Por que o mundo existe?, de Jim Holt | Ricardo de Mattos | Digestivo Cultural

busca | avançada
69585 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Pauta: E-books de Suspense Grátis na Pandemia!
>>> Hugo França integra a mostra norte-americana “At The Noyes House”
>>> Sesc 24 de Maio apresenta programação de mágica para toda família
>>> Videoaulas On Demand abordam as relações do Homem com a natureza e a imagem
>>> Irene Ravache & Alma Despejada na programação online do Instituto Usiminas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A pintura do caos, de Kate Manhães
>>> Nem morta!
>>> O pai tá on: um ano de paternidade
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - I
>>> Contentamento descontente: Niketche e poligamia
>>> Cinemateca, Cinemateca Brasileira nossa
>>> A desgraça de ser escritor
>>> Um nu “escandaloso” de Eduardo Sívori
>>> Um grande romance para leitores de... poesia
>>> Filmes de guerra, de outro jeito
Colunistas
Últimos Posts
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
>>> Sebo de Livros do Seu Odilon
>>> Sucharita Kodali no Fórum 2020
>>> Leitura e livros em pauta
>>> Soul Bossa Nova
>>> Andreessen Horowitz e o futuro dos Marketplaces
>>> Clair de lune, de Debussy, por Lang Lang
>>> Reid Hoffman sobre Marketplaces
>>> Frederico Trajano sobre a retomada
>>> Stock Pickers ao vivo na Expert 2020
Últimos Posts
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
>>> Deu branco
>>> Entre o corpo e a alma
>>> Amuleto
>>> Caracóis me mordam
>>> Nome borrado
>>> De Corpo e alma
>>> Lamentável lamento
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A visão certa
>>> É Julio mesmo, sem acento
>>> Asia de volta ao mapa
>>> 7 de Setembro
>>> Rebelde aristocrático
>>> Cócegas na língua
>>> Animazing
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Anjos e Demônios, o filme, com Tom Hanks
>>> Quem tem boca vai a Roma
Mais Recentes
>>> Minha vida de menina de Helena Morley pela Companhia das Letras (2020)
>>> Minha formação de Joaquim Nabuco pela 34 (2020)
>>> Mestre da Critica de Vários autores pela Topbooks (2020)
>>> Memórias para servir à História do Reino do Brasil de Luís Gonçalves dos Santos pela Senado (2020)
>>> Memórias de um Sargento de Milícias de Manuel Antônio de Almeida pela Abc (2020)
>>> A Unica Esperança de Alejandro Bullon pela Casa Publicadora Brasileira (2013)
>>> Memórias de Carlota Joaquina de Marsilio Cassotti pela Planeta (2020)
>>> Marquês de São Vicente de Eduardo Kugelmas pela 34 (2020)
>>> Machado de Assis & Joaquim Nabuco. Correspondência de Graça Aranha pela Topbooks (2020)
>>> Obra Completa de Luis De Camoes pela Nova (2020)
>>> Literatura e Sociedade de Antônio Candido pela Ouro sobre Azul (2020)
>>> O Tigre na Sombra de Lya Luft pela Record (2012)
>>> Juca Paranhos, o Barão do Rio Branco de Luís Cláudio Villafañe G. Santos pela Companhia das Letras (2020)
>>> Ingleses no Brasil de Gilberto Freyre pela UniverCidade (2020)
>>> Histórias da Gente Brasileira. República. Memórias. 1889-1950 - Volume 3 de Mary Del Priore pela Leya (2020)
>>> Histórias da gente brasileira - Império - Vol. 2 de Mary Del Priore pela Leya (2020)
>>> Histórias da gente brasileira - Colônia - Vol. 1 de Mary Del Priore pela Leya (2020)
>>> Tensoes Mundiais Volume 4 Numero 5 de Manoel Domingos Neto e Monica Dias Martins pela Observatorio das Nacionalidades (2008)
>>> História econômica do Brasil de Roberto C. Simonsen pela Senado (2020)
>>> História dos Fundadores do Império do Brasil - 7 volumes - coleção completa de Otávio Tarquínio de Sousa pela Senado (2020)
>>> História do Brasil: Uma interpretação de Mota, Carlos Guilherme and Lopez, Adriana pela 34 (2020)
>>> História do Brasil de Boris Fausto pela Edusp (2020)
>>> Historia da Vida Privada Em Portugal: Volume 1 Idade Média de Direção de José Mattoso pela Abc (2020)
>>> Historia da Vida Privada Em Portugal: OS Nossos Dias de Direção de José Mattoso pela Abc (2020)
>>> História da saúde no Brasil de Luiz Antonio Teixeira (Compilador), Tânia Salgado Pimenta (Compilador), Gilberto Hochman (Compilador) pela Hucitec (2020)
>>> História da Arte no Brasil: Textos de Síntese de Myriam Andrade Ribeiro de Oliveira, Angela Ancora da Luz, Sonia Gomes Pereira pela Ufrj (2020)
>>> Temas de Direito Constitucional Volume 1 de Luís Roberto Barroso pela Renovar (2002)
>>> História Da América Portuguesa de Sebastião Da Rocha Pita pela Senado (2020)
>>> História da Alimentação no Brasil de Luís da Câmara Cascudo pela Global (2020)
>>> No caminho de Swann. de Marcel Proust pela Globo (2003)
>>> Hipólito José da Costa de Sergio Goes de Paula pela 34 (2020)
>>> Serious Candida Infections: Risk Factors, Treatment and Prevention de John H. Rex e Françoise Meunier Editores pela Pfizer (1995)
>>> Grande Reforma Urbana Do Rio De Janeiro, A: Pereira Passos, Rodrigues Alves E As Ideias De Civilização E Progresso de Andre Nunes De Azevedo pela PUC Rio (2020)
>>> Natural Racional Social - Razão Médica e Racionalidade Científica Moderna. de Madel T. Luz pela Campus (1988)
>>> Getúlio 3 (1945-1954) de Lira Neto pela Companhia das Letras (2020)
>>> Getulio 1930-1945: Do Governo Provisorio Ao Estado Novo de Lira Neto pela Companhia das Letras (2020)
>>> Para gostar de ler. Vol.4 - Crônicas.. de Vários pela Ática (1980)
>>> Getúlio 1 (1882-1930) de Lira Neto pela Companhia das Letras (2020)
>>> Viver o Amor. de José Carlos Pedroso pela Edições Paulinas (1978)
>>> General Osorio de Doratioto, Francisco pela Companhia das Letras (2020)
>>> Ganhadores: A greve negra de 1857 na Bahia de João José Reis pela Companhia das Letras (2020)
>>> Formação de Cidades no Brasil Colonial de Santos, Paulo Ferreira pela Ufrj - IPHAN (2020)
>>> Flores votos e balas de Alonso, Angela pela Companhia das Letras (2020)
>>> A Saude dos Filhos de E. Nauta pela Circulo do Livro (1987)
>>> Gibi Mônica N°8. Lendas da Jumenta Voadora de Mauricio de Sousa Editora pela Panni Comics (2007)
>>> Ficção e Confissão de Antônio Candido pela Ouro sobre Azul (2020)
>>> Essencial padre Antônio Vieira: o que o turista deve ver de Vieira, Padre Antônio and Bosi, Alfredo pela Penguin (2020)
>>> Gibi Mônica N°83 A árvore encantada de Mauricio de Sousa Editora pela Panni Comics (2013)
>>> Escravidão - Vol. 1: Do primeiro leilão de cativos em Portugal até a morte de Zumbi dos Palmares de Laurentino Gomes pela Globo Livros (2020)
>>> Esaú e Jacó de Assis, Machado de pela Abc (2020)
COLUNAS

