ri bastante do texto | eduardo martins

busca | avançada
60917 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Dentre Nós Cia de Dança estreia “Sagrado Seja o Caos”
>>> Teatro: Sesc Santo André traz O Ovo de Ouro, espetáculo com Duda Mamberti no elenco
>>> PianOrquestra fecha a temporada musical 2021 da Casa Museu Eva Klabin com o espetáculo online “Colet
>>> Primeira temporada da série feminina “Never Mind” já está completa no Youtube da Ursula Monteiro
>>> Peça em homenagem à Maria Clara Machado estreia em teatro de Cidade Dutra, na periferia de São Paulo
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
Últimos Posts
>>> Entre outros
>>> Corpo e alma
>>> O tempo é imbatível
>>> Consciência
>>> A cor da tarja é de livre escolha
>>> Desigualdades
>>> Novembro está no fim...
>>> Indizível
>>> Programador - Trabalho Remoto que Paga Bem
>>> Oficinas Culturais no Fly Maria, em Campinas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O poder da idéia
>>> A cidade e as serras
>>> A falta de paciência com o cinema
>>> Feliz aniversário, envelheço na cidade
>>> Antonio Candido
>>> Sem música, a existência seria um erro
>>> O pai tá on: um ano de paternidade
>>> Disciplinas isoladas
>>> Meus encontros e desencontros com Daniel Piza
>>> Pai e Filho
Mais Recentes
>>> O Homem do Castelo Alto de Philip K Dick pela Brasiliense (1962)
>>> Lições de Árabe de Olga Creidy pela Sulina (2000)
>>> Tratamento para Rejuvenescer de Manfred Kohnlechner pela Ediouro (1982)
>>> O Comandante Ianque de Mitch Weiss pela Record (2017)
>>> Perry Mason - The case of sulky girl de Erle Stanley Gardner pela Cardinal (1958)
>>> Artistas Famosos - Van Gogh de Obra Coletiva pela Obra Coletiva (1998)
>>> Conheces os Meus Amigos? - Livro Quebra-cabeça de Divo pela Divo (2013)
>>> O Diário de um Mago de Paulo Coelho pela Rocco (1987)
>>> O Verdadeiro, o Belo e o Bem de Jean Pierre Changeux pela Civilização Brasileira (2013)
>>> Filosofia de Paradigmas de Wesley E. Bjur, Geraldo R. Caravantes pela Age (2016)
>>> Recreio Fazendo Arte Atividades Iradas de Vários Autores pela Abril (2013)
>>> A Feira dos Casamentos de J. W. Rochester pela Correio Fraterno
>>> Frühlingsfeuer de James a Michener pela München, Wilhelm Heyne, (1977)
>>> Técnicas de Trabajo Individual y de Grupo En El Aula de Patricio Fuentes Perez, Jose Galan Cascales pela Pirámide (1997)
>>> Paixão, Drogas e Rocknroll (lacrado) de Daniela Niziotek pela Maquinaria (2010)
>>> George Sand de Alphonse Seche pela Edicoes Cultura Brasileira
>>> Castelo de Cartas (lacrado) de William D. Cohan pela Best Business (2010)
>>> Café o Sabor e o Prazer Coleção União de União pela União
>>> Capitão América os Hidra Arquivos de Warner Maria Stern pela Babel (2011)
>>> O Kit de Sobrevivência do Descobridor Português no Mundo Anticolonial de Patrícia Lino pela Macondo (2020)
>>> Gestão de Custos - Contabilidade, Controle e Análise (lacrado) de Raimundo Nonato Sousa Silva, Luiz dos Santos Lins pela Atlas (2017)
>>> Mercado Financeiro e de Capitais uma Introdução de Armando Mellagi Filho pela Atlas (1988)
>>> Essencial - Diabetes sem Segredos de Janice Florido pela Nova Cultural
>>> Jrduran de Não Identificado pela Francis (2006)
>>> As Duas Guerras de Vlado Herzog de Audalio Ferreira Dantas pela Civilização Brasileira (2012)
COMENTÁRIOS

Sexta-feira, 10/11/2006
Comentários
Leitores


ri bastante do texto
coitado do baltazar! vc nunca pensou que pode ter matado alguém de solidão, (ou por outro lado, já pensou que pode ter favorecido certo controle de natalidade ou evitado a propagação de chatos... digo, das doenças venéreas)? ri bastante do texto.

