Comentários de Ana Cristina Melo | Digestivo Cultural

busca | avançada
75949 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Guerreiros e Guerreiras do Mundo pelas histórias narradas por Daniela Landin
>>> Conheça Incêndio no Museu. Nova obra infantil da autora Isa Colli fala sobre união e resgate cultura
>>> Arte do Granja
>>> Prorrogadas as inscrições para 20ª Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis
>>> Projeto Trovadores Urbanos 30 anos, live cinco, “Serenata para Silvio Caldas”, segunda dia 19 de abr
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
>>> Curtíssimas: mostra virtual estreia sexta, 16.
>>> Estreia: Geração# terá sessões virtuais gratuitas
>>> Gota d'agua
>>> Forças idênticas para sentidos opostos
>>> Entristecer
>>> Na pele: relação Brasil e Portugal é tema de obra
>>> Single de Natasha Sahar retrata vida de jovem gay
>>> A melancolia dos dias (uma vida sem cinema)
>>> O zunido
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O que querem os homens? Do Sertão a Hollywood
>>> 8 de Junho #digestivo10anos
>>> Voltar com ex e café requentado
>>> Vinicius de Moraes Reeditado pela Companhia das Letras
>>> Deep Purple Made in Japan
>>> The Newspaper of the Future
>>> Se eu fosse você 2
>>> Lady Gaga, uma aula do pastiche
>>> Comunicado importante: TV mata!
>>> A bolha da blogosfera
Mais Recentes
>>> É Hora! É Hora! de Anna Claudia Ramos pela Nova Fronteira (2005)
>>> Tempo de Voo de Bartolomeu Campos de Queirós pela SM Paradidático (2009)
>>> Brasília: de cerrado a capital da república de Jô Oliveira pela Cortez (2008)
>>> Sujo, eu? de David Roberts pela Companhia Nacional (2006)
>>> Corpo humano de Charline Zeitoun pela Companhia Nacional (2006)
>>> As cores do arco-íris de Jennifer Moore Mallinos pela Companhia Nacional (2008)
>>> O Dom de Sabedoria na mente ,vida e obra de Plinio Correa De Oliveira - 3 Vol - Ver Descrição de Mons. João Scognamiglio Cla Dias , Ep pela Vaticana (2016)
>>> Ana E O Gato de Gusmao Marta^Gusmao Tania pela Franco (2011)
>>> Uma história do mundo de David Coimbra pela L&Pm (2012)
>>> Figura na sombra de Luiz Antonio De Assis Brasil pela L&Pm (2012)
>>> O bem de Cristina Von pela Callis (2011)
>>> Drogas de Leslie Iversen pela L&Pm (2012)
>>> Peanuts: ninguém gosta de mim de Charles M. Schulz pela L&Pm (2013)
>>> Teatro Para A Juventude de Tatiana Belinky pela Companhia Nacional (2005)
>>> Pré-história de Cris Gosden pela L&Pm (2012)
>>> Razão e sentimento: de Jane Austen pela L&Pm (2012)
>>> A interpretação dos sonhos - volume 2 de Sigmund Freud pela L&Pm (2012)
>>> A interpretação dos sonhos - volume 1 de Sigmund Freud pela L&Pm (2012)
>>> Veja--2654--ia dar um tiro nele e me suicidar de Abril pela Abril (2019)
>>> O cão da morte de Agatha Christie pela L&Pm (2012)
>>> Viagem ao centro da terra de Julio Verne pela L&Pm (2012)
>>> Cleo E Daniel de Roberto Freire pela L&Pm (2012)
>>> Platão de Julia Annas pela L&Pm (2012)
>>> Veja--2601--especial--1960 a 2010. de Abril pela Abril (2018)
>>> Fábulas Chinesas de Sérgio Capparelli pela L&Pm (2012)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Terça-feira, 12/1/2010
Comentários
Ana Cristina Melo


Narrativa com mãos firmes
Fabio, o livro de Luis Matta queima em minhas mãos, aguardando as férias para devorá-lo. E a sua resenha só atiçou essas labaredas. Manter a atenção por 560 páginas, usando de todos os recursos que se espera para um livro de suspense, não é tarefa fácil, mas algo que vem sendo feito com maestria por Luis. Parabéns a você pela resenha e ao Luis pelo ótimo livro que ofereceu aos seus leitores. Abs.

[Sobre "O Véu, de Luis Eduardo Matta"]

por Ana Cristina Melo
http://www.anacristinamelo.com.br
12/1/2010 às
14h08 200.216.75.12
 
Lista valiosa
Grande lista, Luis. Suas indicações são sempre valiosas. Minhas palmas para confirmar a qualidade dos textos da Livia Garcia-Roza e Ian Mcewan. Colocarei os outros livros na minha fila de leitura. Um ano novo especial para você.

