A coisa tá preta | Cassionei Niches Petry | Digestivo Cultural

busca | avançada
74271 visitas/dia
2,0 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Inspirado nas Living Dolls, espetáculo de Dan Nakagawa tem Helena Ignez como atriz convidada
>>> As Caracutás apresentam temporada online de Tecendo Diálogos com bate-papo e oficina
>>> Obra de referência em nutrição de plantas ganha segunda edição revista e ampliada
>>> FAAP promove bate-papo com as atrizes Djin Sganzerla, Zezita Matos e com o diretor Allan Deberton
>>> Elísio Lopes Jr comanda oficina gratuita de dramaturgia nesta sexta-feira (27)
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Carol Sanches, poesia na ratoeira do mundo
>>> O fim dos livros físicos?
>>> A sujeira embaixo do tapete
>>> Moro no Morumbi, mas voto em Moema
>>> É breve a rosa alvorada
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
Colunistas
Últimos Posts
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
Últimos Posts
>>> O poder da história
>>> Caraminholas
>>> ETC. E TAL
>>> Acalanto para a alma
>>> Desde que o mundo é mundo
>>> O velho suborno
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Machado polímata
>>> In the Line of Fire
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> A polêmica dos quadrinhos
>>> Ad Usum Juventutis
>>> Schopenhauer sobre o ofício de escritor
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Últimos Dias, de Gus Van Sant
>>> Poesia sem ancoradouro: Ana Martins Marques
>>> Para você estar passando adiante
Mais Recentes
>>> Passagens – Crises Previsíveis da Vida Adulta de Gail Sheehy pela Francisco Alves (1980)
>>> A Chave da Longevidade de Dr. Hugues Destrem pela Europa-América (1979)
>>> A Força da Saúde de Victor Hugo Belardinelli pela Movimento (2013)
>>> O Envelhecimento de Luiz Eugênio Garcez Leme pela Contexto (1997)
>>> Velhice - Culpada ou Inocente? de Carlos Eduardo Accioly Durgante pela Doravante (2008)
>>> Envelhecimento Bem-Sucedido de Newton Luiz Terra e Beatriz Dornelles (Orgs.) pela Edipucrs (2003)
>>> Naturalmente Mais Jovem de Roxy Dillon pela Sextante (2016)
>>> Direito Administrativo Descomplicado de Marcelo Alexandrino e Vicente Paulo pela Método (2019)
>>> Tópicos de Matemática Aplicada de Luiz Roberto Dias de Macedo, Nelson Pereira Castanheira e Alex Rocha pela Intersaberes (2018)
>>> Gestão de Custos de Carlos Ubiratan da Costa Schier pela Ibpex (2011)
>>> Ética Empresarial na Prática de Mario Sergio Cunha Alencastro pela Intersaberes (2016)
>>> Gestão Socioambiental no Brasil de Rodrigo Berté pela Intersaberes Dialógica (2013)
>>> Ferramentas Para a Moderna Gestão Empresarial - Teoria, Implementação e Prática de Maria Inês Caserta Scatena pela Intersaberes Dialógica (2012)
>>> O rio do tempo de Hernani Donato pela Círculo do livro (1976)
>>> O menino de areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1986)
>>> Breton/ Trotski - Por uma arte revolucionária independente de Valentim Facioli pela Paz e Terra (1985)
>>> Dize-me com quem andas de Mary McCarthy pela Civilização Brasileira (1967)
>>> Uma vida encantada de Mary McCarthy pela Civilização Brasileira (1967)
>>> Quem vai fazer a chuva parar? de Robert Stone pela Companhia das letras (1988)
>>> Meus amigos de Emmanuel Bove pela Companhia das letras (1987)
>>> Rastro do fogo que se afasta de Luis Goytisolo pela Companhia das letras (1988)
>>> Vista do amanhecer no Trópico de G. Cabrera Infante pela Companhia das letras (1988)
>>> Tebas do meu coração de Nélida Piñon pela José Olympio (1974)
>>> A república dos sonhos de Nélida Piñon pela Francisco Alves (1984)
>>> O caso Morel de Ruben Fonseca pela Artenova (1973)
>>> E do meio do mundo prostituto só amores guardei do meu charuto/História de amor (Box) de Ruben Fonseca pela Companhia das letras (1997)
>>> A marcha Húngara de Henri Coulonges pela Difel (1994)
>>> A mais que branca de José Geraldo Vieira pela Melhoramentos (1975)
>>> Sobras completas de Nelson Motta pela Nova fronteira (1984)
>>> O Amor é a Melhor Estratégia de Tim Sanders pela Sextante (2003)
>>> Seria trágico... se não fosse cômico: Humor e Psicanálise de Abrão Slavutzky; Daniel Kupermann pela Civilização Brasileira (2005)
>>> Dez Coisas que Eu Amo em Você - Trilogia Bevelstoke Livro 3 de Julia Quinn pela Arqueiro (2020)
>>> S.O.S. Dinâmica de Grupo de Albigenor & Rose Militão pela QualityMark (2001)
>>> Constelação Familiar de Divaldo Franco pela Livraria Espírita Alvorada (2009)
>>> Outlander: A Viajante do Tempo - Livro 1 de Diana Gabaldon pela Saída de Emergência (2014)
>>> Investimentos Inteligentes (Para Conquistar e Multiplicar o Seu Primeiro Milhão) de Gustavo Cerbasi pela Thomas Nelson Brasil (2008)
>>> El Cuaderno de Maya de Isabel Allende pela Sudamericana (2011)
>>> A Cama na Varanda: Arejando Nossas Idéias a Respeito de Amor e Sexo de Regina Navarro Lins pela Rocco (2000)
>>> A Vida é Bela no Trabalho de Dominique Glocheux pela Sextante
>>> Eugène Delacroix 1798-1863: O Príncipe do Romantismo de Gilles Néret pela Taschen (2001)
>>> Agora Aqui Ninguém Precisa de Si de Arnaldo Antunes pela Companhia das Letras (2015)
>>> Nu de Botas de Antonio Prata pela Companhia das Letras (2013)
>>> Trilogia Suja de Havana de Pedro Juan Gutiérrez pela Companhia das Letras (1999)
>>> As Religiões no Rio de João do Rio pela Jose Olympio (2015)
>>> A Teoria da Causa Madura no Processo do Trabalho de Ben-hur Silveira Claus pela Ltr (2019)
>>> Pimentas de Raul Lody pela Nacional (2018)
>>> Zen a a Arte de Manutenção de Motocicletas de Robert M. Pirsig pela Paz e Terra (1984)
>>> Monobloco - uma Biografia de Leo Morel pela Azougue (2015)
>>> Lei Antiterror Anotada - Lei 13. 260 de Acácio Miranda Silva Filho, Alex Wilson Ferreira pela Foco (2018)
>>> Marketing de Nichos de Alexandre Luzzi las Casas pela Atlas (2015)
COLUNAS

