O Brasil em desenvolvimento | Fabio Silvestre Cardoso | Digestivo Cultural

busca | avançada
68513 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Terça-feira, 6/12/2005
O Brasil em desenvolvimento
Fabio Silvestre Cardoso

+ de 2700 Acessos

Nas últimas semanas, na contramão da crise política, os índices do IBGE deram um alento ao país. Para quem não leu (e prometo que não vou me ater às estatísticas e às curvas dos gráficos), depois de muito tempo, o fosso social, conforme anunciava a vinheta da Folha de S.Paulo, entre pobres e ricos diminuiu. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio informa que o número de empregos subiu 3,3% ao mesmo tempo em que a taxa de desemprego abaixou cerca de 0,7%. Esses mesmos indicadores apontam para a queda de renda entre os mais ricos, ou os 50% dos trabalhadores que ganham mais, fator que diminuiu um pouco, segundo os especialistas, a deflagrada desigualdade social. Não foi à toa, portanto, que todo o governo sentiu-se aliviado e pôde anunciar, à vontade, a realidade dos números.

Ainda assim, para além do discurso, não é preciso ser nenhum expert em índices de desenvolvimento econômico e social para constatar que, apesar desses avanços, o Brasil precisa crescer muito para ser o "país de todos", como quer a propaganda oficial. Nesse sentido, aqueles que quiserem entender quais são os caminhos para tal avanço, os dois volumes de Brasil em desenvolvimento são de grande valia, uma vez que trazem vários pontos de vista dos mais gabaritados nomes da Economia, Ciência Política, Tecnologia, todos eles ligados ao think thank acadêmico - é bom que se diga, aliás, que a obra foi composta a partir de uma série de seminários sobre o mesmo tema (Brasil em desenvolvimento) para a UFRJ.

Dada a abrangência dos assuntos tratados, a obra foi dividida em dois tomos: o primeiro aborda economia, tecnologia e competitividade; enquanto o segundo trata de instituições, políticas e sociedade. Em cada livro, uma série de especialistas desfila seus argumentos que buscam interpretar os índices de desenvolvimento, assim como analisar os motivos de determinadas estratégias. É bom ressaltar, ainda, que o trabalho esteve sob a organização de Ana Célia Castro, Antonio Licha, Helder Queiroz e João Sabóia.

Pode-se argumentar, com razão, que não se trata de um trabalho original, uma vez que algumas instituições ou já produziram seminários parecidos, como o DNA Brasil nos últimos dois anos, ou obras com o escopo analítico semelhante após o fim de um determinado período, como A Era FHC (lançado no final do governo Fernando Henrique Cardoso, em 2002) e A História do Real (obra que chegou às prateleiras neste segundo semestre de 2005). Entretanto, o que torna o presente estudo uma obra interessante é o fato de que os livros obedecem a uma perspectiva do que está para acontecer. Não tanto no ramo especulativo, mas sim na ingrata seara das previsões com base nos índices de crescimento. Este, por sinal, é o principal fio condutor dos trabalhos.

Afora isso, nota-se uma preocupação por parte dos organizadores em fazer com que os artigos funcionem também como motor de um projeto de país, "detalhe" que governos políticos de ambas as esferas reclamam durante o período eleitoral. Isso fica notório nos tópicos relacionados ao debate do desenvolvimento brasileiro, dentre os quais se destacam: "organizar e mobilizar definitivamente os atores nacionais relevantes; viabilizar políticas de inclusão social no plano de educação, de emprego, de inclusão digital e de infra-estrutura social".

Para o bem ou para o mal, nos artigos, esses objetivos do parágrafo anterior só se materializam do ponto de vista teórico. No quesito tecnologia, por exemplo, um dos textos mais relevantes é o do professor de Economia da UERJ, Paulo Bastos Tigre, que avalia os pormenores da sociedade da informação e da inclusão digital. Sua proposta para a universalização das tecnologias de informação e comunicação (TIC, de acordo com a nomenclatura) passa pelo software livre. Segundo a avaliação do professor, em São Paulo, os programas de inclusão digital que mais foram bem-sucedidos uniram software livre e hardware simplificado, ampliando as opções até então restritas. Em contrapartida, ainda na esfera tecnológica, Mario Dias Ripper observa uma barreira para a expansão nas telecomunicações principalmente porque há uma excessiva carga tributária no setor, o que demandaria, no caso, mais investimentos do Estado.