[Sobre "As ligações perigosas"]

por eduardo martins
10/11/2006 às
11h25 201.78.218.3
(+) eduardo martins no Digestivo...
 
Uma beleza!
Uma vez uma li uma reportagem sobre a flauta mágica de Mozart, onde o autor, embevecido com a beleza da música, atestava o seu puder curativo contra a depressão. Esse ensaio, Marcelo, também é curativo pela leveza da vida que você transmite com as palavras. Tenho que agradecer-lhe e felicitá-lo. Uma beleza!

[Sobre "Uma nota sobre a leveza do ser"]

por cissa lafayette
9/11/2006 às
23h00 200.149.243.50
(+) cissa lafayette no Digestivo...
 
Nau sem rumo
Bom que concordamos quanto ao voto facultativo. Já é alguma coisa. O resto são picuinhas. Bloom, tô mais cansado dessa conversa do que você disse que estava. Vitor, tô mais cansado do que o Bloom disse que estava. Abandono o barco, a nau me parece sem rumo. Citações! Acho legal finalizar com uma bela citação. Do Millôr: "Todos os homens são iguais. Mas alguns são mais iguais que outros." Isso é só pra rir um pouco. Sou daquele tipo de cara que paga um boi pra não entrar numa briga mas, uma vez nela, paga uma boiada pra sair. Bloom, Vitor, nos leremos mutuamente em próximas ocasiões, espero. Vão em frente. Abraços.

[Sobre "Por que votei nulo"]

por Guga Schultze
http://gugasic.blogspot.com
9/11/2006 às
21h46 201.80.37.195
(+) Guga Schultze no Digestivo...
 
queria tê-lo conhecido também
Adorei tanto o texto quanto os comentários, principalmente o que está acima deste meu... Genet é fantástico, queria o ter conhecido também... "Conheci-o" através de um documentário que se passara em algum canal de TV a cabo, e fiquei fascinada por aquele gênio rebelde COM CAUSA. Completamente fascinada. Genet é TUDO.

[Sobre "Jean Genet no Brasil"]

por Denise
8/11/2006 às
23h05 200.184.8.114
(+) Denise no Digestivo...
 
Só as mães sabem como é...
Ana, só quem é mãe sabe como é... cuidar de todos, pensar primeiro neles e depois em nós... e, lá no fundinho, esperar não a retribuição, mas, pelo menos, o reconhecimento do carinho e dos cuidados prestados. Geralmente não vêm nenhum deles. Mas um dia, sem esperar, descobrimos que eles reparam, sim, que cuidamos deles. Mas mãe não precisa que digam isso... elas sabem. (Mas isso não impede que gostemos de um cuidado de vez em quando...) Adorei o texto (como geralmente adoro todos os seus textos, continue escrevendo!) Um abraço.

[Sobre "Cuidar, cogitar, tratar, amar"]

por Cristine
8/11/2006 às
20h45 201.93.218.192
(+) Cristine no Digestivo...
 
A incompetência é global
Impressionante é verificar como esta incompetência é global. No Brasil, onde a produção artística destacada pelo jornalismo cultural e pelas próprias instituições que promovem estes eventos se resume à cultura de rua e ações que são mais voltadas ao assistencialismo social, onde o presidente condecora os Racionais MCs como "cavaleiros da cultura", era de se esperar que tais fenômenos fossem motivo de atenção. Mas verificar que esta inversão de padrão cultural se promove na Europa é triste. Necessário seria investigar quais meios financiam essas manifestações, pois claramente há um fim comum nessas ações: a alienação total para a formação de castas controláveis por meio de suposta crítica sócio-cultural.

[Sobre "Crítico"]

por Paulo Castro
http://atelierpoese.blogspot.com/
8/11/2006 às
16h58 201.1.81.201
(+) Paulo Castro no Digestivo...
 
Voto com instrução
Vitor, de fato, é uma idéia sensata, a igualdade perante a lei, mas se for levada ao pé da letra, dá base para a menoridade penal, por exemplo, para uma crianca de 10 anos poder dirigir e poder ser presa. Se o argumento contra a menoridade penal for que uma criança não tem condições de dirigir ou de assumir responsabilidades, a mesma vale para o voto sem instrução. Vira uma questão de interpretação e dá margem para discutir a imunidade indígena, por exemplo. Ou cair nos direitos iguais, como o de todo cidadão cursar uma universidade pública sem vestibular, ter saúde e segurança de qualidade, e muitas outras coisas que são corretas, mas que não acontecem. O certo seria todos terem instrução para votar, mas infelizmente não é o que ocorre.

