O melhor do lado B | Tais Laporta | Digestivo Cultural

busca | avançada
58257 visitas/dia
1,6 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Sessão Única com Jogo de Escape Game e debate do filme 'Os Bravos Nunca se Calam' em SP
>>> OBRAS INSPIRADAS DURANTE A PANDEMIA GANHAM DESTAQUE NO INSTITUTO CERVANTES, EM SÃO PAULO
>>> Sempre Um Papo com Silvio Almeida
>>> FESTIVAL DE ORQUESTRAS JUVENIS
>>> XIII Festival de Cinema da Fronteira divulga Programação
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Entre Dois Silêncios, de Adolfo Montejo Navas
>>> Home sweet... O retorno, de Dulce Maria Cardoso
>>> Menos que um, novo romance de Patrícia Melo
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> O segredo para não brigar por política
>>> Endereços antigos, enganos atuais
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lula de óculos ou Lula sem óculos?
>>> Uma história do Elo7
>>> Um convite a Xavier Zubiri
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
Últimos Posts
>>> Nosotros
>>> Berço de lembranças
>>> Não sou eterno, meus atos são
>>> Meu orgulho, brava gente
>>> Sem chance
>>> Imcomparável
>>> Saudade indomável
>>> Às avessas
>>> Amigo do tempo
>>> Desapega, só um pouquinho.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> iPad
>>> iPad
>>> iPad
>>> Sátiro e ninfa, óleo s/ tela em 7 fotos e 4 movies
>>> poeta del vacío existencial
>>> Croft & Kidman
>>> Histórias de gatos
>>> Whitesnake, 1987
>>> Por que Dilma tem de sair agora
>>> A árvore da vida
Mais Recentes
>>> Memórias de Adriano de Marguerite Yourcenar pela Record (1951)
>>> O Investidor Inteligente de Benjamin Graham pela Harper Collins (2017)
>>> Livro - O Boi Cor-de-rosa de Jorge Miguel Marinho pela Peirópolis (2007)
>>> O herói improvável da sala 13B de Teresa Toten pela Bertrand Brasil (2016)
>>> Estrela Distante - Coleção Folha Literatura Íbero-Americana de Roberto Bolaño pela Folha de S. Paulo (2012)
>>> Livro - A Fábula da Convivência de Lecticia Dansa; Salmo Dansa pela Ftd (2002)
>>> Obras de Edgar Allan Poe de Edgar Allan Poe pela Pandorga
>>> Livro - Meu Primeiro Livro de Contos de Fadas de Mary Hoffman pela Companhia das Letrinhas (2014)
>>> Atlas da Culinária na Baía de Todos os Santos de Jailson de Andrade, Vanessa Hatje, Gal Meirelles, Núbia Ribeiro pela Edufba (2013)
>>> Morri Para Viver de Andressa Urach pela Planeta (2015)
>>> Livro - A Civilização Inca de Rosana Bond pela Atica (2015)
>>> Abril Vermelho de Santiago Roncagliolo pela Alfaguara (2007)
>>> Ansiedade 3 Ciúme o medo da perda acelera a perda de Augusto Cury pela Benvirá
>>> Marx (Sem Ismos) de Francisco Fernández Buey pela Ufrj (2022)
>>> Livro - A Ave-maria de Natália Maccari pela Paulinas (2013)
>>> A Arte de ter Razão de Arthur Schopenhauer pela Martins Fontes (2017)
>>> Um pedido às estrelas de Priscille Sibley pela Benvirá (2013)
>>> Livro - Sambura de Lendas de Blandina Franco e José Carlos Lollo pela Leya (2011)
>>> Em má companhia/ O músico cego - 2 volumes de Vladimir Korolenko pela Carambaia (2016)
>>> Conversas com Gestores de Ações Brasileiros de Luciana Seabra pela Penguin (2018)
>>> Pérolas Negras Primeiros Fios: Experiências Artísticas e Culturais nos Fluxos Entre África e Brasil de Roberto Conduru pela EdUerj (2013)
>>> Socorro, caí dentro do videogame de Dustin Brady pela Milk Shakespeare (2021)
>>> Livro - X-Men - Mutant Genesis de Chris Claremont, Jim Lee pela Marvel
>>> Livro - Dicionário Infantil Ilustrado de Douglas Tufano pela Moderna (2011)
>>> O Conde de Monte Cristo de Heloisa Prieto pela Ftd (2014)
COLUNAS

