Na hora do batismo | Marta Barcellos | Digestivo Cultural

busca | avançada
74393 visitas/dia
2,5 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Em espetáculo de Fernando Lyra Jr. cadeira de rodas não é limite para a imaginação na hora do recrei
>>> São Paulo recebe exposição ‘À Meia Luz Na Pele’ em dois pontos da capital
>>> Santander instala painel eletrônico em prédio para levar arte ao centro de São Paulo
>>> Workbook de Carl Honoré é transformado em lives
>>> Experiência Quase Morte é o tema do Canal Angelini
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
>>> Cem encontros ilustrados de Dirce Waltrick
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> PoloAC retoma temporada de Os Doidivanas
>>> Em um tempo, sem tempo
>>> Eu, tu e eles
>>> Mãos que colhem
>>> Cia. ODU conclui apresentações de Geração#
>>> Geração#: reapresentação será neste sábado, 24
>>> Geração# terá estreia no feriado de 21 de abril
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
>>> Curtíssimas: mostra virtual estreia sexta, 16.
>>> Estreia: Geração# terá sessões virtuais gratuitas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 3 de Julho #digestivo10anos
>>> Apple, Lotus e Microsoft
>>> Projeto Itália ― Parte I
>>> Tout le reste est littérature
>>> Manoel de Barros: poesia para reciclar
>>> Assunto de Mulher
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> O dia que nada prometia
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Robinson Shiba do China in Box
Mais Recentes
>>> The last of mohicans (audio cd included) de Macmillan Education pela The last of mohicans (audio cd included)The last of mohicans (audio cd included) (2014)
>>> The Phantom of the Opera (audio Cd Included) de Stephen Colbourn; Gaston Leroux pela Macmillan Education (2010)
>>> The long tunnel (audio cd included) de John Milne pela Macmillan Education (2011)
>>> A kiss before dying de Ira Levin pela Macmillan Education (2005)
>>> Sherlock holmes: the norwood mystery de Arthur Conan Doyle Sir pela Oxford University Press (2011)
>>> Monólogo da Natureza de Teresinha Cauhi de Oliveira pela Ftd (1992)
>>> The Magic Flower de José Morais pela Atica (2005)
>>> Gramática de Español Paso a Paso de Adrían Fanjul pela Santillana (2008)
>>> Alfabetização e Linguistica de Luiz Carlos Cagliari pela Scipione (1989)
>>> Violencia E Criminalidade Infanto-Juvenil de Guilherme Zanina Schelb pela Do Autor (2007)
>>> Dicionario Gramatical De Latim - Nivel Basico de Janete Melasso Garcia e Outros pela Unb (2021)
>>> Lá Sou Amigo do Rei de Carlos Marques pela Geração Editorial (2012)
>>> América Latina: Uma Perspectiva Histórica de Donald Marquand Dozer pela Globo (1974)
>>> Angelina & Brad de Ian Halperin pela Jardim dos Livros (2012)
>>> Grande Livro Da Casa Saudável de Mariano Bueno pela Roca (1995)
>>> De Olho no Tráfico Humano de Fernando Carraro pela Ftd (2013)
>>> Microsoft SQL Server 2008 de Mike Hotek pela Bookman (2008)
>>> Em Suas Marcas, Apontar... Crescer! de Lynda Madaras pela Vergara & Riba (2009)
>>> Scrum A Arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo de Jeff Sutherland, J.J Sutherland pela Sextante (2014)
>>> Pense Magro: A Dieta Definitiva de Beck de Judith S. Beck; Leda Maria Costa Cruz pela Artmed (2009)
>>> Amigos Em Ação de Isa Mara Lando pela Àtica (2006)
>>> Dez bons conselhos de meu pai de Gustavo Cerbasi pela Fontarnar (2021)
>>> Trabalhando Com Banco de Dados no Visual Basic 6. 0 de Ijauí Francisco da Silva pela Érica (2000)
>>> Segredos da Violencia de Thesaurus pela Segredos da Violencia (2008)
>>> Para Meus Netos Com Amor de Lídia Maria Riba pela Vergara & Riba
COLUNAS

Sexta-feira, 12/8/2016
Na hora do batismo
Marta Barcellos

+ de 3600 Acessos

Tenho 214.262 xarás no Brasil. A maioria, nascida entre 1960 e 1970. É curiosa a percepção que temos do próprio nome. Achava que éramos uma pequena quantidade, eternamente confundida com as Márcias. Elas, sim, representariam um batalhão: precisavam ser chamadas pelo sobrenome em sala de aula. Ok, não eram tantas assim, mas minha sensação tinha lá suas razões: das 551.855 Márcias brasileiras, 204 mil nasceram justamente nos anos 1970, e principalmente no Rio de Janeiro. E quanto aos Marcelos? Também foram um fenômeno da mesma época e do mesmo estado (no país, somam hoje 690.098), daí terem também nome e sobrenome, para diferenciar, na minha lembrança escolar.

