Aula | Rogério Kreidlow

busca | avançada
74045 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> As Águas do Futuro
>>> Iecine abre inscrições para a Oficina de Roteiro
>>> Férias de Julho: Museu Catavento e Teatro Sérgio Cardoso recebem a Cia. BuZum!
>>> Neos firma parceria com Unicamp e oferece bolsas de estudo na área de inteligência artificial
>>> EcoPonte apresenta exposição Conexões a partir de 16 de julho em Niterói
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
Colunistas
Últimos Posts
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
Últimos Posts
>>> PANFLETO AMAZÔNICO
>>> Coruja de papel
>>> Sou feliz, sou Samuel
>>> Andarilhos
>>> Melhores filme da semana em Cartaz no Cinema
>>> Casa ou Hotel: Entenda qual a melhor opção
>>> A lantejoula
>>> Armas da Primeira Guerra Mundial.
>>> Você está em um loop e não pode escapar
>>> A vida depende do ambiente, o ambiente depende de
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O que em mim sente está lembrando
>>> Divisões históricas
>>> Comentaristas de Seriados
>>> Os enciclopedistas franceses rolam nos túmulos
>>> Entrevista com Chico Pinheiro
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Efeitos periféricos da tempestade de areia do Sara
>>> Era uma casa nada engraçada
>>> Entrevista da Camille Paglia
>>> Vamos sentir saudades
Mais Recentes
>>> Assassinato no Expresso do Oriente - um Caso de Hercule Poirot de Agatha Christie pela Nova Fronteira (2009)
>>> Ceia da Prostituição de José Maria de Souza Dantas pela Edicon
>>> Abaixo o Regime! de Vários pela Best Seller (2008)
>>> Convivência - Você e suas Relações Sociais de Vários Autores pela Senac (2012)
>>> A cozinha de Joachim Koerper de Joachim Koerper pela Restaurante Eleven (2005)
>>> Anuario Indigenista - Volume 42 de Instituto Indigenista Interamericano / Felix Baez pela Inst. Indigenista Intramerica (1982)
>>> Telegraph Avenue de Michael Chabon pela Companhia das Letras (2014)
>>> Como Freud Analisava? de Sérvulo Augusto Figueira pela Grypho (1994)
>>> Manual de Estilo de Nova Fronteira pela 1990
>>> A Academia do Fardão e da Confusão de Fernando Jorge pela Geração (1999)
>>> Trajetórias na Formação de Professores de Língua de Telma Gimenez (Org.) pela Eduel (2002)
>>> O Clube Dante de Matthew Pearl pela Francis (2005)
>>> O Pensamento Vivo de São Francisco de Assis de Marcelo Whately pela Restrito
>>> Os anos perdidos de Jesus de Deepak Chopra pela Sextante (2009)
>>> Adaptabilidade Humana de Emilio F. Moran pela Senac Sp (2010)
>>> Dados - Revista de Ciências Sociais - Volume 51 - 3 de Charles Pessanha - Edit. pela Iuperj (2008)
>>> Stedman Dicionário Médico - 25ª Edição de Vários Autores pela Guanabara
>>> A Dominação Masculina: A Condição Feminina e a Violência Simbólica de Pierre Bourdieu pela Best Bolso (2018)
>>> Sistemas, Organização e Métodos de Tadeu Cruz pela Atlas (2002)
>>> A Imortalidade de Milan Kundera pela Circulo do Livro (1998)
>>> Farabbud - Uma História de Flávia G. Pinho pela Ekko (2017)
>>> Édipo Rei de Sófocles pela L&pm Editores (1998)
>>> Soares - Ditadura e Revolução de Maria João Avillez pela Círculo de Leitores (1996)
>>> Desenvolvimento psíquico básico de John Firedlander Gloria Hemsher pela Pensamento (2022)
>>> The Blessed (abençoadas) de Tonya Hurley pela Id (2012)
COMENTÁRIOS

Quinta-feira, 31/5/2007
Comentários
Leitores


Aula
Ana, nesses pedacinhos de texto revelas o quão instigante, rico, infindável em causos e histórias, é nosso país (esse grande "sertão", afinal). A mudança do foco narrativo é uma aula para muitos "aspirantes". E por mais que a fase dos regionalismos - segundo os livros de História - tenha passado, acho que todas as nossas heranças, nossas muitas heranças, que vagueiam vivas pelo país afora, sempre têm (e merecem) um lugar especial em nossa produção literária. Por acaso, venho fazendo uma releitura de Os Sertões, mais voltada à esta questão da gênese do país. Parabéns por esta "aula". Abraços.

