As tentações do novo livro de Mayra | Marcelo Spalding | Digestivo Cultural

busca | avançada
58424 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 27/8/2009
As tentações do novo livro de Mayra
Marcelo Spalding

+ de 3700 Acessos

Quando uma adolescente estreia na literatura com um romance em primeira pessoa, é quase inevitável que a história seja autobiográfica e a narradora uma espécie de alter ego da autora. Ainda mais se a história é moderninha, descolada, cheia de sexo, drogas e rock'n'roll. O que não quer dizer, diga-se logo, que essa estreia será frustrada, e a autora, ruim. Fugalaça, de Mayra Dias Gomes, publicado em 2007, mostra que é possível uma adolescente narrar suas "peripécias" com um ritmo capaz de prender o leitor e ideias suficientes para superar eventuais clichês e pieguices. Na época, Mayra disse que Fugalaça era um "vômito literário", e comentei em resenha sobre o livro que o "vômito" era uma tentativa desesperada de compreender-se pelo resgate da memória, de ser aceita pela exposição, de reparar conflitos e dilemas insuperáveis pela aparente lógica proporcionada pelo papel.

Agora, dois anos depois, apenas dois anos depois, Mayra publica um novo romance, e novamente pela Record (decerto satisfeita com as vendas do primeiro), e novamente em primeira pessoa, e novamente com uma narradora mulher em busca de identidade. Mas, pasmem, ela resistiu à tentação: Mil e uma noites de silêncio (Record, 2009, 308 págs.) não é um novo Fugalaça.

Tentações, aliás, não faltaram nem para a protagonista nem para quem se aventura a comentar o livro. Comecemos pelas tentações para quem se aventura a comentá-lo:

A primeira tentação seria ler o segundo livro sob o mesmo prisma do primeiro, uma história autobiográfica, um alter ego de uma narradora jovem demais para imaginar histórias. E seria um olhar absolutamente preconceituoso e injusto com o novo romance de Mayra, que apresenta personagens densos, revela uma trama intrincada e se constrói a partir de uma imaginação privilegiada.

Outra tentação seria relacionar sua história com a literatura produzida pela "nova geração", uma geração de sexo, drogas e internet. E realmente encontraremos nessas mil e uma noites a droga, muitas drogas, ainda mais se entendermos álcool e remédios como drogas, mas dessa vez a droga não move as ações da protagonista e ela não terminará num leito de hospital depois de tentar o suicídio: Mayra soube superar esse perfil já estereotipado de menina rica e aborda o delicado tema do abandono em tempos de relações familiares fragilizadas.

Terceira tentação: ler o livro em paralelo com As mil e uma noites, e Clara seria uma nova Sherezade tentando sobreviver à depressão, aos abandonos, enquanto a degola do sultão seria sua própria apatia, capaz de fazê-la, por vezes, desejar a morte. Leitura possível, mas o título parece mais um jogo de palavras do que um sinal de intertextualidade, não há sequer a menção de que mil e uma noites separam o começo da narrativa do fim (e bem poderiam sê-lo).

Verdade que talvez todas essas leituras fossem válidas, mas se ficarmos apenas com uma delas será reduzir demais a obra: Mil e uma noites de silêncio é um romance que afirma Mayra como escritora, tirando-a do romance-diário, e deve mexer com uma geração carente tanto de afeto quanto de boas histórias que a represente.

Os dois temas predominantes da obra, tratados sem superficialidade e sem falsas soluções, são temas que parecem incomodar demais as novas gerações: a solidão e a identidade. Clara é uma menina abandonada pela mãe, adotada ainda bebê e que perde a mãe adotiva para o câncer pouco depois de ser deixada pelo noivo em pleno altar. Quando se vê sozinha, cheia de lembranças, saudades e pudores, perde as forças e se deixa levar por profunda apatia e resignação. A partir daí, questiona sua própria identidade e, por conseguinte, sua própria noção de realidade.

"Carente de afeto, eu me agarrava às verdades absolutas com as quais eu havia convivido até então. De qualquer forma, mesmo com esta repentina noção de realidade, ainda acreditava nas mesmas coisas."

