Hércules reduzido a lenda | Carla Ceres | Digestivo Cultural

busca | avançada
39917 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 2/10/2014
Hércules reduzido a lenda
Carla Ceres

+ de 3400 Acessos

Os trailers de Hércules (2014), de Brett Ratner, acenavam com encantamento e decepção para os apreciadores da mitologia grega. Impossível não vibrar por antecipação e reconhecimento, com as cenas do leão de Nemeia, do javali de Erimanto, da Hidra de Lerna e do cão Cérbero. Os cenários e as lutas tiravam o fôlego pela grandiosidade, mas algo parecia fora de lugar. Sério mesmo que Hércules estava afirmando desejar somente ser marido e pai? Pior, ele negava o fato de ser um herói e procurava fugir de seu destino mesmo após executar tantos trabalhos? E que história era aquela de vingar a morte de sua esposa e filhos? Pra começo de conversa, foi o próprio Hércules quem os matou em um surto de loucura causado pela deusa Hera. É como penitência por esse crime que o oráculo de Delfos manda o herói realizar seus famosos trabalhos.

Claro que, dependendo da fonte clássica utilizada, podemos encontrar versões diferentes de vários mitos. Segundo alguns autores, por exemplo, a esposa de Hércules sobreviveu e se casou com Iolau, sobrinho e eromenos do herói. O filme, entretanto, se baseia em uma graphic novel e procura (nada mais atual) revelar o homem por trás da lenda. Na minha opinião, essa é uma opção de leitura empobrecedora, especialmente quando distorce o mito a seu bel-prazer, com a intenção de validar suas explicações.

O que faz aquela arqueira jurando lutar e morrer por Hércules? Trata-se de Atalanta, a protetora do herói e filha de uma rainha amazona. Isso não tem cabimento. Infeliz do herói que precisa de protetora humana. Segundo o material de divulgação, a família da moça foi exterminada e ela se juntou ao grupo de mercenários de Hércules. Que desaforo à mitologia! Se queriam mostrar Hércules trabalhando em equipe, deveriam filmar suas aventuras ao lado dos argonautas, um grupo de heróis liderado por Jasão, em busca do velo de ouro. Esses, sim, trabalhavam em conjunto, cada um explorando seus superpoderes específicos. Precursores dos X-Men e dos Vingadores, os cerca de cinquenta argonautas contaram com a presença de Hércules por pouco tempo, quase uma participação especial. A Atalanta da mitologia era uma argonauta. Heroína caçadora, possuía supervelocidade, mas sua mãe não era uma rainha amazona. Talvez os roteiristas tenham se confundido com a Mulher Maravilha.

Outro argonauta que aparece no filme é o adivinho Anfiarau. Numa trama que joga sujo para desmistificar os mitos, Anfiarau vale mais como guerreiro do que como adivinho. Mas isso não é nada perto do que fazem com o também argonauta Iolau. O rapaz aparece como um contador de histórias, cuja missão é espalhar a lenda de Hércules. Na mitologia, Iolau ajuda Hércules a matar a Hidra de Lerna. Cada vez que o herói decepava uma das cabeças do monstro, outras duas cabeças surgiam no lugar. Coube a Iolau cauterizar os ferimentos, impedindo que novas cabeças aparecessem.

Alguns pesquisadores consideram a possibilidade de que o mito de Hércules tenha se construído a partir de um homem real que tenha vivido em Argos. Outros estudiosos sugerem que seus doze trabalhos sejam uma referência alegórica à passagem do sol pelos doze signos do zodíaco. Uma terceira hipótese alega que o mito se formou a partir de mitos mais antigos, de origem indo-europeia (pré-grega), egípcia, asiática e de outros povos com os quais os gregos fizeram contato. A terceira hipótese me parece mais provável, mesmo porque não exclui totalmente as anteriores.

