Dos Resultados Inversos Às Expectativas | Ricardo de Mattos | Digestivo Cultural

busca | avançada
22858 visitas/dia
708 mil/mês
Mais Recentes
>>> Mulheres detêm o poder do mundo em eletrizante romance de Naomi Alderman
>>> Comédia Homens no Divã faz curta temporada no Teatro Municipal Paulo Eiró
>>> Ballet Acadêmico da Bahia apresenta STAR DANCE no TCA, dia 07/06 às 20h
>>> Zé Eduardo faz apresentação no Teatro da Rotina, dia 30.05
>>> Revista busca artigos inspirados no trabalho de professores
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A Fera na Selva, filme de Paulo Betti
>>> Raio-X do imperialismo
>>> Cães, a fúria da pintura de Egas Francisco
>>> O Vendedor de Passados
>>> A confissão de Lúcio: as noites cariocas de Rangel
>>> Primavera para iniciantes
>>> Nobel, novo romance de Jacques Fux
>>> De Middangeard à Terra Média
>>> Dos sentidos secretos de cada coisa
>>> O pai da menina morta, romance de Tiago Ferro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lançamentos em BH
>>> Lançamento paulistano do Álbum
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 2
>>> Ana Elisa Ribeiro lança Álbum
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
>>> Conceição Evaristo em BH
>>> Regina Dalcastagné em BH
>>> Leitores e cibercultura
>>> Sarau Libertário em BH
>>> Psiu Poético em BH esta semana
Últimos Posts
>>> Greve de caminhoneiros e estupidez econômica
>>> Publicando no Observatório de Alberto Dines
>>> Entre a esperança e a fé
>>> Tom Wolfe
>>> Terra e sonhos
>>> Que comece o espetáculo!
>>> A alforja de minha mãe
>>> Filosofia no colégio
>>> ZERO ABSOLUTO
>>> Go é um jogo mais simples do que imaginávamos
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Dos sentidos secretos de cada coisa
>>> Nobel, novo romance de Jacques Fux
>>> Entrevista da Camille Paglia
>>> Primavera para iniciantes
>>> Batchan, elas são lindas...
>>> Batchan, elas são lindas...
>>> Meu cinema em 2010 ― 2/2
>>> Doente de tanto saber
>>> O último Shakespeare
>>> De Middangeard à Terra Média
Mais Recentes
>>> Extraordinario
>>> A teus pes
>>> A Mamãe é Rock
>>> O Papai é Pop 2
>>> Teologia Bíblica do Antigo Testamento. Uma História da Religião de Israel na Perspectiva Bíblico TeológiIca
>>> O terror
>>> Depois da queda
>>> Origem
>>> Os impunes
>>> Mundo dos sonhos realidade e imaginação
>>> A Literatura no Brasil- Volume 4
>>> A Literatura no Brasil- volume 6
>>> Eu, Christiane F., 13 anos, drogada, prostituída...
>>> Asterix Entre os Bretões- Número 4
>>> Apresentação de Jorge de Lima
>>> Rei Negro
>>> A Literatura no Brasil volume 5 Modernismo
>>> Miragem
>>> O Rajá do Pendjab - vol. 1
>>> A Aldeia Ancestral
>>> Inocência Heróica
>>> A Colheita
>>> -Inéditos - Revista volume 2
>>> A Literatura no Brasil Volume 3
>>> A Revolução das Moedas Digitais- Bitcoins e Altcoins
>>> O Menino de Capivari - Volumes I, II e III
>>> Por uma Geografia Nova
>>> Oriundi - os Italianos em Capivari
>>> Filosofia da Realidade e da Projeção
>>> Astrojildo Pereira - in Memoriam
>>> J. Prata - Belas Páginas
>>> Vida, Paixão e Poesia de Rodrigues de Abreu
>>> Vida, Paixão e Poesia de Rodrigues de Abreu
>>> Salomé e Outros Versos
>>> Salomé e Outros Versos
>>> Ensinar a Pensar -Teoria e Aplicação
>>> Na Escola que Fazemos - Uma reflexão interdisciplinar em edução popula
>>> Educação e Mudança
>>> Acompanhantes Terapêuticos e Pacientes Psicóticos
>>> A Beleza da Arte
>>> A Ronda das Ruas
>>> O Combate a Corrupçao Nas Prefeituras do Brasil
>>> Ciencias e Tecnologias Col. Pesquisas e Praticas Em Educacao
>>> Prática Pedagógica Competente: Ampliando os Saberes do Professor
>>> Os Segredos do Gerente 8020
>>> Excelência no Secretariado: A Importância da Profissão nos...
>>> Segurança E Medicina Do Trabalho
>>> Gestão de Investimentos - Pocket
>>> Plano de Negócios
>>> Marinheiros e professores: crônicas simples ade, construtivismo
COLUNAS