[Sobre "Algumas leituras marcantes de 2009"]

por Ana Cristina Melo
http://www.anacristinamelo.com.br
30/12/2009 às
20h59 187.24.24.172
 
Escrever também é cortar
No meu caso, a tal crise da meia-idade (antecipada uns 5 anos) surgiu por eu ter me desviado dessa paixão e seguido outra carreira. Mas acostumada a cem tarefas em paralelo, estou de volta. E prestando muita atenção nas faíscas que chegam nos lugares mais inusitados. Acrescento mais uma dica: escrever é cortar. Parabéns pelo texto, Marta.

[Sobre "Escrever pode ser uma aventura"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
1/8/2009 às
07h33 201.37.12.200
 
O prazer em todas as formas
Sou um pouco assim, escrevo mais à mão do que no computador. À lápis ou caneta. Em qualquer lugar. Como não tenho prazos a cumprir, apenas as metas que eu mesma me dou, não preciso de regras e disciplinas. Não importa o lugar ou o "como", importa a sensação do que foi escrito (e revisado). Essa sensação é um prazer único. Adorei "As netas da Ema". Quando sai o segundo romance? Vou buscar seus contos no Rascunho... Bjs

[Sobre "Palavras diurnas e noturnas"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
15/7/2009 às
06h52 201.37.12.200
 
Mais luz para a nossa cultura
Conhecia Zé Rodrix apenas como um entre tantos artistas. E, como tantos brasileiros, desconhecia que a linda música "Casa no campo" era de sua autoria. Mas, lendo seu artigo, você nos deu a imagem de um grande homem e, principalmente, de um homem de muita sensibilidade. Sinto por você, pela ausência desse bom amigo. Sinto por nós, brasileiros, que desconhecemos tanto nossos artistas, nossos escritores, nossa cultura. Mas que textos como o seu possam ser uma luz para que a mídia possa dar voz e imagem a todos os artistas...

[Sobre "Zé Rodrix ― o escritor e o amigo"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
13/6/2009 às
10h39 201.37.12.200
 
Minha lista de onze escritores
Boa lista, Marcelo, principalmente quando você diz tudo o que a Cíntia escreveu e ainda irá escrever. Ela é bárbara quando se trata de contos. Minha lista não está ordenada por importância. Todos são dignos de serem seguidos, pois já demonstraram uma prosa de extrema qualidade e prometem continuar mostrando. Vou ficar nos brasileiros, pois se é para restringir, que seja uma lista nacional. É quase impossível selecionar somente dez, assim, me perdoe a lista de dez que tem onze. Deixo de fora os poetas. Então lá vai: Livia Garcia-Roza, Cíntia Moscovich, Tatiana Salem Levy, Lucia Bettencourt, Carola Saavedra, Marcelo Moutinho, Rodrigo Lacerda, Beatriz Bracher, Domingos Pellegrini, Moacyr Scliar e Adriana Lisboa.

[Sobre "Um Twitter só para escritores"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
21/5/2009 às
09h33 200.216.75.12
 
Sobre detergentes e vinhos
Acho que essa pechincha consumista tem muita relação com o "que agrada diretamente ao eu de cada um", ou no popular "olhando para o próprio umbigo". Esse homem paga o preço que for para degustar seu vinho predileto, mas que importância tem para ele o detergente usado? Não é ele quem vai usar a vassoura ou a máquina de lavar roupa. A mulher com a bolsa de grife precisa se afirmar naquele acessório. Mas o que vejo no dia a dia é que uma boa parte dessas pessoas é capaz de dizer não ao filho que pede uma revista na banca de jornal. O ser humano está muito incoerente e pouco afetivo. Essa afetividade e poder de sorrir com pequenas coisas é o que me faz concordar contigo que não há nada melhor que uma tela de cinema com um bom balde de pipoca. Mas me faz discordar dos seus planos quanto aos Kindles que aparecerão, pois não há nada melhor do que folhear um bom livro, e deixar nossas impressões em suas margens, ou sair sublinhando as frases que ficarão para sempre em nossa memória. Bjs

[Sobre "Cultura, gelo e limão"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
16/5/2009 às
16h40 201.37.12.200
 
A suave Lívia Garcia-Roza
Marcelo, fiquei muito feliz em abrir o Digestivo e encontrar o artigo sobre "Era outra vez". Sou um pouco suspeita, pois adoro a literatura produzida pela Lívia. A voz dessa incrível escritora pode ser ouvida com a máxima força em todos os seus livros. E com que suavidade nos conduz! Ela aborda todos os tipos de relação, com seu toque de humor tão peculiar, sem perder a mão em suas frases inteligentes. E é nessa coletânea, aparentemente simples pelo título, sobre temas que remetem à literatura juvenil, que ela nos entrega uma prosa de primeira grandeza, para todos nós, eternas crianças, que deveríamos continuar a ser. O conto da Pequena Sereia é um primor, até sua última frase, que o encerra de forma muito especial. E para quem ainda não teve contato com a prosa de Lívia Garcia-Roza, indico também três romances fortes e marcantes: "Milamor", "Meu marido" e "Meus queridos estranhos". E "A cara da mãe", para quem quiser ler mais contos.