Hércules não é uma simples lenda. É um mito, uma divindade que foi cultuada em locais, datas e rituais específicos. Sua relevância para o mundo atual vai além do entretenimento rasteiro e da curiosidade histórica sobre as crenças dos antigos gregos. Ele traz uma riqueza arquetípica irredutível. Hércules precisa ser um semideus porque representa os humanos em todas as situações extremas possíveis. Seu potencial divino convive com momentos de loucura furiosa. Ele paga pelos erros dos pais; fere a quem mais ama; sofre com o remorso; pensa em suicídio; expia seus crimes; sofre e comete injustiças; é morto por alguém em quem confia; desce aos infernos; vence a morte; torna-se divino.

Dwayne Johnson foi uma escolha perfeita para interpretar o protagonista. Até o tom da sua pele condiz com a iconografia do herói. As representações de Hércules mostravam-no moreno bronzeado, quase negro, para simbolizar sua grande força. A relação entre pele bronzeada e força física devia-se ao fato de que os atletas ganhavam força exercitando-se ao sol. Pele clara era atributo de mulheres fisicamente fracas. Atalanta, como heroína, estaria melhor representada por uma atriz de pele morena. O filme acerta muito no tocante a visual, ação e aventura, mas peca ao optar por uma abordagem nada fantástica e empobrecer o mito.

Nota do Editor
Carla Ceres mantém o blog Algo além dos Livros. http://carlaceres.blogspot.com/


Carla Ceres
Piracicaba, 2/10/2014


Quem leu este, também leu esse(s):
01. O Natal de Charles Dickens de Celso A. Uequed Pitol
02. O cão da meia-noite de Gian Danton
03. O experimento de J. K. Rowling de Marta Barcellos
04. A História de Alice no País das Maravilhas de Marcelo Spalding
05. Palácio dos sabores 4/5 de Elisa Andrade Buzzo


Mais Carla Ceres
Mais Acessadas de Carla Ceres em 2014
01. HQs sombrias, anjos e demônios - 2/1/2014
02. Duas distopias à brasileira - 7/8/2014
03. Um menino à solta na Odisseia - 6/11/2014
04. Adolescentes e a publicação prematura - 4/9/2014
05. Vaidade, inveja e violência - 8/5/2014


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




SAL
LETICIA WIERZCHOWSKI
INTRINSECA
(2013)
R$ 10,00



ASTROLOGIA - A EVIDÊNCIA CIENTÍFICA
PERCY SEYMOUR
NOVA ERA
(1997)
R$ 30,00



PRESTES: LUTAS E AUTOCRÍTICAS
DÊNIS DE MORAES & FRANCISCO VIANA
VOZES
(1982)
R$ 10,00



LECCIONES DE LENGUA CASTELLANA
G. M. BRUÑO
PROCURADURIA GENERAL - PARIS
(1938)
R$ 30,00



DESIGN - THE ARCHIVE SERIES
WALT DISNEY
DISNEY EDITIONS
(2010)
R$ 70,00



PANIS ANGELICUS OU O SACRAMENTO DA VIRGINDADE - 9021
GIUSEPPE PETAZZI
DIOCESE
(1966)
R$ 20,00



UTOPIA & PAIXÃO 11ª EDIÇÃO
ROBERTO FREIRE E FAUSTO BRITO
GUANABARA KOOGAN
(1991)
R$ 4,50



A MULHER DO FUTURO - CARTAS PARA A MINHA FILHA
ZULMA REYO
GROUND
(1996)
R$ 67,90



MUDANÇAS NO RELACIONAMENTO AFETIVO-SEXUAL
REGINA ISABEL NOGUEIRA
ESCUTA
(2003)
R$ 23,82



BIOLOGIA INTEGRADA - ENSINO MÉDIO - VOLUME ÚNICO
LUIZ EDUARDO CHEIDA
FTD
(2003)
R$ 9,90





busca | avançada
39917 visitas/dia
1,1 milhão/mês