[Sobre "Conte a sua versão da história, uai"]

por Rogério Kreidlow
http://rogerkrw.blogspot.com
31/5/2007 às
16h12 201.67.220.247
(+) Rogério Kreidlow no Digestivo...
 
Reposta (continuação)
Seria esta minha opinião baseada na morfologia? Segundo o Aurélio, existe o uso antiquado do termo “pelo” como aglutinação da preposição “per” com o pronome oblíquo “o” (exemplo: “Padre Antônio Vieira não pudera fazer grandes progressos, pelo não ajudar a memória, rude e pesada”). Talvez esta seja a origem das minhas impressões na interpretação: “pelo” contém essa origem, com carga de pronome oblíquo, transmitindo a idéia de uma situação ativa do suposto sujeito, neste caso o leitor, em busca de uma obra disponível. Já “apenas” não transmite a idéia de quem foi atrás do quê. Este advérbio de intensidade tem a carga exata para o contexto da idéia: “se apenas uma pessoa leu” demonstra a irrelevância da exposição maciça, e também que a validade não pressupõe a publicação. “Subtil” Paralaxe, estaria você “do lado de lá” do Atlântico? Abraço! Vicente Escudero

[Sobre "Blogs, livros e blooks"]

por Vicente Escudero
31/5/2007 às
13h46 200.168.153.132
(+) Vicente Escudero no Digestivo...
 
Resposta (continua...)
Colega "Paralaxe". Sua observação é válida. Entretanto, o trecho do diálogo reproduzido é meramente exemplificativo e, como eu mesmo citei, na linha acima dele: "A conversa foi mais ou menos assim". Essa sua preocupação faria algum sentido se o trecho estivesse completo, terminando uma idéia. Aliás, você não só terminou a idéia como também atribuiu um sentido pessoal. Na entrevista, lembro-me de que Ferreira Gullar, ao dar essa resposta para a telespectadora (despretensiosa, ressalte-se), quis enfatizar a questão da irrelevância da publicação maciça do trabalho diante do processo de criação. Se eu tivesse usado "pelo menos", na minha opinião, estaria transmitindo um sentido no qual o leitor teve que procurar pelo trabalho, uma situação em que o leitor vai até o trabalho que já está publicado... (continua)

[Sobre "Blogs, livros e blooks"]

por Vicente Escudero
31/5/2007 às
13h38 200.168.153.132
(+) Vicente Escudero no Digestivo...
 
a diferença em causa
Amigo Vicente Escudeiro, serve este comentário só para referir uma subtil diferença entre as expressões "apenas" e "pelo menos", pois parece-me que Ferreira Gullar, na sua resposta, pretendia acentuar a validade do que escrevia, independentemente das dificuldades inerentes a um neófito da palavra, pois dava como bem empregue o tempo e o esforço gasto na escrita porque "pelo menos uma pessoa" tinha lido a sua prosa. Creio que "se apenas uma pessoa" leu o que escreveu, ele deveria estar preocupado com a qualidade do seu trabalho, visto que sendo "só uma pessoa" receptora do trabalho literário por ele desenvolvido, ele não poderia considerar que estava "tudo bem...". Este comentário é feito por uma pessoa comum, não literato, e serve "apenas" para referir a diferença em causa, e não para criar polémica ao artigo desenvolvido; "pelo menos" assim o espero...

[Sobre "Blogs, livros e blooks"]

por Paralaxe
http://www.grupo-paralaxe.net
31/5/2007 às
11h48 89.152.14.48
(+) Paralaxe no Digestivo...
 
Nem 8, nem 88, nem 880...
Enquanto isso, vejo nos EUA a incorporação de palavras em espanhol a conversas do dia a dia. Mas também vou dizer uma coisa, não devemos cometer o erro francês. Por exemplo, se muita da tecnologia digital foi inventada nos Estados Unidos, faz bastante sentido usar os termos técnicos do inglês... Senão fica muito difícil de ler a literatura técnica. Tive aula de circuitos digitais com um livro em francês... Foi terrível! Flip-flop é um flip-flop, e bit é bit... Claro que em "marketing", poderíamos inventar uma palavra em português. Temos algumas das melhores empresas de marketing do mundo...

[Sobre "Estrangeirismos, empréstimos ou neocolonialismo?"]

por Ram
31/5/2007 às
03h47 71.202.209.152
(+) Ram no Digestivo...
 
