Uma gripe e dois livros para distrair | Adriana Baggio | Digestivo Cultural

busca | avançada
45185 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 6/7/2006
Uma gripe e dois livros para distrair
Adriana Baggio

+ de 3300 Acessos
+ 2 Comentário(s)

flor
Ilustra by Tartaruga Feliz

Passar o feriado de cama por conta de uma dessas indefectíveis viroses de inverno tem seu lado bom - por mais que seja difícil perceber. Ficar parada é praticamente um crime nos dias de hoje. Daí vem a doença e te derruba de nocaute no primeiro assalto. E você, indefesa, sabe que o melhor é aceitar e se conformar. Conformação - outra atitude que não combina com essa época tão ativa e pró-ativa, mas que é fundamental em um momento como esse.

Logo vêm à mente aquelas fábulas orientais sobre carvalhos rígidos que sucumbem às tempestades, enquanto os bambus se dobram e sobrevivem. Me rendi pacificamente ao ataque dos vírus e bactérias e deleguei as tarefas de lutar e contra-atacar aos meus anticorpos. Enquanto a batalha se desenrolava feroz nos meus brônquios, me distraí com a paisagem a partir do sofá da sala. De um lado, o mundo emoldurado pela varanda, em dias insuportavelmente ensolarados. Sol é um veneno para o corpo com gripe e para a mente obrigada a ficar quieta. Nessas horas, o melhor mesmo é um céu nublado, uma chuvinha fina. Quando a vista ou a posição se tornavam insuportáveis, deixava o sol para trás e redescobria a minha casa. Os livros na estante, as flores no jarro, os quadros na parede. Incrível como até uma sala comum pode conter novidades para seus próprios moradores.

Mas chega uma hora em que os estímulos visuais perdem a graça. Então, parti para os livros: hora de fazer a fila andar, de botar a leitura em dia. Peguei um volume com um título instigante: Putz! Virei a minha mãe!, de Sandra Reishus (Carpe Diem, 2006, 190 págs.). Todas as mulheres, secretamente, sentem algum receio de se tornarem iguais às suas mães nos piores aspectos delas. Um medo estimulado por aqueles comentários que os homens fazem quando querem nos ferir profundamente: "você está ficando igual a sua mãe!". De uma tacada só, eles conseguem atingir duas gerações da família.

Para que comentários maldosos masculinos, se uma mulher pode fazer pior? A contracapa e as orelhas do livro prometem receitas para nos libertarmos do estigma da herança materna. Mas não se deve dar confiança a esse tipo de proposta, não é mesmo? Logo no começo, percebo a farsa: como diria minha mãe, a autora é filha de chocadeira. Os casos que ela cita são patológicos. Os comportamentos descritos não são o normal entre mães e filhas, são as exceções! Sem falar na distorção de responsabilidades: se a filha vai mal na carreira, não arranja namorado ou vive infeliz pelos cantos, pode apostar que é culpa da mãe. Mesmo para um livro de auto-ajuda, passou dos limites. Também, esperar o que de alguém que agradece ao professor de jazz pelo seu desempenho como "escritora"? Ah, tenha a santa paciência! O lado bom é que essa obra me permite realizar o antigo sonho de citar a antológica Dorothy Parker: "este não é um livro para ser posto casualmente de lado. É para ser atirado longe, com toda a força."

Deixando mães e filhas de lado, sigo para as avós. As netas da Ema, de Eugênia Zerbini (Record, 2005, 176 págs.), é um romance com personagens femininas e conflitos idem. O fio da narrativa é conduzido por uma mulher de meia-idade, bonita, corajosa e bem-sucedida. Depois de um assalto, ela decide rever seus objetivos de vida e suas aspirações. Essas reflexões são passadas para o leitor através de monólogos interiores ou em diálogos com as amigas. Enquanto os diálogos são mais naturais, as conversas internas parecem trazer algo da formação acadêmica da escritora (mestre e doutora em Direito Internacional). Às vezes, ela perece estar dissertando, defendendo alguma idéia. Nesses momentos, utiliza termos e estruturas que destoam do restante da linguagem.

Um aspecto interessante do livro é a maneira como as personagens são chamadas. Ao invés de nomes, estereótipos, como "A-loira-muito-linda-de-olhos-gateados". As amigas-estereótipos são como exemplos de caminhos que as mulheres têm seguido em suas vidas. A divorciada e com filhos, a linda e sozinha, a mãe solteira que não precisa de homens, e por aí vai. Essas são as netas da Ema, a Bovary, personagem clássica de Gustave Flaubert. A explicação para a referência é feita pela narradora, em uma de suas reflexões pós assalto. As mulheres de hoje seriam como netas de uma mulher que era livre, de certa forma, mas cuja insatisfação foi sua perdição. Os objetivos e as metas de realização femininas atuais são diferentes, mas como diz a narradora, parece que algo ainda nos puxa para trás, para sonhos com príncipes encantados e famílias perfeitas. Ou seja, continuamos insatisfeitas.

