História dos Estados Unidos | Rafael Rodrigues | Digestivo Cultural

busca | avançada
41731 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
>>> Livro Alma Brasileira
>>> Steve Jobs em 1997
>>> Jeff Bezos em 2003
>>> Jack Ma e Elon Musk
>>> Marco Lisboa na Globonews
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Vendedor de Passados
>>> Entre a crise e o espectro do humor a favor
>>> Dicas para a criação de personagens na ficção
>>> Tiros, Pedras e Ocupação na USP
>>> Oficina de conto na AIC
>>> Crônica em sustenido
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> O julgamento do mensalão à sombra do caso Dreyfus
>>> Retomada do crescimento
>>> Drummond: o mundo como provocação
Mais Recentes
>>> O Espiritismo Aplicado de Eliseu Rigonatti pela Pensamento (2006)
>>> Luz no lar de Francisco Cândido Xavier pela Federação Espírita Brasileira (1968)
>>> O Evangelho segundo o espiritismo de Allan Kardec pela Federação Espírita Brasileira (1997)
>>> Sobrevivência E comunicabilidade dos Espíritos de Hermínio C. Miranda pela Federação Espírita Brasileira (1975)
>>> O Livro dos Espíritos de Allan Kardec pela Federação Espírita Brasileira (1944)
>>> História das Religiões de Ivan Ap. Manoel e Nainora M.B. de Freitas pela Paulinas (2006)
>>> O Brilho dos pássaros de Carlos Luz pela Nova Era (1996)
>>> Prosperidade fazendo amizade com o dinheiro de Lair Ribeiro pela Objetiva (1992)
>>> Sessões Prática e Doutrinárias do Espiritismo de Aurélio A. Valente pela Federação Espírita Brasileira (1990)
>>> 100 Impulsos positivos para viver melhor de Eduardo Criado pela Folio (1996)
>>> O Avesso de um Balzac Contemporâneo de Osmar Ramos Filho pela Lachârtre (1995)
>>> O Ser Integral o despertar de uma nova era de Orlando Santos Junior pela Royal Court (1996)
>>> A fé crista Normal de Watchman nee pela Living Stream Ministry
>>> Sementes de vida Eterna de Djalma Santos pela Novo Ser (2011)
>>> Vencendo os Limites de Elaine de Melo pela Qualitymark (2000)
>>> Ala Sombra de los Monasterios Tibetanos de Jean M. Riviére pela Kier (1986)
>>> A vida Normal da Igreja Crista de Watchman nee pela Living Stream Ministry
>>> Esclarecendo os Jovens de Umberto Ferreira pela Goiânia (1993)
>>> O Vôo mais Alto de Luiz Sérgio pela Edição do Autor (1983)
>>> Evolução Espiritual de Narcí Castro de Souza pela Madras
>>> Copos que Andam de Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho pela Petit (1994)
>>> O Mistério do Sobrado de Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho pela Petit (2001)
>>> Imagem do eterno de Carmen Cinira Macedo pela Moderna (1989)
>>> A Gêneses de Allan Kardec pela Federação Espírita Brasileira (2000)
>>> Manual de Boas Práticas em Ensaios Clínicos de Conceição Accetturi, David Salomão Lewi e Greyce Balthazar Lousana pela Usp (1997)
>>> Filho do Sol de Savitri Devi pela Renes (1981)
>>> Encontros com o Insólito de Raymond Bernard, F. R. C. pela Renes (1970)
>>> Introdução à Filosofia da Rosacruz Áurea de J. van Rijckenborgh pela Escola Espiritual da Rosacruz Áurea (1982)
>>> Biografias de Personalidades Célebres de Prof. Carolina Rennó Ribeiro de Oliveira pela do Mestre (1970)
>>> As Últimas Horas de Gibran de Kahlil Gibran pela Nova época (1980)
>>> El Misterio De Los Templarios de Louis Charpentier pela Bruguera (1970)
>>> Valongo Arte e Devoção de Ana Maria C. Silva De Biasi, Elias Jorge Tambur e Maria Rabello da Motta pela A Tribuna (1995)
>>> Eu, Detetive O Caso do Sumiço de Stella Carr e Laís Carr Ribeiro pela Moderna (2003)
>>> Dinheiro Público e Cidadania de Silvia Cintra Franco pela Moderna (1998)
>>> Quando o espiritual domina de Simone de Beauvoir pela Nova Fronteira (1980)
>>> Coração de Vidro de José Mauro de Vasconcelos pela Melhoramentos (1972)
>>> Transformadores de Alfonso Martignoni pela Globo (1981)
>>> Guia Técnico do Alumínio - Extrusão de Associação Brasileira do Alumínio pela Tecnica (1990)
>>> História da Literatura em Santo André de Tarso M. de Melo pela Fundo de cultura de santo andré (2000)
>>> Cinco Minutos - A Viuvinha de José de Alencar pela Ática (2001)
>>> O Mochileiro das Galáxias - Volume 4 de Douglas Adams pela Arqueiro (2010)
>>> Amo Poesia de J. Dellova pela Do escritor (1989)
>>> Folhas aos Ventos Maçônicos de Breno Trautwein pela A Trolha (2000)
>>> Os Segredos dos Construtores de Maurice Vieux pela Difel (1977)
>>> Antigos Manifestos Rosacruzes de Joel Disher pela Amorc (1982)
>>> Breve História da Maçonaria de Rubens Barbosa de Mattos pela A Trolha (1997)
>>> Por Mares há Muito Navegados de Álvaro Cardoso Gomes pela Ática (2002)
>>> Isso Ninguém me Tira de Ana Maria Machado pela Ática (1996)
>>> Um Dono para Buscapé de Giselda Laporta Nicolelis pela Moderna (1996)
>>> Encontro com os Deuses de Jaime Guedes pela Mandála (1978)
COLUNAS