O Lobo agora canta
Você tem toda razão Rafael, mas também penso: "e por que ele não pode simplesmente mudar de idéia? por que sempre temos que ser coerentes?". A Adriana também disse tudo, era o momento de brigar, agora não é mais. O momento muda, as pessoas mudam. E até entendo ele não querer falar do assunto, o que importa agora é divulgar o disco. Que é ótimo! As músicas dele encontraram uma sonoridade, a voz dele, os sons e tudo mais. "Quente" é a minha favorita. E não acompanhei nada de sua fase independente, o que me puxou para esse cd foi "vou te levar" na rádio, com jabá ou sem. Lobão está aí para quem quiser ouvir e ver.

[Sobre "Um Lobo nada bobo"]

por Bia Cardoso
http://groselha.wordpress.com
31/5/2007 às
02h00 192.168.133.52
(+) Bia Cardoso no Digestivo...
 
Ó amado guru
Captei a vossa mensagem, ó estrondoso guru Guga! Sim, muito obrigada também por ter levantado o mão e questionado a linda diva Barbra. E obrigada pelo voto de confiança no blog. É como eu disse, já está sendo muito divertido.

[Sobre "Uma Srta. e um Blog"]

por Srta. Bia
http://groselha.wordpress.com
31/5/2007 à
01h53 192.168.133.52
(+) Srta. Bia no Digestivo...
 
Muito bom!
Concordo com os outros comentários. Ótima história e ótimo texto. Aracy é mais uma mulher que mostra o quanto o amor e a vida devem caminhar juntos.

[Sobre "Aracy Guimaraes Rosa"]

por Bia Cardoso
http://groselha.wordpress.com
31/5/2007 à
00h17 201.14.122.214
(+) Bia Cardoso no Digestivo...
 
Captei, captei...
Legal. A Barbra pode ser uma boa diva. Posso receber uma pequena parte dos agradecimentos? Bem pequena? Por ter levantado a lebre? Ou por ter feito a pergunta? rsrsrs... Não, ok, deleta, deleta... Parabéns pelo blog!

[Sobre "Uma Srta. e um Blog"]

por Guga Schultze
30/5/2007 às
23h39 201.80.147.216
(+) Guga Schultze no Digestivo...
 
Rebatendo pro Albarus
Muito bom, Albarus, esse nome. No sério. Continuo achando que poderia ser um dos senadores que tramaram a morte de Julio Cesar. Agora, o meu... Schultze, na Alemanha é algo como Silva ou Souza no Brasil, nada demais. Povão. Chucrute. Batata e cerveja. Guga é tatibitate de nenem. Meu irmão, desde nenem, me chamava assim. Pegou. Não tenho muito o que dizer aos jovens escritores porque ainda estou numa conversa antiga com os velhos e me falta tempo. Esses velhos são absorventes pra caramba. Eu tenho curiosidade em saber dessa sua saga de fantasia, já que você citou. Onde é que ela tá? Uma hora dessas eu passo no seu blog, apesar do texto do Carpinejar... rsrsrs. Brincadeira. Carpinejar é legal. Vou lá, depois te falo. Abraços.

[Sobre "Escritor, jovem escritor"]

por Guga Schultze
30/5/2007 às
23h14 201.80.147.216
(+) Guga Schultze no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Colombo e a América
Janaína Amado e Luiz Carlos Figueiredo
Atual
(2001)



Emagreca Com Bom Humor
Susan Kleiner
Lafonte
(2007)



O Sonho da Baratinha
Regina Lasagno da Silva
Feesp
(1998)



Aline 5 Numas de Colegial
Adão Iturrusgarai
L&pm Pocket
(2011)



A Storm of Swords
George R. R. Martin
Bantam
(2011)



100 Crônicas
Mario Prata
O Estado de S.Paulo
(1997)



Golpe Em las Vegas
Lee Wells
Nova Cultural



O Banqueiro do Sertão:padre Guilherme Pompeu de Almeida -2 Volume
Jorge Caldeira
Mameluco
(2006)



Liberdade Financeira ao Alcance de Todos (lacrado)
Andyara de Santis Outeiro, Priscila Santos
Senac Sp
(2014)



Orgazizational Theory, Design, and Change Fifth Edition
Gareth R. Jones
Pearson Pretice Hall
(2007)





busca | avançada
74045 visitas/dia
1,8 milhão/mês