A realidade, para Clara, não é o mundo de medos e saudades de sua cabeça, um mundo que não a permite viver a vida lá fora, se envolver. Mas também não parece ser a vida a dois que ela aos poucos constrói com um namoradinho, Lukas. Quando vai para o interior atrás de uma amiga, conhece a face da prostituição, das drogas, da miséria, e por vezes acredita finalmente ter encontrado o "mundo real". Mas não, também não é essa a realidade. Nem será quando finalmente procurar por sua mãe natural, pois descobrirá que também a vida familiar e "bem-sucedida" de uma família como aquela pode ser uma grande mentira.

No meio disso, as drogas (bebidas, remédios, entorpecentes) surgem mais como consequência do que como causa. As pessoas ao redor de Clara fumam, bebem, injetam, algumas de forma absurda, outras tentando conciliar a droga com seu cotidiano.

"Sozinha na mesa, eu analisava os convidados. Estava impressionada com a presença incessante da droga em minha vida. Mesmo que eu não fizesse uso de substância ilícitas, elas sempre encontravam uma maneira de afetar o ambiente em que eu vivia. O mundo inteiro parecia estar drogado."

Clara, porém, diferentemente da protagonista de Fugalaça, irá se manter longe das drogas, o que pode soar como careta para alguns leitores "descolados" mas condiz mais com a atitude de uma menina inteligente em busca de raízes, de respostas, e não de um prazer hedonista e fugaz.

Por fim, é de se saudar que Mayra Dias Gomes tenha resistido à tentação de se repetir numa provável continuação de Fugalaça e de se esperar que prossiga aperfeiçoando a técnica para dar vazão ao turbilhão de emoções e imagens que dela brotam. Imaginação e ritmo a menina tem de sobra.

Para ir além






Marcelo Spalding
Porto Alegre, 27/8/2009


Mais Marcelo Spalding
Mais Acessadas de Marcelo Spalding em 2009
01. Quanto custa rechear seu Currículo Lattes - 5/3/2009
02. O melhor da década na literatura brasileira: prosa - 31/12/2009
03. Literatura para quê? - 17/12/2009
04. Era uma vez o conto de fadas - 2/4/2009
05. Literatura e interatividade: os ciberpoemas - 10/9/2009


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




PASCAL FILÓSOFO CRISTÃO - LIVRO NOVO 2A. EDIÇÃO
EDUARDO ABRANCHES DE SOVERAL
ELCLA
(1995)
R$ 31,90



O LIVRO DAS PÉSSIMAS BOAS MANEIRAS
BABETTE COLE
MARTINS FONTES
(1998)
R$ 15,00



JESUS E O POVO
SERVIÇO DE ANIMAÇÃO BÍBLICA
PAULINAS
(1995)
R$ 6,00



SÃO PAULO MEDICO ANO 15 VOL 2 NÚMEROS 1 - 6 JULHO A DEZEMBRO
DIVERSOS AUTORES
ND
(1942)
R$ 33,49



IT NEVER SNOWS IN ENGLAND
PETER FERGUSON
LONGMAN
(1979)
R$ 9,87



ADULTÉRIOS
ALDO NAOURI
WMF MARTINS FONTES
(2009)
R$ 20,00



A RESISTÊNCIA INDÍGENA
JOSEFINA OLIVA DE COLL
L&PM
(1986)
R$ 44,00



O DIREITO EM FRANGALHOS
IVES GANDRA DA SILVA MARTINS
EDIÇÕES CEJUP
(1989)
R$ 20,00



SÃO BERNARDO - GRACILIANO RAMOS (LITERATURA BRASILEIRA)
GRACILIANO RAMOS
RECORD
(1978)
R$ 10,00



DO PRÉ-NATAL AO PARTO MANUAL DE ROTINAS EM OBSTETRÍCIA
ANTONIO CARLOS VIERA CABRAL E OUTROS
BELO HORIZONTE
(1996)
R$ 5,00





busca | avançada
58424 visitas/dia
1,8 milhão/mês