Apresentação - Luís Fernando Amâncio | Luís Fernando Amâncio | Digestivo Cultural

busca | avançada
47273 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
>>> Banco Inter É uma BOLHA???
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Meu Telefunken
>>> Meu Telefunken
>>> Vida Virtual? Quase 10 anos de Digestivo
>>> Sombras Persas (X)
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Atmosphere
>>> O Segredo do Vovô Coelhão
>>> Separações é Amores II
>>> 10 de Abril #digestivo10anos
>>> Não presta, mas vá ver
Mais Recentes
>>> Pra discutir... e gerar boas conversas por aí de Donizete Soares pela Instituto GENS (2015)
>>> Educomunicação - o que é isto de Donizete Soares pela Projeto Cala-boca já morreu (2015)
>>> Ficções fraternas de Livia Garcia-Roza - organizadora pela Record (2003)
>>> Prisioneiras de Drauzio Varella pela Companhia das Letras (2017)
>>> O diário de Myriam de Myriam Rawick pela Dark Side Books (2018)
>>> Contos de Rubem Fonseca pela Nova Fronteira (2015)
>>> Notícias - Manual do usuário de Alain de Botton pela Intrínseca (2015)
>>> Um alfabeto para gourmets de MFK Fisher pela Companhia das Letrs (1996)
>>> Os Mitos Celtas de Pedro Paulo G. May pela Angra (2002)
>>> A vida que ninguém vê de Eliane Brum pela Arquipélago Editorial (2006)
>>> As Cem Melhores Crônicas Brasileiras de Joaquim Ferreira dos Santos - organizador pela Objetiva (2007)
>>> O tigre na sombra de Lya Luft pela Record (2012)
>>> Elza de Zeca Camargo pela Casa da Palavra (2018)
>>> Sexo no cativeiro de Esther Perel pela Objetiva (2007)
>>> O clube do filme de David Gilmour pela Intrínseca (2009)
>>> Coisa de Inglês de Geraldo Tollens Linck pela Nova Fronteira (1986)
>>> As mentiras que os mulheres contam de Luis Fernando Veríssimo pela Objetiva (2015)
>>> Equilíbrio e Recompensa de Lourenço Prado pela Pensamento
>>> Cadernos de História e Filosofia da Ciência de Fátima R. R. Évora (org.) pela Unicamp (2002)
>>> Revista Internacional de Filosofia de Jairo José da Silva (org.) pela Unicamp (2000)
>>> Dewey um gato entre livros de Vicki Myron pela Globo (2008)
>>> Ilha de calor nas metrópoles de Magda Adelaide Lombardo pela Hucitec (1985)
>>> Sua santidade o Dalai Lama de O mesmo pela Sextante (2000)
>>> Meninas da noite de Gilberto Dimenstein pela Ática (1992)
>>> Paulo de Bruno Seabra pela Três (1973)
>>> Grandes Enigmas da Humanidade de Luiz C. Lisboa e Roberto P. Andrade pela Círculo do livro (1969)
>>> A História de Fernão Capelo Gaivota de Jonathan Seagull pela Nórdica (1974)
>>> Os Enigmas da Sobrevivência de Jacques Alexander pela Edições 70 (1972)
>>> Mulheres visíveis, mães invisíveis de Laura Gutman pela Best Seller (2018)
>>> Construir o Homem e o Mundo de Michel Quoist pela Duas cidades (1960)
>>> Vida Positiva de Olavinho Drummond pela Olavinho Drummond (1985)
>>> Força para Viver de Jamie Buckingham pela Arthur S. DeMoss (1987)
>>> Consumidos de David Cronemberg pela Alfaguara (2014)
>>> Viver é a melhor opção de André Trigueiro pela Correio Fraterno (2015)
>>> O Caso da Borboleta Atíria de Lúcia Machado de Almeida pela Ática (1987)
>>> Cânticos de Cecília Meireles pela Moderna (1995)
>>> Caminho a Cristo de Ellen G. White pela Cpb - Casa Publicadora Brasileira (2019)
>>> Um Estranho no Espelho de Sidney Sheldon pela Nova Cultural (1986)
>>> Le Divorce de Diane Johnson pela Record (1999)
>>> Trajetória do Silêncio de Maria do Céu Formiga de Oliveira pela Massao Ohno-Roswitha Kempf (1986)
>>> Zezinho, o Dono da Porquinha Preta de Jair Vitória pela Ática (1992)
>>> Aconselhamento Psicológico de Ruth Scheeffer pela Atlas (1981)
>>> Razão e Revolução de Herbert Marcuse pela Paz e Terra (1978)
>>> A Doutrina de Buda de Bukkyo Dendo Kyokai pela Círculo do livro (1987)
>>> Somos Todos Inocentes de Zíbia Gasparetto pela Vida&consciência (1997)
>>> Luzia-Homem de Domingos Olímpio pela Escala (1980)
>>> Vida e Obra de Anália Franco de Maria Cândida Silveira Barros pela Copidart (1982)
>>> O Sentido da Vida de Bradley Trevor Greive pela Sextante (2002)
>>> A Luz que Cura - Oração Pelos Doentes de Agnes Sandford pela Loyola (1985)
>>> O Mundo Assombrado Pelos Demônios de Carl Sagan pela Companhia das Letras (1998)
COLUNAS >>> Especial Apresentações

