Click, de Bill Tancer | Rafael Rodrigues | Digestivo Cultural

busca | avançada
36499 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Terça-feira, 14/7/2009
Click, de Bill Tancer
Rafael Rodrigues

+ de 4000 Acessos

Bill Tancer, autor de Click ― O que as pessas estão fazendo on-line e por que isso é importante (Globo, 2009, 272 págs.), é um homem de números, análises, gráficos. E geralmente pessoas assim não se dão muito bem com as palavras, com a escrita. Felizmente, Tancer não está neste grupo de pessoas. Sua preferência por números não o deixou completamente enferrujado para a escritura, e qualquer leigo consegue ler Click sem problemas. Até mesmo um cara como eu, que fez recuperação em matemática e geometria pelo menos umas três vezes (mais por desleixo do que por qualquer outra coisa, é bom deixar claro).

Uma boa prova disso é este trecho, que inicia os agradecimentos do autor e, também, a obra: "Se você desse uma olhada pela nossa casa, rapidamente descobriria minha obsessão por livros. Para a consternação da minha esposa (embora ela também tenha sua própria coleção), há livros espalhados por toda parte: nas estantes, que é o lugar deles, no criado-mudo, na cozinha, empilhados nos cantos e amontoados sobre todas as superfícies disponíveis". É óbvio que ele teve ajuda externa para escrever seu livro, mas nem o maior editor do mundo consegue deixar legíveis textos e informações desconexas. Além disso, Tancer é espontâneo e divertido. Ele não complica o que já é complicado. Ele torna as coisas mais simples.

Mas, enfim, falemos de Click.

Ferramentas de buscas são importantes fontes de informação sobre como, quando e por que fazemos uso da internet. Isso é notório. O que muitos não sabem é até que ponto isso pode ser útil e revelador. É justamente isso que Bill Tancer tenta ― e consegue ― mostrar aos leitores de Click.

Baseando-se em pesquisas aparentemente irrelevantes, Tancer expõe dados e relações de causa e consequência que não podem ser ignorados. Em um dos capítulos ele analisa, por exemplo, o porquê de buscas por "vestidos de formatura" crescerem vertiginosamente, nos Estados Unidos, na primeira semana de janeiro. Num outro capítulo, Tancer explica como as promessas de Ano Novo catapultam as visitas de determinados sites; além disso, ele esboça uma teoria para demonstrar as razões de essas promessas durarem tão pouco.

Algumas constatações não são nada animadoras, é verdade. Um dos dados mais importantes e que mais chama a atenção no livro se refere ao interesse que a maioria dos internautas tem por política: "A política on-line corresponde, relativamente, a uma fração mínima de nosso comportamento na internet. Os 756 sites que compõem a categoria 'política' compilada pela Hitwise [empresa de inteligência competitiva da qual Tancer é funcionário] respondem por apenas 0,23% de todas as visitas à internet no mês de janeiro de 2008. Para colocar a coisa em perspectiva, basta dizer que categorias como 'moda', 'seguros', 'loterias' e 'apostas' geram mais tráfego que a categoria 'política'.". São informações que têm como base os usuários norte-americanos, mas no resto do mundo não é muito diferente, não é mesmo?

Analisando os resultados de suas pesquisas sobre as pesquisas dos outros, Bill Tancer se aproxima da sociologia. O sexto capítulo de Click é sobre as buscas que mostram do que as pessoas têm mais medo. Um estudo sobre os termos mais procurados na internet, acompanhados das palavras "medo de", revelam que as pessoas "mentem" em pesquisas realizadas ao vivo e a cores; elas tendem a responder que têm medo de ratos, baratas ou de altura; o máximo que se aproximam de admitir uma fobia social é dizer que têm medo de falar em público. Mas, na verdade, são as fobias sociais que mais assustam. E as pesquisas de Tancer revelam isso. "Está claro que os medos sociais aparecem com mais frequência em buscas on-line que em resultados de pesquisas com base em entrevistas. A diferença no ranking dos medos pode demonstrar que as respostas dadas em entrevistas não refletem verdadeiramente nossos medos efetivos. Mas será que nossos medos sociais também poderiam ser exacerbados pela experiência on-line propriamente dita?". Afinal, a internet pode deixar completamente isolada uma pessoa que tenha medo de se relacionar com outras. Ou seja, ela pode se transformar em um ser totalmente antissocial. Mas a internet pode ser também a solução para essa fobia: "Ainda que a internet possa fazer com que nos afastemos uns dos outros, o anonimato que ela propicia pode nos possibilitar, assim como a cortina, tela ou treliça de um confessionário católico, a segurança de admitir coisas que normalmente não discutiríamos com mais ninguém". O mundo virtual funcionaria como uma espécie de terapia e, com os relacionamentos virtuais aumentando tanto em número quanto em profundidade, talvez a pessoa comece a se sentir mais segura para tentar transformar seus contatos virtuais em convivências reais.