Sexta-feira, 29/6/2007
História dos Estados Unidos
Rafael Rodrigues

+ de 14900 Acessos
+ 5 Comentário(s)

Foi com surpresa e satisfação que vi, na última remessa de livros que chegou aqui, História dos Estados Unidos — Das origens ao século XXI (Contexto, 2007, 288 págs.). Já havia visto o livro na internet e também na livraria aqui da cidade. Sabia que mais cedo ou mais tarde eu o teria em mãos, só não sabia que seria tão cedo.

Digo que sabia que o teria porque meu interesse por História, que já não era pouco, vem crescendo cada vez mais, nos últimos tempos. Cheguei até a prestar vestibular para História, antes de tentar Letras. Mas não fui aprovado, felizmente. Porque, mesmo gostando muito da matéria (ou do assunto, como preferir), minha prioridade é mesmo literatura. Mas, como na vida não se pode escapar de certas coisas, a literatura me trouxe até o Digestivo, que me trouxe este História dos Estados Unidos, e cá estou eu unindo o útil ao agradável: o meu interesse em História e o que gosto de fazer (escrever e recomendar livros).

História dos Estados Unidos foi escrito por quatro cabeças e levou dois anos para ser finalizado. Os autores são: Leandro Karnal, doutor em História Social pela USP; Sean Purdy, que é canadense, doutor em História pela Queen's University (do Canadá); Luiz Estevam Fernandes, mestre e doutorando em História Cultural pela Unicamp; e Marcus Vinícius de Morais, mestre em História Cultural pela Unicamp.

"Que país é esse? Que cultura engendrou? Por que seduz e irrita o planeta? Existe um típico norte-americano? Que processo histórico pode ter originado o american way of life e como é possível explicar tal concentração de riquezas?" são algumas das perguntas que os autores respondem no decorrer do livro. Para tanto, é necessário ir até as origens dos Estados Unidos da América e percorrer toda a sua história. Entender os Estados Unidos é, de certa forma, entender o mundo.

Os EUA exerce uma influência sem precedentes em todo o planeta. E em tudo. Cultura, sociedade, política, economia. Escritores japoneses escrevem livros recheados de referências norte-americanas. Bandas brasileiras tocam músicas que mais parecem covers adaptadas das músicas dos grupos americanos. O inglês é a segunda língua na maioria dos países do mundo. Como se tudo isso não bastasse, qualquer decisão política ou econômica tomada pelos políticos americanos afeta a economia e a política de todo o planeta. Mas essa influência não é recente. No século XVIII as idéias libertárias norte-americanas serviram de inspiração para o nosso Tiradentes e para o francês Robespierre.