Como se observa nos artigos citados, boa parte da discussão sempre passa pelo debate econômico. Subsídios do Estado, investimentos, política macroeconômica são termos em comum em todos textos. Infelizmente, não se pode dizer que os textos correlatos à economia façam a mesma concessão. Muito pelo contrário. O que se vê por parte dos autores é uma exacerbação de análises totalmente voltadas para estudiosos do tema - fator que, em si, não é ruim, mas que limita por demais o entendimento para os demais leitores. Obviamente que não se propõe uma guinada ao populismo analítico de um Freakonomics, mas os textos poderiam ser bem menos áridos, com a mesma fluência de idéias de Eduardo Giannetti.

É com essa clareza, por exemplo, que o ex-grão-fino do PT, Francisco de Oliveira, assina uma artigo sobre o papel das instituções, a partir de uma perspectiva política. Sempre crítico ao modelo neoliberal, ele escreve que as políticas macroeconômicas obedecem cegamente à política de ordem global. E sendo esta fiadora daquela, não resta ao Brasil sequer o papel da conclamada soberania. E ele até brinca: "o homem do povo que assiste ao desfile já não pode dizer, como na lenda clássica, que o rei está nu. Qual rei?". Pode-se até discordar das contundentes e perspicazes observações de Francisco de Oliveira, mas não se pode dizer que ele não se faz entender.

Nos dois livros de Brasil em desenvolvimento, o papel da cultura está presente, ao menos em referência, ao segmento das políticas de educação. É reconfortante que exista esse raciocínio de que desenvolvimento não se faz sem educação ou cultura, por mais acessório que isso ainda possa parecer. Pois de tudo o que foi dito e comentado vale a velha máxima de que o Brasil não será o país de todos enquanto a desigualdade for tão grande. A diminuição dessa desigualdade e até mesmo a compreensão desses estudos passam pela educação e pela cultura.

Para ir além









Fabio Silvestre Cardoso
São Paulo, 6/12/2005


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Entrevista com o tradutor Oleg Andréev Almeida de Jardel Dias Cavalcanti
02. Treliças bem trançadas de Ana Elisa Ribeiro
03. Paris branca de neve de Renato Alessandro dos Santos
04. Nos braços de Tião e de Helena de Renato Alessandro dos Santos
05. A menos-valia na poesia de André Luiz Pinto de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Fabio Silvestre Cardoso
Mais Acessadas de Fabio Silvestre Cardoso em 2005
01. Brasil e Argentina: uma História Comparada - 3/5/2005
02. O século da canção - 5/4/2005
03. Os Clássicos e a Educação Sentimental - 8/2/2005
04. Estudo das Teclas Pretas, de Luiz Faccioli - 22/2/2005
05. O Afeto Autoritário de Renato Janine Ribeiro - 22/11/2005


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ORLANDO PAES FILHO
ORLANDO PAES FILHO
PLANTA
(2004)
R$ 9,90



COM TODO AMOR
ROSAMUNDE PILCHER
BERTRAND
(1998)
R$ 25,00



COMPLETE SHORT STORIES
RONALD FIRBANK
DALKEY ARCHIVE
(1991)
R$ 50,00



ADEUS, BELA ADORMECIDA
MADONNA KOLBENSCHLAG
SARAIVA
(1990)
R$ 12,00



CAIM E ABEL
JEFFREY ARCHER
CIRCULO DO LIVRO
(1979)
R$ 7,00



CIUME CHULE E UM APELIDO RIDICULO
STELLA FLORENCE
ROCCO
(2002)
R$ 5,00



O QUE OS EXECUTIVOS PRECISAM SABER SOBRE GERENCIAMENTO DE PROJETOS
HAROLD KERZNER, FRANK P. SALADIS
BOOKMAN
(2011)
R$ 77,00



REVISTA DO INSTITUTO HISTORICO E GEOGRAPHICO DE SÃO PAULO VOLUME XI...
INSTITUTO HISTORICO E GEOGRAPHICO DE SÃO PAULO
DIARIO OFICIAL
(1908)
R$ 189,52



OS FUNDAMENTOS DA FÍSICA 2 TERMOLOGIA - ÓPTICA - ONDAS
RAMALHO - NICOLAU - TOLEDO
MODERNA
R$ 38,00



O ENFERMEIRO E AS SITUAÇÕES DE EMERGÊNCIA - 2ª EDIÇÃO
ANA MARIA CALIL & WANA YEDA PARANHOS
ATHENEU
(2010)
R$ 279,00





busca | avançada
68513 visitas/dia
2,6 milhões/mês