Quarta-feira, 24/5/2006
O melhor do lado B
Tais Laporta

+ de 3100 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Se estivessem vivos, os velhos mestres da MPB certamente ficariam orgulhosos em testemunhar a redescoberta de pérolas musicais desconhecidas. Os amantes de raridades, pelo menos, já podem comemorar: a seleção de um repertório singular se concretizou com o casamento de flauta e piano no recente CD homônimo dos instrumentistas Andréa Ernst Dias e Tomás Improta, lançado pela Biscoito Fino. O álbum reúne somente o melhor do lado B dos principais compositores, com gêneros que passam pelo choro, bossa-nova, jazz, erudita e terminam no impressionismo francês. O resultado do trabalho pôde ser conferido no show de lançamento do disco, no Sesc Avenida Paulista, em São Paulo. Os músicos subiram ao palco no último dia 9 de maio, durante o Instrumental Sesc Brasil, projeto que reúne a cada semana vertentes consagradas da MPB.

O álbum não se limita ao virtuosismo da dupla de intérpretes, veteranos no cenário musical, mas traz como carro-chefe as facetas desconhecidas de grandes compositores: um Tom Jobim mais denso e obscuro ("Estrada Branca"), Jacob do Bandolim com uma graça inédita ("Cristal") e Moacir Santos como pouco se viu ("Coisa 9"). O repertório traz ainda Edu Lobo e Chico Buarque ("Choro Bandido"), Pixinguinha ("Só para mim"), Villa-Lobos ("Saudades da Minha Vida"), Garoto ("Meditando"), Dorival Caymmi ("Horas") e Gabriel Fauré ("Après Un Revê"). "Escolhemos as melhores e mais raras melodias exploradas pela flauta", explica Andréa, acostumada a acompanhar orquestras de câmara e rodas de choro desde pequena. Confiante no trabalho ímpar realizado pelo pianista, ela completa: "Tomás privilegiou harmonias refinadas, realçadas com propriedade nos seus arranjos".

Sem contestações, Improta mostra que possui maturidade de sobra para improvisar ao piano, imprimindo grande intensidade musical com um tom incisivo e marcante. Além de gravar ao lado de Caetano Veloso, Djavan, Nara Leão, Luiz Melodia, Baden Powell e Chico Buarque, o pianista conhece profundamente a MPB e o jazz, é jornalista, protagonista de uma série de discos solo e escritor de livros didáticos sobre música. Sob a luz do palco, é notável que sente os arrepios provocados pelos acordes na platéia. A parceria com a flautista carioca só poderia resultar em uma bela harmonia de contrários, já que ambos traçaram percursos distintos na música, ainda que, juntos, conseguiram equilibrar emoção e disciplina no tempo certo.

"Edu e Moacir gostaram muito do que ouviram", garante Andréa em resposta ao balanço inicial do álbum. Cuidadosa e concentrada, ela demonstra uma intimidade perfeita com a embocadura da flauta. Emite vibratos (ondulações no som) incorrigíveis, mérito dificílimo para um instrumento com grande desigualdade de registros. Para ressaltar, os flautistas devem possuir domínio absoluto sobre os agudos, extremamente sensíveis a variações, bem como o controle correto da respiração pelo diafragma, e, ainda, sensibilidade para qualquer alteração na afinação. O próprio Pixinguinha (a quem os músicos fazem questão de dedicar o álbum), gigante do choro e merecedor do título de maior flautista do Brasil, quando adoeceu, nunca mais conseguiu recuperar o domínio do instrumento, motivo que o obrigou a trocar a flauta pelo saxofone, tamanha a sua complexidade. O disco é o primeiro trabalho solo da flautista, dona de um portfolio musical abrangente, com destaque para a participação no último CD de Chico Buarque, Carioca, que também leva o selo da Biscoito Fino.