Quinta-feira, 21/10/2004
Dos Resultados Inversos Às Expectativas
Ricardo de Mattos

+ de 3300 Acessos

"Oh, não me enterrem na solitária pradaria
Onde os coiotes bravios vão uivar sobre mim,
Onde cascavéis silvam e o vento sopra sem fim...
Oh-h, não me enterrem na solitária pradaria.
"

Na esclarecedora introdução aos Contos de Faroeste que organizou, Jon (sic) E. Lewis afirma ser o western "a única forma de arte verdadeiramente americana". Deveras. O imaginário do faroeste é de grande força, e se não contamina a cultura norte-americana no todo, levando ao estereótipo, segue em paralelo com o conhecido destaque. Quem é reconhecido com maior facilidade pelo homem comum: Cole Porter ou John Wayne? A menção da Itália acende a lembrança do império romano e do Renascimento. Fale-se em Rússia e desfilam os nomes dos grandes escritores dos oitocentos. Refira-se à Alemanha, ou aos países germânicos, e apresenta-se uma ciranda de compositores. Fale-se, portanto, em Estados Unidos da América e uma das primeiras faces lembradas é a da cultura popular influenciada pelas coisas, pessoas e situações do "oeste bravio": ranchos, índios apaches e cherokees, gado, cavalos selvagens, botas com esporas tinindo, armas, mulheres dispostas à luta, jogo de cartas, tiroteios, xerifes, duelos em ruas entre casas de madeira, diligências, fortes militares.

Eis um conjunto de breves narrativas que recebi sem muito calor e li com grande prazer. Entretanto, o principal veículo de divulgação da cultura western foi o cinema norte-americano. Com pouco esforço o aficionado ao gênero lembra e cita alguns títulos, por exemplo, do cinema italiano. Aquele, porém, vem na frente d'este. Vários dos grandes astros e estrelas participaram dos "filmes de cowboy" e os primeiros contos e romances adaptados foram de faroeste. Na coletânea, há contos de autores como O. Henry, cujo personagem Cisco Kid aparece no primeiro filme d'este tipo do cinema falado, o No Velho Arizona, de 1.929. Bertha Bower - O Rei do Rodeio - e Max Brand - Atire A Primeira Pedra - foram escritores e roteiristas. O ator e diretor John Ford produziu vários filmes, entre eles No Tempo Das Diligências e Legião Invencível, inspirados nas obras de Ernest Haycox e James W. Bellah. O famoso Um Homem Chamado Cavalo foi baseado no conto homônimo de Dorothy Johnson. A cena inicial, mostrando um homem sendo erguido do chão por um osso que lhe atravessou o tórax, desencorajou um certo pirralho de doze anos de assistir o resto.

Alguns dos autores presentes foram prolixos ao exagero. Bertha Bower escreveu 72 romances. Zane Grey apenas cinco a mais: 77. Já Max Brand é o vencedor da prolixidade: trezentos romances ou um milhão de palavras por ano. O. Henry escreveu menos, mas sua vida assemelhou-se à de seus personagens. Acusado de fraudar o banco onde trabalhava, fugiu para a América do Sul, entrando em contato com ladrões do mesmo ramo. Voltando aos EUA, teve bastante tempo para escrever enquanto cumpria seus cinco anos de prisão. Dois outros de seus contos constam da antologia Os 100 Melhores Contos de Humor da Literatura Universal. Trata-se de Ética de Porco e Jeff Peters e a Hipnose Magnética. Seu Jeff Peters pode ser aparentado com nosso Pedro Malasartes.

Da obra de Mark Twain, não foi escolhido um conto ou novela, mas trechos iniciais do romance Endurecendo O Jogo, publicado em 1.972. A escolha pelos excertos foi feliz, pois assim dá-se uma folga a A Celebrada Rã Saltadora do Condado de Calaveras. Com Jack London, representam exemplos de escritores do "faroeste literário". Dos são os estilos: o faroeste popular ou "de fórmula" e o literário. O popular foi o responsável pela disseminação e definição dos parâmetros que passaram a ser seguidos. As histórias eram publicadas nas revistas pulp, equivalentes das brochuras de papel-jornal encontradas hoje nas bancas, que pagavam um centavo de dólar por palavra.