Entre outros assuntos, Bill Tancer escreve, ainda, sobre Web 2.0 e sobre a importância dos usuários early adopters. Mas seu livro não estaria completo se ele não comentasse, mesmo que de forma breve, a crise que atingiu os jornais norte-americanos ― e que os está dizimando. "Se eu tivesse de identificar o setor de atividade econômica que sofreu o golpe mais duro com a internet, escolheria a indústria dos jornais. De uma perspectiva de lucros, os jornais perderam milhões de dólares de assinaturas para as notícias gratuitas disponíveis na rede. Os lucros provenientes dos anúncios classificados também sofreram um impacto significativo por conta de sites de leilões como o eBay, e classificados on-line como o Craiglist."

Mas fazer constatações, com tantos dados à disposição, não chega a ser uma tarefa tão difícil. Investigar esses dados, como faz Tancer, sim. E mais complicado ainda é tentar, depois de analisar dezenas ― às vezes centenas ― de informações, fazer previsões. Como, por exemplo, adivinhar o vencedor do programa Dancing with the Stars. Na primeira tentativa, no início de 2006, Bill Tancer erra. E erra feio. É quando ele resolve desvendar os motivos que o levaram ao erro, descobre, e depois acerta os vencedores do Strictly como dancing (programa britânico que inspirou o Dancing...) e do American Idol daquele mesmo ano.

A rigor, Click não traz muitas novidades sobre o mundo virtual. E nem é essa a intenção. Bill Tancer não deseja mostrar grandes descobertas a ninguém. O que ele busca ― sem trocadilho ― é entender melhor o nosso mundo ― e a nós mesmos ― tendo como base as milhares de pesquisas que fazemos todos os dias na internet e os sites que acessamos após fazê-las. E, além disso, mostrar o que podemos fazer com essas informações. Por tudo isso, Click é um livro importante e esclarecedor.

Para ir além






Rafael Rodrigues
Feira de Santana, 14/7/2009


Quem leu este, também leu esse(s):
01. De onde vem a carne que você come? de Wellington Machado
02. Lobo branco em selva de pedra: Eduardo Semerjian de Elisa Andrade Buzzo
03. Faxina de Ano Novo: também no Facebook de Adriana Baggio
04. Livros e Saúde de Ricardo de Mattos
05. O ponto final da escrita cursiva de Vicente Escudero


Mais Rafael Rodrigues
Mais Acessadas de Rafael Rodrigues em 2009
01. Meus melhores livros de 2008 - 6/1/2009
02. Sociedade dos Poetas Mortos - 10/11/2009
03. Indignação, de Philip Roth - 27/10/2009
04. No line on the horizon, do U2 - 24/2/2009
05. A resistência, de Ernesto Sabato - 15/9/2009


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




EPIDEMIOLOGIA
SILVIA MEIRELLES BELLUSCI
SENAC
(2013)
R$ 4,00



A GAROTA COM TATUAGEM DE DRAGÂO E A FILOSOFIA
WILLIAM IRWIN
MADRAS
(2012)
R$ 36,99



UMA AVENTURA DE ASTERIX O CALDEIRÃO
GOSCINNY
BRUGUERA
(1970)
R$ 25,00



CAMINHANDO
CELSO DE ALMEIDA AFONSO / PELO ESPÍRITO ADELINO D
ELCEAA
(1994)
R$ 8,00



CANDOMBLÉ DE KETO - ( ALAKETO ) - 6ª EDIÇÃO
BABALORIXÁ OMINARÊ
PALLAS
(2007)
R$ 22,95



EDUCAÇÃO E TRANSIÇÃO DEMOCRÁTICA
GUIOMAR N. MELLO
CORTEZ
R$ 5,00



UNIVERSO EM DESENCANTO - VOLUME 13
MUNDO RACIONAL
MUNDO RACIONAL
R$ 10,00



FATOS E HOMENS DA SEGUNDA GUERRA
CAIO DE FREITAS E OUTROS
BLOCH
(1967)
R$ 19,00



LA CREATIVIDAD EN LA EDUCACION
RICARDO MARIN IBANEZ
KAPELUSZ
(1974)
R$ 25,00



POESIA PARA QUÊ? A FUNÇÃO SOCIAL DA POESIA E DO POETA
CARLOS FELIPE MOISÉS
UNESP
(2019)
R$ 38,90





busca | avançada
36499 visitas/dia
1,2 milhão/mês