Especial Animal Proteja Seu Pet - n 446 de Sem Autor pela Abril
>>> Revista Viva Saúde O Preço da Obesidade - n 210 de Sem Autor pela Escala
>>> A Meditação ao Alcance de Todos de Ven. Henepola Gunarátana pela Ibrasa (1994)
>>> Revista Corpo a Corpo Eliana - 12kg mais magra - n 294 de Sem Autor pela Escala (2013)
>>> Revista Photo Magazine Fotografia é arte flying houses - n 50 de Sem Autor pela Photos (2013)
>>> O Sexo Além da Morte de R. A. Ranieri pela Eco
>>> Primeiros Acordes ao Violão - Método Prárico de Othon G. R. Filho pela Irmãos Vitale (2008)
>>> Guardiões Do Carma - A Missão Dos Exus Na Terra de Wamderley Oliveira; Pai João de Angola pela Dufaux (2017)
>>> Umbanda Pe No Chao de Norberto Peixoto pela Do Conhecimento (2008)
>>> O Dia Do Curinga de Jostein Gaarder pela Cia. Das Letras (1996)
>>> O Iniciado de Élcio Souto pela Madras (2001)
>>> Punk - Anarquia Planetária e a Cena Brasileira de Silvio Essinger pela 34 (1999)
>>> Glee: Anuário do Colégio William Mckinley de Debra Moston Zakarin pela Madras (2012)
>>> Ramayana de William Buck pela Circulo do Livro (1992)
>>> Fazendo Música no Computador de Luciano Alves pela Campus (2002)
>>> Música Sacra Paulista de Régis Duprat pela Arte e Ciência (1999)
>>> A Canção no Tempo - Volume 1 de Jairo Severiano e Zuza Homem de Mello pela 34 (1999)
>>> A Short History of Jazz de Bob Yurochko pela Nelson Hall (1993)
COLUNAS

Quarta-feira, 21/8/2013
Mídia Ninja coloca o eixo em xeque
Humberto Pereira da Silva
+ de 7700 Acessos

1.
O programa Roda Viva, da TV Cultura, exibiu na edição de 5 de agosto último entrevista com Pablo Capilé e Bruno Torturra, integrantes da Mídia Ninja. Alçada a celebridade depois da cobertura em tempo real das jornadas de protesto de junho, que mobilizaram a opinião pública brasileira, a Mídia Ninja passou num curto espaço de tempo do céu ao inferno.

Na entrevista, suas atividades, logística, organização e o modo como captam recursos foram questionados, mas a dupla, para importantes seguimentos da imprensa, se saiu muito bem do caldeirão de perguntas. Nos dias seguintes, contudo, Pablo Capilé, seu principal articulador, foi posto nas cordas. Numa avalanche de críticas e questionamentos, ele tem sido cobrado sobre como funciona o coletivo Fora do Eixo (FdE), ao qual a Midia Ninja está ligada.

2.
Órgãos como Veja, Folha de S.Paulo, Carta Capital colheram depoimentos que lançam suspeitas, insinuam acusações gravíssimas sobre o modo de atuação do FdE. As ações do coletivo envolveriam situações que vão de sexismo, intimidação de integrantes a calotes de artistas com projetos divulgados pelo FdE. Para quem foi pego de surpresa com a atuação dos membros da Mídia Ninja no Roda Viva, e mal teve tempo de entender direito o que se passou, foi novamente surpreendido com o reboliço em torno das acusações feitas ao coletivo.

3.
Assim, pode parecer um tanto leviano meter a mão num vespeiro de que, ao fim e ao cabo, o acúmulo de dados, situações e informações apenas gera confusão. Mas levemos em conta uma regra para o direção do espírito: separemos por partes. Entre o céu e o inferno, como diria o poeta, há o purgatório. Antes de colocar o FdE entre círculos extremos, poderemos.

4.
A repentina notoriedade do FdE, da Mídia Ninja e de Pablo Capilé geraram um clima de histeria, com as acusações mais assustadoras (a história não se cansa de ensinar que demonizações sob forte clima de paixão obscurecem a razão: quem foi Girolano Savonarola?). Ocorre que, como agora bem divulgado, o coletivo FdE funciona há dez anos. Ou seja, como um vetor de duplo sentido, a Verdade de um lado se inverte, do mesmo modo que na troca de sinal numa equação matemática.

Os depoimentos colhidos pelos órgãos citados são acompanhados da celebrização do coletivo e de Capilé. Isso significa que as acusações, num grupo que atua já faz uma década, se Verdadeiras eram conhecidas e não foram antes denunciadas. Por quê? Do modo como li o que pesa sobre o FdE, trata-se de uma organização criminosa que agiu a céu aberto, sob a vista de todos que com ela fizeram "negócios".