Epitáfio, de Flávio Paranhos

O livro que me causou expectativa favorável e ao final desapontou-me é Epitáfio, do médico goiano Flávio Paranhos. Ele já publicou uma peça de teatro - O Candelabro Judeu - e o Poema Schreberiano n'uma antologia. Com o livro de contos, dá impressão de querer escrever uma obra de cada gênero. Deveria começar pela crônica. É prometido pelo autor das orelhas um conjunto de contos nos quais se poderia notas a familiaridade do autor "com a tradição filosófica, com a psicanálise, com os grandes problemas culturais e sociais da modernidade". Uma regra sempre seguida por mim dispõe que se não deve acreditar no texto das orelhas, cuja finalidade é dar publicidade, não oferecer uma crítica isenta. Se o leitor não compartilhar do ânimo, pode sentir-se logrado. Eu soube, inclusive, de alguém que recebeu a seleção de contos como presente de aniversário e passou-a adiante.

Cabe aqui a mesma consideração tecida a respeito do último livro de contos de Angela Dutra de Menezes. Uma história, um argumento que pareçam engraçados ou interessantes à primeira vista, podem ser rejeitados após certo período de descanso. As pessoas parecem ter pressa em escrever, o que revela não uma compulsão pela escrita, mas sim, uma compulsão pela fama de escritor, de "pessoa de letras". As idéias nos parecem anotadas na pressa da inspiração, mas sem receber depois desenvolvimento e forma melhores. Um d'eles, "Pensando Bem", é uma charada intelectual tentando transmitir algo das filosofias de Soren Kierkgaard e Arthur Schopenhauer. Não vai além da primeira camada de tinta. Já o conto "Armário" é a reescrita inferior d'O Arquivo, do fluminense Victor Giudice, conhecido por contar a história do funcionário que no andar de sua carreira profissional é sempre rebaixado ao invés de ser promovido, até transformar-se n'um arquivo de metal. Lamentável que as pretensões literárias de alguém encontrem tão logo um epitáfio.

Para ir além






Ricardo de Mattos
Taubaté, 21/10/2004


Mais Ricardo de Mattos
Mais Acessadas de Ricardo de Mattos em 2004
01. A Sombra do Vento, de Carlos Ruiz Zafón - 9/9/2004
02. Equador, de Miguel Sousa Tavares - 29/7/2004
03. O Livro das Cortesãs, de Susan Griffin - 4/3/2004
04. História e Lenda dos Templários - 1/4/2004
05. O Livro Impresso e O Livro Virtual - 26/8/2004


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ECOS DE SÃO BARTOLOMEU
LUIZ ANTÔNIO MILLECCO / ISABEL B. DE SOUZA
LACHATRE
(2005)
R$ 8,89



CANÇÃO DA ESPADA CRÔNICAS SAXÔNICAS 4
BERNARD CORNWELL
RECORD
(2008)
R$ 15,00



PODER, GRUPOS DE PRESSÃO E MEIOS DE COMUNICAÇÃO
DJALMA PATRÍCIO
FURB
(1998)
R$ 35,00



VENENO NAS VEIAS
M. G. SCARSBROOK
GERAÇÃO EDITORIAL
(2012)
R$ 8,00



MINHA TERRA E MEU POVO
DALAI LAMA - TRAD. HELOISA MARIA LANARI
SEXTANTE
(2001)
R$ 15,88



A DANÇA CÓSMICA DAS FEITICEIRAS
STARHAWK
NOVA ERA
(2007)
R$ 90,00



TEMPO E ESPAÇO
JIM HICKS
ABRIL LIVROS
(1997)
R$ 10,00



HOJE ESTÁ UM DIA MORTO
ANDRÉ DE LEONES
RECORD
(2006)
R$ 12,79



A TRANSFORMAÇÃO DA INTIMIDADE
ANTHONY GIDDENS
UNESP
(1993)
R$ 10,00



QUEEN - HISTÓRIA ILUSTRADA DA MAIOR BANDA DE ROCK DE TODOS OS TEMPOS
PHIL SUTCLIFFE
GLOBO
(2011)
R$ 105,00





busca | avançada
22858 visitas/dia
708 mil/mês