O livro começa desmistificando uma daquelas lições que aprendemos na escola e que alguns carregam consigo como se fosse uma verdade absoluta: a de que só não somos uma nação rica e poderosa como os EUA porque a colonização feita por Portugal no Brasil foi de exploração, e a feita nos EUA, pelos ingleses, de povoamento. Uma questão tão complexa, a grande diferença social e econômica entre duas nações (poderia até dizer entre duas Américas, a do Norte e a do Sul), não poderia mesmo ser explicada de maneira tão simples e grosseira. Leandro Karnal, responsável pela primeira parte do livro, aponta, através de outros autores e suas respectivas explicações, outros motivos para essa desigualdade.

A religião, por exemplo, seria um desses motivos. Na América do Norte os colonizadores eram fiéis, em sua maioria, da Igreja Protestante, que prezava (ainda preza, ao que me consta) o trabalho e o poupar/guardar dinheiro. Já para a Igreja Católica, o objetivo era (e continua sendo, não?) a salvação da alma; "o progresso econômico era visto com desconfiança [pela Igreja Católica]".

Outra possível explicação para o rápido progresso deles e o nosso caminhar de tartaruga é o fato de as colônias sul-americanas terem se "organizado demais", devido ao Tratado de Tordesilhas e ao sistema das Capitanias (dedução minha). Nos EUA não houve tal organização. Sem essa "ordem", não havia tanta interferência da Inglaterra na frágil política norte-americana (frágil justamente por não ser organizada). Quando finalmente os norte-americanos resolveram se organizar e lutar pela sua independência, pouco puderam fazer os ingleses. Por isso a precoce independência, a primeira de todo o continente. Sem mais estarem presos aos ingleses, os EUA não tinha mais a quem prestar contas, daí sua rápida evolução. Bem diferente da nossa independência, que foi bancada financeiramente pela Inglaterra. Posteriormente, o Brasil tomou emprestado dos EUA o dinheiro para pagar os ingleses. Ao menos foi assim que aprendi a origem da nossa tão malfadada dívida externa.

Mas nem essas explicações, mais detalhadas e complexas, bastam para entendermos o crescimento espantoso dos EUA nos últimos dois séculos. Para chegarmos à raiz dos motivos que os levaram a se tornarem a potência que hoje são, Leandro Karnal vai até a Inglaterra moderna e mostra como a evolução britânica entre os séculos XVI e XVII refletiram nos EUA.

Ao contrário do que se pensa, não foi apenas a aristocracia inglesa que desembarcou nas terras que hoje são os Estados Unidos. Representantes do que costumamos chamar de "a escória da raça humana" também foram enviados para o "novo mundo". É lugar-comum dizer que os portugueses enviaram para o Brasil tudo o que de pior tinham por lá, e que a Inglaterra enviou para a América o que de melhor havia por lá. A verdade, nos dois casos, é que das metrópoles vieram boas e más pessoas, e não foram elas que determinaram o sucesso ou o fracasso das nações, mas sim um conjunto de fatores, alguns dos quais explicitados parágrafos acima.

História dos Estados Unidos passa pelas raízes inglesas, pelos conflitos internos que ocorreram nos EUA, pela luta pela independência, pelos "pais fundadores", pelo desenvolvimento e avanço dos EUA até chegar aos Estados Unidos da América do século XX. O século que revelou que a ferida do racismo ainda não cicatrizou, o século das duas Grandes Guerras Mundiais, da Guerra do Vietnã, da Guerra Fria, da globalização, do american way of life, do Watergate e muitos outros episódios e traços marcantes originados nos — ou que tiveram a participação dos — States.

Do mesmo jeito que é impossível conhecer a fundo a História de um país com a leitura de apenas um livro sobre ele, é impossível encerrar, com apenas uma resenha, todos os assuntos abordados em um livro. Mas tanto esta resenha de História dos Estados Unidos, para ele, quanto a obra, para a História dos EUA são, acredito eu, bons começos.

Para ir além






Rafael Rodrigues
Feira de Santana, 29/6/2007


Quem leu este, também leu esse(s):
01. De tinta e fio é feito o homem de Elisa Andrade Buzzo
02. Deixa estar, ou uma conversa com o Google de Ram Rajagopal


Mais Rafael Rodrigues
Mais Acessadas de Rafael Rodrigues em 2007
01. O óbvio ululante, de Nelson Rodrigues - 2/11/2007
02. O nome da morte - 16/2/2007
03. Os dois lados da cerca - 7/12/2007
04. História dos Estados Unidos - 29/6/2007
05. O homem que não gostava de beijos - 9/3/2007