Mas isso é como o traficante que leva seu produto e o expõe numa Feira Livre. E isso me traz à mente o comércio de CD Pirata na frente do Espaço Itaú de Cinema. Ao sair do cinema, vi que enquanto o filme Somos tão Jovens, singela cinebiografia do jovem Renato Russo, era exibido numa das salas, na frente do cinema um camelô vendia uma cópia sem qualquer constrangimento.

Ações do FdE podem, óbvio, ser ilícitas, portanto alvo de investigação policial. Isso está sendo feito a partir das acusações colhidas? Ora, a conivência com atos ilícitos, o camelô na frente do cinema, e depois a espetacularização por conveniência me parece devam ser discutidas no âmbito da moralidade pública. São os atos de corrupção com que se convive e não se denuncia senão diante de holofotes, quando tudo vira espetáculo, tudo se confunde e todos os gatos são pardos.

5.
A discussão cada vez mais enrolada sobre a forma de organização do FdE provoca um obscurecimento dos meios utilizados para realização e promoção de eventos culturais no Brasil. O que tornou possível a existência de um coletivo para articular atividades culturais em cantos do país não antes mapeados? O que me parece visível é a esperteza do FdE para sacar o momento, ocupar espaço vazio e usar recursos tecnológicos hoje disponíveis para entrar em lugares até então ignorados ou segregados pela grande mídia.

Os fins justificam os meios? (frase erroneamente atribuída a Maquiavel). Ora, talvez seja o caso de perguntar por que nas salas de espera de qualquer consultório médico a TV está ligada o tempo todo na Rede Globo. Diante do monopólio da comunicação de massa talvez seja o caso de pensar o que significa resistência cultural. E ai sim, em termos maquiavélicos, uma questão de virtu e fortuna.

6.
A existência do FdE, e por consequência da Midia Ninja, está fortemente atrelada a transformações por que passamos nos últimos anos com o surgimento de novas formas de comunicação pela internet. Está longe de ser um fenômeno no qual se esgote a possibilidade de compreensão e os rumos que pode tomar. Mas, importante frisar, o FdE, com a Mídia Ninja, é fruto de um momento em que está em pauta uma nova maneira de se provocar debates no nível da cultura e no fluxo das notícias.

O que ocorrerá amanhã, só se pode especular. Mas me parece claro que, como fenômeno de mídia, estamos diante de uma situação que coloca em xeque a maneira habitual com a qual lidamos com a comunicação de massa. Na era das redes sociais, para o bem e para o mal, o alcance de uma notícia, de um acontecimento contornável, está além do que qualquer canal de comunicação antes podia sonhar, até a Rede Globo. Esse o mundo em que vive o sagaz Pablo Capilé.


Humberto Pereira da Silva
São Paulo, 21/8/2013

Mais Humberto Pereira da Silva
Mais Acessadas de Humberto Pereira da Silva em 2013
01. Olgária Matos - 1/2/2013
02. Toda poesia de Paulo Leminski - 8/5/2013
03. Mídia Ninja coloca o eixo em xeque - 21/8/2013
04. Mino Carta e a 'imbecilização do Brasil' - 6/3/2013
05. O Som ao Redor - 13/2/2013


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O Divórcio dos Brasileiros no Japão: O Direito Internacional Privado e os Princípios Constitucionais
Aurea Chistine Tanaka
Kaleidos-Primus
(2005)



Brasil 1954/1964 - Fim de um Ciclo Civil
Jordan M Young
Nova Fronteira
(1973)



Ética Médica
Cremeg
Cremeg
(1974)



Livro Capa Dura Direito Manual de Petições
Jônatas Milhomens e Geraldo Magela Alves
Forense
(1998)



Individual Psychotherapy and the Science of Psychodynamics
David H. Malan
Butterworths
(1979)



Manual de Iniciação a Maître Dhôtel
Qurino Ferreira de Castro Cotti
Taq
(1987)



A Volta ao Mundo Em 80 Dias
Júlio Verne
Brasileira
(1983)



Conversando Com Gaspare Spatuzza
Alessandra Dino
Unesp
(2018)



Mourão - o General do Pijama Vermelho
Laurita Mourão
Francisco Alves
(2002)



Livro Literatura Estrangeira Firelight Depois dos Vampiros Lobos e Anjos
Sophie Jordan
Agir
(2011)





busca | avançada
46257 visitas/dia
2,4 milhões/mês