Quarta-feira, 8/7/2015
A coisa tá preta
Cassionei Niches Petry

+ de 3900 Acessos

O racismo, até há pouco tempo dissimulado no Brasil, ganha proporções alarmantes em pleno século XXI, graças à imbecilidade do lado negro da internet, de gente que, na escuridão do anonimato e dos perfis "fakes", destilam sua dose de veneno nas redes sociais.

O caso mais recente aconteceu com a excelente jornalista Maria Júlia Araújo, apresentadora da previsão do tempo no Jornal Nacional, responsável por nos avisar quando nuvens negras cobrem o céu da nossa pátria. Uma postagem do noticiário global no Facebook em que aparece sua foto foi alvo de injúrias raciais como "sombra 3d", "volta pra senzala", "macaca", "urubú" (sim, com acento!), "a tela da TV tá preta?" Provavelmente todas foram postadas por perfis falsos, que foram apagados depois. De qualquer forma, os "prints" com as ofensas logo foram compartilhados e as pessoas de bem saíram em defesa da jornalista.

Denegrir a imagem de alguém já é um ato deplorável. Se for contra um afrodescendente, o problema duplica, tendo em vista o passado escravocrata no nosso país. Parece que voltamos à idade das trevas, a escuridão reina absoluta, a falta de conhecimento nos tira a luz e nos faz usar o preto, em luto pela morte do bom senso.

A propósito, o que contribui ainda mais para o ódio racial é o enfrentamento de questões que nada têm a ver com o racismo, criando um buraco negro que faz desaparecer os reais problemas que devem ser enfrentados. Podemos citar a perseguição ao uso de expressões que supostamente teriam se originado do preconceito, como as usadas nesta crônica, mas que não têm cunho racista. Mentes obscuras, ou seja, sem luz, que propagam o politicamente correto, desejam nos fazer pensar o contrário, colocando essas expressões na lista negra, o que acaba acirrando ainda mais as tensões raciais.