Domingo, 13/7/1986
Apresentação - Luís Fernando Amâncio
Luís Fernando Amâncio

+ de 2200 Acessos

Geralmente, as pessoas conhecem Três Corações pelos seguintes motivos: 1) Pelé nasceu lá; 2) é caminho para São Tomé das Letras; 3) por causa da famosa marca de café - que nem é da cidade.

A mim não foram dadas essas opções: conheci Três Corações porque foi onde nasci. Isso no longínquo ano de 1986, que legou ao mundo alegrias como a visita do cometa Harley, o Master of Puppets, do Metallica, o segundo título do São Paulo F. C. no Brasileirão (clubismo detectado/ a final foi em 1987, mas isso é detalhe) e os jogos de vídeo-game Adventure Island e Castlevania.

Quando eu tinha 18 anos, me mudei para Belo Horizonte para cursar História na UFMG. Não me perguntem o que motivou a escolha, é capaz de até hoje eu não ter a resposta. Não foi para virar professor, já adianto. Dar aulas é algo que você faz por ter talento e/ ou gostar muito da atividade. Não se faz pelo dinheiro. Eu não tinha nada disso - nem dinheiro, inclusive.

Mas eu gostei do curso. Aprendi muito enquanto pensava no lugar do homem no tempo, em memória e no tanto que a "verdade" é uma ilusão de ótica. Fui feliz, amigos e amigas, tanto que emendei um mestrado na mesma área. O título da minha dissertação foi "Ação, logo, cinema: o engajamento político do movimento de Cinema Novo a partir de sua produção escrita e do filme Garrincha, Alegria do Povo (1963)". Grande, né? Tenho bastante orgulho desse trabalho, sobretudo por ele ter sido, minha despedida da vida acadêmica. A dissertação está disponível, caso algum destemido leitor queira conferi-la, AQUI

Lá pelo meio do mestrado ficou bem claro para mim que eu sou feliz mesmo é escrevendo literatura. Porque só felicidade justifica continuar nessa labuta, caro leitor, cara leitora. Na verdade, esse prazer vem de pouco depois que me alfabetizei. Numa tarde entediada de sábado, resolvi juntar o parco vocabulário que eu tinha e escrevi uma história. Não lembro direito do que se tratava, sei que era algo sobre um pato e, eu chutaria, uma lagoa. Nada demais. Entretanto, minha família ficou bastante comovida com minha manifestação espontânea em escrever algo sobre uma ave. Deveriam ter pensado se não era um pouco preocupante um menino de sete anos preferir escrever em pleno sábado a brincar - no mínimo, eu precisava de renovação no meu estoque de brinquedos, mas tudo bem. Ficaram bem felizes. E eu gostei da experiência, de saber que as pessoas poderiam ficar interessadas em alguma coisa que eu criasse.