Minha filha adolescente não tem nenhum amigo Marcelo, Marta ou Márcia, para ficarmos apenas na letra M. Ora, as Márcias que perambulam por aí não são jovens, e sim quarentonas ou cinquentonas. Em compensação, certa vez ela fez uma colônia de férias em que havia oito Júlias. Não resisto, e retorno ao site que me viciou: a frequência de Júlias passou de 20 mil, nos anos 1980, para 264 mil, nos anos 2000. Ao todo, elas já são 430.067 no país, e parecem estar em vertiginosa ascensão, a julgar pelo gráfico apresentado instantaneamente pelo IBGE na página “Nomes no Brasil”.

O banco de dados disponibilizado pelo órgão governamental é inesgotável. A primeira consulta, quase automática, é ao próprio nome. Mas depois começa o vício. Nomes de conhecidos, nomes que parecem raros ou comuns (e não é bem assim), até que você se flagra confirmando que o nome esquisito de sua tia-avó era uma modinha da época. Sabe-se lá o motivo. O boom de Martas, aparentemente, tem relação com concursos de miss, enquanto as Simones hoje balzaquianas foram impulsionadas pela personagem da novela “Selva de pedra”. Mas, por que será que tantas Alziras nasceram em 1930?

Se você é um ficcionista, o vício de consultar o “Nomes no Brasil” pode ir além. O nome daquele personagem é banal ou esdrúxulo demais? Está adequado à idade? É nesta fase da adição que me encontro...

Escritores, porém, muitas vezes, batizam seus personagens buscando simbolismos, menos ou mais evidentes. Homenagens a personagens clássicos são comuns, sem falar em anagramas (a primeira “brasileira”, Iracema=América), nomes inexistentes ou pra lá de enigmáticos. O batismo da personagem mais famosa da escritora mais estudada no Brasil, por exemplo, permanece como mistério. De onde Clarice teria tirado as sílabas que formam o fonema hoje tão adequado à Macabéa, de A hora da estrela? Há hipóteses sobre uma referência aos macabeus, sem grandes embasamentos além da fonética semelhante.

Um escritor deve manter a “inspiração” deste batismo oculta, como fez Clarice? Em geral, eles gostam de ser descobertos, em suas referências, pelos críticos. Trata-se da famosa piscadela, do autor para o crítico literário. Eu mesma adorei quando a escritora Cláudia Nina, que resenhou meu livro “Antes que seque” para o jornal Rascunho, percebeu que o nome de Norma, do conto “Depois do Natal”, não era nada gratuito. Se já houvesse o site do IBGE quando escrevi, teria confirmado que o nome era também adequado a uma mulher de meia idade. E teria me certificado da inexistência do nome que inventei para a personagem de “À moda antiga”, Myrea (anagrama de Yerma, peça de Federico Garcia Lorca). Não resisti à piscadela - que obviamente ninguém entendeu.



Marta Barcellos
Rio de Janeiro, 12/8/2016


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Preparar Para o Impacto de Marilia Mota Silva
02. O Quixote de Will Eisner de Celso A. Uequed Pitol
03. Kleztival: celebrando a música judaica de Heloisa Pait
04. Sultão & Bonifácio, parte IV de Guilherme Pontes Coelho
05. Em defesa das calçadas de Eduardo Carvalho


Mais Marta Barcellos
Mais Acessadas de Marta Barcellos em 2016
01. A selfie e a obsolescência do humano - 7/10/2016
02. Wanda Louca Liberal - 10/6/2016
03. A melhor Flip - 1/7/2016
04. Na hora do batismo - 12/8/2016
05. Literatura engajada - 8/4/2016


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Ravahil
Suzanne Grange
Siruela
(1987)



Minimassagem
Jack Hofer
Record (rj)
(1991)



Bodisatva Maitreya: Livro de Colorir
Templo Zu Lai; Mestre Miao Shang Direção Edit
Templo Zu Lai
(2010)



Hitler-staline: les Secrets Dun Pacte
Historia - Nº 633 de 1999 (revista)
Não Identificada (paris)



Dicionário de Direito Internacional Público
Rubens Ferreira de Mello
Do Autor
(1962)



Meninos & Meninas
Edson Gabriel Garcia
Loyola
(1990)



Ciência Maluca
Carol Castro
Abril
(2015)



Notas Dispersas Pelas Paredes
Ney Mourão
Autêntica
(2008)



123 Atitudes Positivas Em Vendas
Robert F. Taylor
Nobel
(1991)



Fronteiras da Psicanálise
Revista Brasileira Psicanalise Vol 36 Nº 3
Rbp
(2002)





busca | avançada
74393 visitas/dia
2,5 milhões/mês