Essas palavras não são relacionadas à cor da pele e sim à ausência de luz. Inclusive as religiões africanas fazem a distinção entre "magia negra" e "magia branca". "Nuvens negras", por sua vez, é prenúncio de tempestades. Nada, absolutamente nada a ver com raça ou etnia, pois sua origem são anteriores à escravidão dos africanos. Vale lembrar que outros povos também foram escravizados, inclusive negros tinham os seus escravos, os vendiam e os jogavam dentro dos porões escuros dos navios.

Escrever ou dizer que alguém é "a ovelha negra da família", que "o governo não revela a caixa-preta da corrupção", que "a peste negra matou pessoas", que "este texto é de humor negro", que "o mercado negro deve ser combatido", etc., bem como falar em "elefante branco", "me deu um branco", "o alvo" (que usei antes) é diferente de dizer "serviço de negro", "aquele sujeito de cor", "um preto de alma branca" ou "não tenho preconceito, até tenho amigos negros!", essas sim expressões que deveriam ser eliminadas do nosso vocabulário. Corrigir quem diz que vai "comer uma nega maluca" não acaba com essa mancha negra chamada racismo, bem pelo contrário, só atrapalha a luta.

Não vou elencar minha relação com os negros, mesmo que alguém ainda feche seus olhos e veja só a escuridão, não procure entender meu artigo e me acuse de algo que não sou. Basta dizer que minha esposa e minha filha são negras e me dão luz, me livram de qualquer magia negra que tenta me derrubar ou da bile negra (para quem não sabe, a melancolia) que de vez em quando me joga num poço escuro. Elas são a bola preta número 7 do bilhar e me fazem vencer no jogo da vida.


Cassionei Niches Petry
Santa Cruz do Sul, 8/7/2015


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Nos escuros dos caminhos noturnos de Elisa Andrade Buzzo
02. A confissão de Lúcio: as noites cariocas de Rangel de Renato Alessandro dos Santos
03. Estevão Azevedo e os homens em seus limites de Guilherme Carvalhal
04. Caiu na rede, virou social de Fabio Gomes
05. Agora o mundo perde cotidianamente os seus ídolos de Guilherme Carvalhal


Mais Cassionei Niches Petry
Mais Acessadas de Cassionei Niches Petry em 2015
01. A coisa tá preta - 8/7/2015
02. Não olhe para trás (ou melhor, olhe sim) - 19/8/2015
03. O romance do 'e se...' - 22/7/2015
04. Do inconveniente de ter escrito - 9/9/2015
05. As sombras e os muros de José J. Veiga - 11/11/2015


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




MENOTTI – O FILHO BRASILEIRO DE ANITA E GARIBALDI
ELMA SANT’ ANA
DO AUTOR
(2003)
R$ 5,00



A ESCOLHA DE ELPHAME
P. C. CAST
HARLEQUIN
(2011)
R$ 5,00



APPRENTICED IN CRIME: YOUNG OFFENDERS, THE LAW, AND CRIME IN CANA
KEVIN MARRON
SEAL BOOKS
(1993)
R$ 55,28



CINQUENTA TONS DE LIBERDADE
E.L. JAMES
INTRINSECA
R$ 16,00



ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO DO ENSINO DE 1 E 2 GRAUS
AMAURY PEREIRA
DEGRAU CULTURAL
R$ 5,00



CURSO PRATICO DE REDAÇÃO E GRAMATICA
RENA SIGNER
SIVADI
(2001)
R$ 5,00



FILOSOFIA PARA CRIANÇAS VOLUME 1
WALTER OMAR KOHAN; ANA MÍRIAM WUENSCH
VOZES
(1998)
R$ 10,00



QUASE TUDO - MEMÓRIAS
DANUZA LEÃO
COMPANHIA DAS LETRAS
(2006)
R$ 5,00



RECURSOS HUMANOS E ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO
SÉRGIO RIBEIRO
CAMINHO
(1988)
R$ 37,70



FANTASMAS
ANTONIO CARLOS NEVES
SARAIVA
(1997)
R$ 5,00





busca | avançada
74271 visitas/dia
2,0 milhões/mês