Pantanal | Marilia Mota Silva | Digestivo Cultural

busca | avançada
49722 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> A Arte de Amar: curso online desvenda o amor a partir de sua representação na arte e filosofia
>>> Consuelo de Paula e João Arruda lançam o CD Beira de Folha
>>> Festival Folclórico de Etnias realiza sua primeira edição online
>>> Câmara Brasil-Israel realiza live com especialistas sobre “O Mundo da Arte”
>>> Misturando música, filosofia e psicanálise, Poisé lança seu primeiro single
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A desgraça de ser escritor
>>> Um nu “escandaloso” de Eduardo Sívori
>>> Um grande romance para leitores de... poesia
>>> Filmes de guerra, de outro jeito
>>> Meu reino por uma webcam
>>> Quincas Borba: um dia de cão (Fuvest)
>>> Pílulas Poéticas para uma quarentena
>>> Ficção e previsões para um futuro qualquer
>>> Freud explica
>>> Alma indígena minha
Colunistas
Últimos Posts
>>> Uma aula com Thiago Salomão do Stock Pickers
>>> MercadoLivre, a maior empresa da América Latina
>>> Víkingur Ólafsson toca Rameau
>>> Philip Glass tocando Mad Rush
>>> Elena Landau e o liberalismo à brasileira
>>> O autoritarismo de Bolsonaro avança
>>> Prelúdio e Fuga em Mi Menor, BWV 855
>>> Blooks Resiste
>>> Ambulante teve 3 mil livros queimados
>>> Paul Lewis e a Sonata ao Luar
Últimos Posts
>>> Coincidência?
>>> Gabbeh
>>> Dos segredos do pão
>>> Diário de um desenhista
>>> Uma pedra no caminho...
>>> Sustentar-se
>>> Spiritus sanus
>>> Num piscar de olhos
>>> Sexy Shop
>>> Assinatura
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Nelson Freire em DVD e Celso Furtado na Amazônia
>>> Um caos de informações inúteis
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Parei de fumar
>>> Ford e Eastwood: cineastas da (re)conciliação
>>> Amor à segunda vista
>>> O Gmail (e o E-mail)
>>> Diogo Salles no podcast Guide
Mais Recentes
>>> Lady gaga de Brandon hurst pela Madras (2010)
>>> Orientaçoes curriculares para o ensino medio--1--linguagens,codigos e tecnologias. de Mec pela Mec
>>> Vida silvestre:o estreito limiar entre preservaçao e destruiçao. de Coordenadora angela maria branco pela Dupligrafica (2007)
>>> Grandes imperios e civilizaçoes--frança--volumes:1 e 2. de Delprado pela Delprado
>>> Cerrado e pantanal--areas e açoes prioritarias para conservaçao da biodiversidade. de Ministerio do meio ambiente pela Mma (2007)
>>> Contabilidade - Escola de Administração Fazendária - ESAF de Ricardo J. Ferreira pela Ferreira (2014)
>>> O Maior Sucesso do Mundo de Og Mandino pela Record (1994)
>>> O Céus e o Inferno de Allan Kardec pela Feb (1989)
>>> Amor, medicina e milagres - A Cura espontânea de doentes graves de Bernie S. Siegel pela BestSeller (1989)
>>> Mayombe de Pepetela pela Leya (2019)
>>> Os Segredos Para o Sucesso e a Felicidade de Og Mandino pela Record (1997)
>>> Para Viver Sem Sofrer de Gasparetto pela Vida E Consciencia (2002)
>>> Guía Rápida del Museo Nacional de Bellas Artes de Vários pela Mnba (1996)
>>> A profecia celestina de James Redfield pela Objetiva (2001)
>>> The Forecast Magazine January 2020 - 2020 de Diversos pela Monocle (2020)
>>> O Diário da Princesa de Meg Cabot pela Record (2002)
>>> The Forecast Magazine January 2017 - Time to Talk? de Diversos pela Monocle (2017)
>>> Mojo December 2018 de Led Zeppelin pela Mojo (2018)
>>> Mojo 300 November 2018 The Legends de Diversos pela Mojo (2018)
>>> Mojo 299 October 2018 de Paul McCartney pela Mojo (2018)
>>> Mojo 297 August 2018 de David Bowie pela Mojo (2018)
>>> Mojo 307 June 2019 de Bob Dylan pela Mojo (2019)
>>> Mojo 296 July 2018 de Pink Floyd pela Mojo (2018)
>>> Mojo April 2018 de Arctic Monkeys pela Mojo (2018)
>>> Mojo 294 May 2018 de Roger Daltley pela Mojo (2018)
>>> Mojo 292 April 2018 de Neil Young pela Mojo (2018)
>>> Mojo 292 March 2018 de Nick Drake pela Mojo (2018)
>>> Mojo 291 February 2018 de The Rolling Stones pela Mojo (2018)
>>> Mojo 290 January 2018 de The Jam pela Mojo (2018)
>>> Mojo 289 December 2017 de Bob Dylan pela Mojo (2017)
>>> Mojo 286 September 2017 de Allman Brothers pela Mojo (2017)
>>> Mojo 310 September 2019 de Tom Waits pela Mojo (2019)
>>> Mojo 309 August 2019 de Bruce Springsteen pela Mojo (2019)
>>> Mojo 304 March 2019 de Joni Mitchell pela Mojo (2019)
>>> Como cuidar do seu automóvel de Ruy Geraldo Vaz pela Ediouro (1979)
>>> Mojo 236 July 2013 de The Rolling Stones pela Mojo (2013)
>>> Mojo 250 January 2014 de Crosby, Still, Nash & Young pela Mojo (2014)
>>> Gilets Brodés - Modèles Du XVIII - Musée des Tissus - Lyon de Várioa pela Musee des Tíssus (1993)
>>> Mojo 249 August 2014 de Jack White pela Mojo (2014)
>>> Mojo 252 October 2014 de Siouxsie And The Banshees pela Mojo (2014)
>>> Mojo 251 October 2014 de Kate Bush pela Mojo (2014)
>>> Mojo 302 January 2019 de Kate Bush pela Mojo (2019)
>>> Mojo 274 September 2016 de Bob Marley pela Mojo (2016)
>>> Universo baldio de Nei Duclós pela Francis (2004)
>>> Mojo 245 April 2014 de Prince pela Mojo (2014)
>>> Mojo 256 March 2015 de Madonna pela Mojo (2015)
>>> Musée de La Ceramique - Visit Guide de Vários pela Cidev (1969)
>>> Mojo 159 February 2007 de Joy Division pela Mojo (2007)
>>> Mojo 170 January 2008 de Amy Whinehouse pela Mojo (2008)
>>> Mojo 229 December 2012 de Led Zeppelin pela Mojo (2012)
COLUNAS