[Sobre "Por que votei nulo"]

por Edward Bloom
http://iaad.blogspot.com
8/11/2006 às
15h08 201.6.253.3
(+) Edward Bloom no Digestivo...
 
Direitos
Quero deixar claro que sou a favor do voto facultativo, mas absolutamente contra essa idéia de restringir o direito de voto a algumas faixas. Todos são iguais perante a lei, ou deveriam ser. Essa proposta nada tem de democrática. Quanto à sua crítica sobre os políticos, perfeito, é um direito seu, embora caia na generalização.

[Sobre "Por que votei nulo"]

por Vitor
8/11/2006 às
14h50 200.147.103.13
(+) Vitor no Digestivo...
 
Guga e Vitor
Que bom, voltamos a um debate interessante. Guga, de acordo. Instrução é o mínimo para se votar, e poderia dizer até que seria democrático, pois há gente instruída partidária de tudo que há para ser partidário. Vitor, gostei do seu questionamento sobre quem julgar essa aptidão para o voto, uma comissão de notáveis, no caso, que seleciona apenas quem os interessar. Mas não é isso que os políticos são? Que preenchem diretorias de empresas públicas com gente de seu partido, de seu escritório, de sua família? Que julgam leis e execuções conforme seus interesses, de seus partidos? Há uma explicação cabível aí, de que seria uma escolha de quem a sociedade elegeu para lhe representar, mas volto ao começo da conversa: não vejo ninguém no meio político que me representaria ou que tenha algum interesse senão em ser sustentado pelo Estado e com sorte arranjar um empreguinho pro sobrinho, pra cunhada, etc. E vejo como uma posição democrática válida e não uma inclinação ditatorial como você disse.

[Sobre "Por que votei nulo"]

por Edward Bloom
http://iaad.blogspot.com
8/11/2006 às
13h28 201.6.253.3
(+) Edward Bloom no Digestivo...
 
Novo método
Olá, Mr. Schultze. Escrevo o seu sobrenome porque quando a gente cita alguém em um texto deve nominar esse alguém. Tenho visão e audição ótimas, felizmente. E meus argumentos estão no espírito do debate. O problema é que alguns só lêem o que lhes convêm. Já disse aqui, por exemplo, que sou a favor do voto facultativo. Entendo que o voto deve ser um direito e não um dever. Eu iria às urnas do mesmo jeito, e se meu candidato perdesse não ficaria pelos cantos lamentando o resultado e procurando desvios de caráter no eleitorado. Aptidão? Quem seria o responsável pela aplicação dos testes? Uma comissão de notáveis? O bispo? O Dunga? Imagino a seleção pelo método Schultze. "Em quem o sr. vota?" "Em fulano ou no partido X", responde o cidadão. "Ah, não, o sr. não está apto." Assim, por esse método, teríamos a democracia seletiva. Sei não, mas acho que já registraram essa patente.

[Sobre "Por que votei nulo"]

por Vitor
8/11/2006 às
12h27 200.147.103.135
(+) Vitor no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Rock - An Illustrated History
Stephen Barnard
Orbis
(1986)



O Enigma do Quatro
Ian Caldwell & Dustin Thomason
Planeta
(2005)



Esaú e Jacó - Memorial de Aires
Machado de Assis
Nova Cultura
(2003)



A Criança de 6 e 7 Anos na 1ª Série
Selene Ribeiro Kepler
Mec
(1974)



A Ditadura da Moda
Nina Lemos
Conrad
(2009)



Googled
Ken Auletta
Agir
(2011)



Post-Mortem
Patricia D. Cornwell
Companhia das letras
(1999)



Introdução á ciência política
Darcy Azambuja
Globo



History as Text: the whriting of Ancient History
Averil Cameron (edit)
Duckworth
(1989)



The Best of Masterfile 22
Vários Autores
Masterfile Brasil
(1998)





busca | avançada
60917 visitas/dia
1,9 milhão/mês