A escolha do repertório foi conseqüência de um concerto apresentado pela dupla no Rio de Janeiro. "Grandes músicos como Fauré, Cole Porter e Villa-Lobos compuseram inicialmente suas canções para voz e piano. São serestas incontáveis, praticamente inéditas de tão desconhecidas", revela Improta, que criou novos arranjos para os originais, substituindo a voz pela flauta. Adaptações também marcam a tônica do álbum, como aponta Andréa. "Decidimos adequar o choro tradicional de Pixinguinha para uma levada de tango, e o clima da canção de Tom Jobim, desconhecida inclusive para seguidores da bossa-nova, ganhou uma envoltura semelhante à new age." A façanha para o improviso é tão notável quanto a disciplina, o que permite a alternância de funções entre flauta e piano, ora melodia, ora percussão. Tais propriedades só poderiam resultar em uma sonoridade fascinante. Mérito raro, ainda mais nestes tempos, quando nem os revivals de mega-clássicos parecem dar um gás na saturação criativa das últimas décadas.



Tais Laporta
São Paulo, 24/5/2006


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Oswald de Andrade e o homem cordial de Celso A. Uequed Pitol
02. Morrer, na literatura de Marta Barcellos
03. Viagem a 1968: Tropeços e Desventuras (2) de Marilia Mota Silva
04. Fake na art e a pet humana de Gian Danton
05. Gabo, os escritores e a política de Wellington Machado


Mais Tais Laporta
Mais Acessadas de Tais Laporta em 2006
01. Guimarães Rosa no Museu da Língua Portuguesa - 1/11/2006
02. Pelas curvas brasileiras - 11/7/2006
03. Ninguém segura Lady Macbeth - 2/8/2006
04. Sem cortes, o pai do teatro realista - 17/5/2006
05. Confissões de uma ex-podcaster - 20/9/2006


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
24/5/2006
18h44min
Que dica preciosa! Verdadeira pérola para amantes da música brasileira... É maravilhosa a informação. Quantas obras assim não são lançadas sem que tomemos conhecimento? Já que a grande mídia não abre espaço para trabalhos desta envergadura, só conseguimos alcançá-los por acaso, após horas de busca em lojas selecionadas, ou por dica de alguma boa alma com sensibilidade musical. O Digestivo Cultural é um achado maravilhoso. Agora ainda mais, com o estilo objetivo, elegante e poético de Taís Laporta.
[Leia outros Comentários de Hernandes Aguiar]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Mulher - Dicas para Construir o Sucesso Feminino
Catalina Isnardi Morgenthaler
vozes
(1999)



O Feiticeiro e seu Aprendiz - Escritos Herméticos Desconhecidos
S. L. MacGregor Mathers e J. W. Brodie-Innes
pensamento
(1983)



A Cidade de Quatros Portas
Doris Lessing
Record
(1969)



Muito Prazer! Eu Sou a Felicidade
Diverso
Clareon
(2007)



Eu Mexi no Seu Queijo
Darrel Bristow Bovey
Bertrand Brasil
(2000)



O Piloto de Hitler - A vida e a época de Hans Baur
C. G. Sweeting
Jardim dos Livros
(2011)



Livro - Suave é a Noite
F. Scott Fitzgerald
Nova Cultural
(2003)



Lady Frida
M. Maryan
Gautier & Languereau
(1927)



O Outro Jesus Segundo os Evangelhos Apócrifos
Antonio Piñero
paulus
(2002)



A Profecia das Pedras
Flavia Bujor
Planeta Jovem
(2003)





busca | avançada
58257 visitas/dia
1,6 milhão/mês