Quarta-feira, 26/8/2015
Pantanal
Marilia Mota Silva

+ de 2700 Acessos

É preciso estar determinada para viajar à meia-noite, com quatro crianças acostumadas a dormir às oito horas. Esse foi o único horário que encontramos, 23:52 para ser exata, de voo direto Rio-Cuiabá. Os outros faziam conexões diversas que acrescentavam pousos e decolagens e horas consideráveis à jornada. Mas, como estávamos mesmo determinados a conhecer o Pantanal nessas férias, fomos em frente.

Vou poupá-los dos detalhes das primeiras horas: a chegada a Cuiabá, o hotel difícil de localizar, na alta madrugada, porque tem um nome online e outro "in loco"; as "reservas vencidas" por ser mais de meia-noite, embora eles estivessem avisados da nossa hora de chegada, e depois de algum impasse, as crianças se deitando nas mochilas, finalmente receber chaves de quartos já ocupados. Detalhes. Antes das quatro da manhã, finalmente pudemos descansar.

A boa notícia é que as "ilhas de excelência" no Brasil estão por toda a parte. Essa viagem, por exemplo, a despeito do começo atrapalhado, foi uma dessas ilhas de profissionalismo. Valeu cada minuto.

Do hotel à Pousada, percorremos cerca de 120 km através de cenários naturais belíssimos, em que a presença humana interfere pouco. Me lembrou o deserto que cobre boa parte do oeste americano. Ali também a estrada é um dos poucos sinais da presença humana. Ali também se pode entrever a soberania da Terra, a beleza da natureza sem a nossa presença. Só que no oeste americano, a faixa escura de asfalto corta um paisagem uniforme, em tons marrons, forte erosão, ar seco, vento e poeira. O Pantanal é o oposto, é tanta vida que supera descrições. Só vendo.

Uma parte ínfima do Pantanal constitui Parques Nacionais, Reservas Biológicas e Ecológicas. - 94% são propriedade privada, diz o motorista que nos leva à Pousada. - Mas eles não podem mexer em quase nada. A SEMA (Secretaria do Meio-Ambiente) vigia. Mas nem precisava. O Pantanal se defende sozinho, acrescenta com gosto. - Metade do ano ele fica alagado. Não dá pra formar fazenda, plantar soja. Não tem jeito.

Gado, sim. Gado vive em harmonia com o ciclo das águas. Veem-se belas boiadas, zebus imponentes e cavalos em campo aberto entre bandos de aves, a extraordinária fauna que vive sem susto por ali.

De vez em quando o motorista parava na estrada para nos mostrar um jacaré à espreita, um bando de capivaras atravessando o rio, uma siriema, um tuiuiu.

Assim que chegamos na Pousada, o guia nos levou à sala de mapas, onde aprendemos alguma coisa sobre a geografia do Pantanal.

São cerca de 150 mil km² no território brasileiro (só pra dar uma ideia, Portugal tem 92 mil km²) a maior parte fica no Mato Grosso do Sul, avançando até Bolivia e Paraguai ; situamos nossa Pousada no mapa (MT) e o trecho do rio que iríamos explorar no dia seguinte.

Os rios que irrigam o Pantanal nascem em um platô fora da região pantaneira: um delicado ecossistema. Os que nascem do outro lado desse platô correm para o norte e formam a bacia amazônica.