As netas da Ema venceu a edição 2004 do Prêmio SESC de Literatura. A história inusitada e a forma diferente de "batizar" as personagens dão um ar de contemporaneidade ao livro. No entanto, algumas vezes o roteiro parece meio solto, sem ligação entre suas partes. Tem uma passagem da adolescência da protagonista, de forte apelo erótico e dramático. Isoladamente, é um bom trecho, mas se perde em função do restante. Parece que falta um pouco mais de tempo para contar a história, de laços que amarrem um segmento ao outro. Quando se chega ao final, é uma verdadeira surpresa. A sensação é de pisar em falso, de achar que vai encostar no chão e só encontrar o vazio. Terminar o livro é quase um tombo. Senti pena por ele ter acabado assim tão rápido, sem eu perceber.

Enfim, depois dessas leituras, de quatro dias de cochilos e de assistir a doze jogos de Copa do Mundo, os anticorpos parecem estar vencendo a batalha. Os vírus, bactérias ou seja lá o que for, estão batendo em retirada. Hora de voltar ao trabalho, de correr de um compromisso a outro, de extinguir todos os espaços vazios do dia. Os livros que não foram escalados vão ter que se conformar com o banco, pelo menos até chegar a vez deles. E se as coisas continuarem assim, daqui a pouco eles vão me fazer companhia novamente, em mais uma dessas viroses que insistem em nos colocar no nosso devido lugar.

Para ir além









Adriana Baggio
Curitiba, 6/7/2006


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Corot em exposição de Jardel Dias Cavalcanti
02. E não sobrou nenhum (o caso dos dez negrinhos) de Gian Danton
03. Ivanhoé de Gian Danton
04. Modelos plus size: as novas mulheres irreais de Pati Rabelo
05. Amor (in)Condicional de Marilia Mota Silva


Mais Adriana Baggio
Mais Acessadas de Adriana Baggio em 2006
01. Dicas para você aparecer no Google - 9/3/2006
02. Eles vão invadir seu Orkut! - 9/2/2006
03. Cruzeiro marítimo: um espetáculo meio mambembe - 23/2/2006
04. O amor e as mulheres pelas letras de Carpinejar - 20/7/2006
05. Breve reflexão cultural sobre gaúchos e lagostas - 12/1/2006


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
6/7/2006
13h05min
Olá, Adriana. Seus textos são realmente deliciosos de se ler. Parabéns! Bjinhos. Ana
[Leia outros Comentários de Ana Claudia]
15/7/2006
20h02min
Amei, Adriana. Muito legal, vou repassar. Beijo.
[Leia outros Comentários de Gisele Lemper]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




LUA AZUL - SÉRIE OS IMORTAIS - VOLUME 2
ALYSON NOËL
INTRINSECA
(2010)
R$ 12,80



NOVOS RUMOS DO TEATRO
ALBERTO MIRALLES
BIBLIOTECA SALVAT
(1979)
R$ 10,00



COLETÂNEA DE MENSAGENS DE JOSÉ - VOL. 3
HÉLCIO EUGÊNIO DE LIMA E SILVA (MÉDIUM)
ARTHUR FERREIRA DA COSTA (RJ)
(1980)
R$ 8,00



INCLUSÃO DIGITAL: COM A PALAVRA, A SOCIEDADE
LIA RIBEIRO DIAS
PLANO DE NEGÓCIOS
(2007)
R$ 14,00



PSICOLOGIA EDUCACIONAL
LANNOY DORIN
DO BRASIL
R$ 4,00



O DILEMA DE EINSTEIN
JEREMY STANGROOM
MARCO ZERO
(2012)
R$ 33,00



CADERNOS NEGROS: VOLUME 40 - CONTOS AFRO-BRASILEIROS
VÁRIOS
QUILOMBHOJE
(2017)
R$ 45,00



EVOLUCIONÁRIOS - 1ª EDIÇÃO
CARTER PHIPPS
CULTRIX
(2014)
R$ 49,95



HISTÓRIA DO BOI . AUTOGRAFADA
AFRANIO CORREA
PONGETTI
(1952)
R$ 26,28



MADAME BOVARY
GUSTAVE FLAUBERT
CÍRCULO DO LIVRO
(1976)
R$ 22,00





busca | avançada
45185 visitas/dia
1,2 milhão/mês