Nos últimos anos participei de antologias de poemas, crônicas, contos e microcontos. Até que, em 2014, publiquei meu primeiro livro, Contos de Autoajuda para Pessoas Excessivamente Otimistas, pela Editora LiteraCidade. Como podem ver, gosto de títulos grandes - vai ver é porque tenho nome composto, sei lá. A publicação ocorreu porque fui um dos selecionados em prêmio literário promovido pela editora paraense. O texto de divulgação do livro dizia o seguinte:

"Acreditar nos seus sonhos, crer que o dia de amanhã será ainda melhor, achar que a humanidade está dando certo... Tudo isso é muito válido. Mas não se engane: o otimismo em excesso pode ser um perigo. É importante ter os pés no chão, até porque no caminho há degraus. E quando a vaca está indo para o brejo, mais do que gritar "força, vaquinha, você consegue!", pode ser mais útil chamar um guincho."

Sou também um dos blogueiros do Digestivo Cultural. Você pode acessar minha página clicando AQUI

E pode saber mais sobre mim na entrevista de apresentação que concedi, junto com minha irmã, Angélica Amâncio, para o blog do Digestivo: Entrevista com os Irmãos Amâncio

Capa de Contos de Autoajuda para Pessoas Excessivamente Otimistas


Luís Fernando Amâncio
Belo Horizonte, 13/7/1986


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Como eu escrevo de Luís Fernando Amâncio
02. A Fera na Selva, filme de Paulo Betti de Jardel Dias Cavalcanti
03. Primavera para iniciantes de Elisa Andrade Buzzo
04. Minha plantinha de estimação de Elisa Andrade Buzzo
05. Bruta manutenção urbana de Elisa Andrade Buzzo


Mais Luís Fernando Amâncio
Mais Acessadas de Luís Fernando Amâncio
01. O Brasil que eu quero - 22/6/2018
02. A barata na cozinha - 26/10/2018
03. Como eu escrevo - 23/11/2018
04. A Copa, o Mundo, é das mulheres - 14/6/2019
05. Lançamentos de literatura fantástica (1) - 1/3/2019


Mais Especial Apresentações
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




SMALL BUSINESS START-UP
BOB ADAMS
ADAMS MEDIA CORPORATION
(1995)
R$ 90,00



BEST KEPT SECRET
JEFFREY ARCHER
ST. MARTINS
(2013)
R$ 14,00



HORIZONTE PERDIDO
JAMES HILTON
ABRIL CULTURAL
(1980)
R$ 11,00
+ frete grátis



FACE2FACE INTERMEDIATE WORKBOOK WITH KEY
NICHOLAS TIMS
CAMBRIDGE
(2013)
R$ 130,00



DICIONÁRIO ENCICLOPÉDICO DE YOGA - AUTOGRAFADO.
SANDRA GARCIA
DO AUTOR
R$ 102,41



MULHERES SÓS, PRAZERES E SOMBRAS DE UMA MANEIRA DE VIVER
CARMEN ALBORCH
PRESENÇA
(2000)
R$ 26,08



INTELIJOGOS 1
DAVID G. WALKER
ISIS
R$ 28,60



STAR WARS - A ASCENSÃO E A QUEDA DE DARTH VADER
RYDER WINDHAM
UNIVERSO GEEK
(2016)
R$ 19,90



CONTRA TODOS OS INIMIGOS
RICHARD A. CLARKE
FRANCIS
(2004)
R$ 22,00



MACBETH
WILLIAM SHAKESPEARE
NOVA FRONTEIRA
(2015)
R$ 20,00





busca | avançada
47273 visitas/dia
1,3 milhão/mês