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
27/6/2007
08h52min
Para ajudar na compreensão dos valores protestantes vs. católicos, indico a leitura de "A ética protestante e o espírito do capitalismo" de Max Weber. Nesse tema está a causa do nosso assistencialismo exagerado. []s
[Leia outros Comentários de Emilio de Moura]
30/6/2007
01h51min
Beleza, Rafa. Esse livro é bom mesmo. Tem algumas características no protestantismo que são fogo: leitura (da bíblia), a consequente alfabetização precoce e a fé no trabalho, na sobriedade, na economia de gastos e na vida regrada. Um país formado nessa base não é brincadeira. Outra coisa é que na Inglaterra vigorava, praticamente, um sistema de "castas" sociais. Os peregrinos ingleses, exilados permanentemente no novo mundo, acabaram com isso imediatamente: aqui não tem nobre, senhor ou hierarquia nobiliárquica. Aqui vale o homem que trabalha. Cumpriram esses princípios, na medida do possível, claro. No Brasil, nunca foi assim. Não houve nem a intenção. Ótima resenha, abraços.
[Leia outros Comentários de Guga Schultze]
30/6/2007
14h12min
A opulência ianque remonta à colonização: O puritano, com sua ética, valoriza o lucro, o trabalho e a riqueza (esta, um sinal da predestinação). Tudo bem diferente da ética católica. Weber percebe a relação entre a Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo, explicando, aliás, por que os países ibéricos ficaram pobres: esbanjando seus metais preciosos e expulsando os judeus. As atividades na Nova Inglaterra (Peq. Propr. familiar, manufaturas nas cidades)criam um mercado interno e um comércio externo (com a África e com as Antilhas). A indústria, ajudada pelo ferro e carvão, e pelo litoral (escoamento da produção) se consolida. Inexistia ouro e prata e a produção agrícola parecia com a da Inglaterra (daí a frouxidão colonial desta). Essa foi “a dita da desgraça” (Galeano), q o Caribe não teve. Quando a burguesia local passa a rivalizar com a da metrópole e esta ensaia um arrocho colonial, ocorre a emancipação. Das 2 Grandes Guerras, surge uma superpotência. E o "American way of life" vai se globalizando...
[Leia outros Comentários de Pedro Cordeiro]
10/7/2007
10h07min
Fiquei deveras impressionado com o que li, percebi a quande diferença de um pais descoberto por cristãos e o brasil descoberto por católicos, quantas diferenças. Parabens a Rafael Rodrigues pela materia.
[Leia outros Comentários de Hélio Machado]
11/7/2007
14h07min
Estava no computador (momento raro nesses últimos dias) e resolvi dar uma passada no "seu" site. Parabéns! Adorei! Acho até que vou comprar o livro. Rs. Bjos. Até.
[Leia outros Comentários de Mayra Ferreira]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




DUELO FINAL
ELMORE LEONARD
CIRCULO DO LIVRO
(1980)
R$ 7,00



DESTINOS CRUZADOS
WARREN ADLER
RECORD
(2000)
R$ 4,00



PARE DE ACREDITAR NO GOVERNO - POR QUE OS BRASILEIROS NÃO CONFIAM NOS
BRUNO GARSCHAGEN
RECORD
(2015)
R$ 40,90



UM DIA NA VIDA DO SÉCULO XXI - 1654
ARTHUR C. CLARKE
NOVA FRONTEIRA
(1989)
R$ 10,00



A ECONOMIA DE DEUS
JOÃO CÉSAR DAS NEVES
PRINCIPIA
(2001)
R$ 37,00



COMO OBTER RESPOSTA DA SUA ORAÇÃO
ROZANE CUNHA
BELLO PUBLICACOES
(2010)
R$ 16,99



A MORENINHA - 11ª EDIÇÃO
JOAQUIM MANUEL DE MACEDO
MELHORAMENTOS
(1965)
R$ 7,00



CINEASTAS, DO NOSSO TEMPO
PATRÍCIA MOURÃO E PEDRO M GUIMARÃES (ORGS)
AROEIRA (SP)
(2012)
R$ 17,28



REI MOCHO, O - VOL.1 - COLEÇÃO CONTOS DE MOÇAMBIQUE
UNGULANI BA KA KHOSA
KAPULANA
(2016)
R$ 23,86



OS DIREITOS DAS MULHERES
VICTORIA PARKER ILUSTRADO POR ANDREW MCINTYRE
GRADIVA
(1996)
R$ 34,70





busca | avançada
41731 visitas/dia
1,1 milhão/mês