[Sobre "Era uma vez o conto de fadas"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
2/4/2009 às
09h30 200.216.75.12
 
Vamos enxergar o lado bom
Ana, adorei seu artigo. Também não temos a Cultura no Rio, mas a internet é igualmente uma tentação. Invejei o shopping que você frequenta, que lhe exime do estacionamento por qualquer compra. Aqui, alguns só liberam se a compra for no supermercado. Bem, voltando ao assunto principal, muito boa a sua dica. A coleção já estava na minha fila do "a comprar", e vai ganhar uma estrelinha de prioridade a partir de agora. Mas talvez tenha uma coisa boa em não se ter uma livraria maravilhosa à mão e uma conta bancária solidária com os esbanjamentos culturais: não haveria tempo para ler todos os livros comprados. ;)

[Sobre "Trinca de livros e um bate-papo"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot..com
13/2/2009 às
09h59 201.19.193.195
 
Bela aula!
Mesmo conhecendo a maioria das regras, você nos presenteou como uma bela aula. E de quebra, divertida. Uma sugestão de leitora: publique artigos que vá escarafunchando as novas regras. O problema do acordo está no que não foi dito.

[Sobre "Nôwo e mayúskulo akôrdo ortográphiko"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
9/1/2009 às
08h53 200.216.75.5
 
A magia dos livros vs. filmes
Ótima resenha, Marcelo. Não havia lido esse livro do Roth, e seu texto já fez aumentar minha lista de "pendências para comprar". Deveríamos ter um incentivo do governo para comprar livros :) Haja buraco no orçamento! O filme também já entrou na lista, só que dos DVDs (para quando sair). É que me recuso a assistir um filme antes de ler o livro. Acho que me rouba toda a emoção que as palavras transmitem. Não gosto de perder essa surpresa que só um bom livro traz. Aconteceu com "Reparação". Estou com o DVD (que ainda não assisti), mas antes me obriguei a ler o livro. E o texto é fantástico. Recomendo também aos seus leitores (o livro e o filme).

[Sobre "Fatal: o livro e o filme"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
28/11/2008 às
19h35 201.19.104.181
 
Dividindo boas experiências
Venho acompanhando seus textos sobre as oficinas. São ótimos, além de serem de grande valia. Compilei os links desses artigos num post em meu blog. Dicas de mestres são sempre válidas, e nada melhor do que fazê-las circular, para que sejam devidamente praticadas. Parabéns por dividir conosco essas experiências.

[Sobre "Oficina literária com Michel Laub"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
8/11/2008 às
14h21 201.19.76.105
 
Criticar menos, divulgar mais
Marcelo, parabéns por sua conquista. Neste mundo de ilhas de vendas cheias de traduções e auto-ajuda, é uma vitória conseguir um lugar na estante. Concordo plenamente com sua opinião. De nada adianta apenas encomendar pesquisas sobre percentuais de leitores. Somos os responsáveis por fazer esses jovens perderem o brilho diante de um livro. Critica-se demais, cerceia-se demais, ganha-se leitores de menos. Há tantos autores contemporâneos que envolvem os leitores, nas mais variadas faixas etárias. Autores nacionais ou não. Por que não divulgamos essa literatura? Porque muitas vezes só os clássicos são valorizados. Esses que são imprescindíveis conhecermos, porém que não são de leitura exclusiva nem prioritária.

[Sobre "Literatura é coisa para jovem?"]

por Ana Cristina Melo
http://canastradecontos.blogspot.com
15/10/2008 às
14h40 200.216.75.5
 
Julio Daio Borges
Editor

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Grandes Romances Universais Vol 10: o Bôbo / o Arco de Santana
Alexandre Herculano e Almeida Garrett
W M Jackson
(1955)



O Controle de Inconstitucionalidade das Leis
Luiz Fabião Guasque
Freitas Bastos
(2004)



La Construcción de La Vida y de La Muerte
Dorothy Rowe
Fondo de Cultura Economica
(1989)



Les Invasions Barbares
Pierre Riché
Puf (paris)
(1953)



City of Gold
Len Deighton (capa Dura)
Harper Collins
(1992)



Receitas da Tia Marlu
Marlu Coimbra
Jácomo



O Terceiro Milênio
José Maria Domenecht
Círculo do Livro
(1974)



Bases da Uro-oncologia
Eric Roger Wroclowski e Sidney Glina
Soc Bras Urologia
(2007)



De La Revolucion Industrial a La Actualidad - Terceira Edicion
Valentin Vazquez de Prada (capa Dura)
Rialp
(1964)



Educação para Segurança do Trabalho
Luis Hiromitsu Sasaki
Corpus
(2007)





busca | avançada
75949 visitas/dia
2,6 milhões/mês