Manhã inteira rio acima, rio Mutum, amplo e secreto com seus labirintos de igarapés, e piranhas, capivaras, ariranhas, jacarés. Pássaros e aves magníficos em seu habitat, indiferentes à nossa presença. Fomos pescar piranha durante uma tarde até o anoitecer. Pescar é fácil, até as crianças pescaram várias. Tirar a bichinha do anzol exige conhecimento e coragem. Um peixinho pouco maior que um lambari, mas com olhos vorazes, não leva dois segundos para destruir um talo de aguapé.

Fomos fazer um safari à tarde, com a esperança de ver araras azuis, cada vez mais raras. Ficamos à espreita junto à árvore manduvi, e elas chegaram barulhentas, mas fugiram assim que deram com nossa presença.

Fizemos caminhada pela mata, aprendendo sobre a vegetaçao local que abriga plantas de ecossistemas diversos, do cerrado, da Amazonia, do chaco.

Num dos passeios, fomos à vila de Dona Joana, onde só se chega de barco. Com tudo isso, o ponto alto para as crianças foi o passeio a cavalo, três horas cavalgando pelo mato, por trilhas ou campo aberto, por terrenos alagados, parando aqui e ali pra admirar uma coruja buraqueira, uma teia de aranha gigante ou o voo de um colhereiro.

A Pousada estava lotada nos dias em que estivemos lá, em meados de julho. No restaurante só se ouvia lingua estrangeira. No fim de semana chegou um grupo de brasileiros, só homens: vieram pescar. O guia disse que 85 a 90% dos hóspedes são europeus, alemães e ingleses, principalmente: pessoas que procuram esses santuários no mundo inteiro.

As Pousadas no Pantanal, distantes, naturalmente, das cidades, incluem no preço da diária, os translados de e para o aeroporto, todas as refeições, passeios e excursões, e o guia que nos recebe e acompanha durante toda a estada.

Tivemos sorte. Nosso guia, o biólogo Bruno Grolli Carvalho, conquistou as crianças e despertou seu interesse com sua paixão e conhecimento da natureza.

No dia de vir embora, a seu convite, acordamos às cinco da manhã para ver o sol nascer. Em meio aos jacarés que costumam se reunir junto do embarcadouro, embarcamos em duas canoas e subimos o rio, remando, ainda no escuro. Até que o sol despontou e com ele a gritaria, a algazarra das aves e dos bichos. E nós ali em silêncio, amanhecendo junto.



Marilia Mota Silva
Washington, 26/8/2015


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Houston, we have a problem de Renato Alessandro dos Santos
02. A cultura visual e a emancipação do receptor de Gian Danton
03. Negrinha e os donos do sentido de Gian Danton
04. O desenvolvimento dos meios de comunicação de Gian Danton
05. Philip Roth e o rico diálogo entre escritores de Mauricio Tuffani


Mais Marilia Mota Silva
Mais Acessadas de Marilia Mota Silva em 2015
01. Memorial de Berlim - 23/12/2015
02. O Velho e Bom Complexo de Inferioridade - 4/2/2015
03. Minha Terra Tem Palmeiras - 15/7/2015
04. Pendurados no Pincel - 18/3/2015
05. A Mão Invisível - 11/11/2015


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




DECORAÇÃO DE JANELAS AS MAIS CRIATIVAS IDEIAS E SOLUÇOES PARA DECORAR JANELAS -ARQUITETURA
ADRIANA DIAS E OUTROS
DECOR
(2005)
R$ 40,00



RADIANTE
ALYSON NOËL; FLAVIA SOUTO MAIOR
INTRINSECA
(2011)
R$ 5,00



CASAS-ABRIGO: NO ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA DE GÊNERO - 1ª EDIÇÃO
LOURDES DE MARIA LEITÃO NUNES ROCHA
VERAS
(2007)
R$ 58,95



CINCO MINUTOS / A VIUVINHA
JOSÉ DE ALENCAR
ÁTICA
(2001)
R$ 15,00



O SUPLÍCIO DO PAPAI NOEL
CLAUDE LÉVI STRAUSS; DENISE BOTTMANN
COSAC & NAIFY
(2008)
R$ 30,00



A FILHINHA DE JAIRO
ENID BLYTON
MUNDO CRISTÃO
(1996)
R$ 10,00



EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E A LÓGICA DAS COMPETÊNCIAS
FERNANDO FIDALGO/ MARIA AUXILIADORA/ NARA LUCIENE
VOZES
(2007)
R$ 18,00



MAX PERKINS - UM EDITOR DE GÊNIOS
A. SCOTT BERG
INTRÍNSECA
(2014)
R$ 39,99



O TEAR DAS ILUSÕES - AUTOGRAFADO
OSEAS ARAÚJO
POESIA
(1994)
R$ 15,00



PLANTE NO SÍTIO (FRUTAS, RAÍZES, HORTALIÇAS E FLORES)
ROSANA MAMANI
TRÊS
(1987)
R$ 12,00





busca | avançada
49722 visitas/dia
2,6 milhões/mês