Segunda-feira, 28/4/2014
Por que o mundo existe?, de Jim Holt
Ricardo de Mattos

+ de 4500 Acessos

"Chega o momento em que o espírito prefere o que confirma seu saber àquilo que o contradiz, em que gosta mais de respostas do que de perguntas. O instinto conservativo passa então a dominar, e cessa o crescimento espiritual" (Gaston Bachelard).

Costumamos dividir os questionadores em duas classes não hierárquicas. A primeira apenas questiona e vive numa eterna promenade intelectual, acenando ocasionalmente para Sísifo. A segunda possui um ponto de partida e vai de estação em estação, cada interrogação expressando seu desejo de saber mais e melhor. A primeira classe não aceita simplesmente os caminhos já percorridos, mas periga andar em círculo. A segunda, si afina-se em demasia na trilha escolhida, deve cuidar para não transformar escolha em bitola. Há a estrada, mas há também a paisagem em volta.

Foram as perguntas que nos prenderam ao livro do jornalista e escritor norte-americano Jim Holt. Vivemos fase em que preferimos a companhia de quem pergunta e desconfiamos de quem dá respostas. Kardec foi um grande perguntador e Frankl, em suas Memórias menciona ocasião que percebeu ser melhor deixar de lado o que sabia para melhor ouvir. Karl Jaspers chega mesmo a recomendar esta postura nas paginas iniciais de sua monumental Psicopatologia Geral. O espírito humano ainda precisa lidar com limites inerentes ao corpo que habita e à época em que vive, mas a opção deliberada do indivíduo em entregar-se ao instinto conservativo identificado por Bachelard afigura-se-nos verdadeiro suicídio intelectual. Houve momento em que aos padres católicos era permitido ler os livros vetados pelo Index, com a finalidade de melhor combatê-los. Si participamos deste tipo de velhacaria em alguma encarnação, ignoramos. De qualquer forma, entrar em contato com aquilo que nos confronta ou que pede maiores explicações a respeito dos ideais que abraçamos representa-nos um exercício de crescimento espiritual.

Por que o mundo existe? - Um mistério existencial vem da ótima safra de livros do ano passado. Seu ponto de partida é a questão encontrada por Holt no livro Introdução à Metafísica de Martin Heidegger: por que existe algo e não apenas o nada? Mostra-nos Holt que esta pergunta, que não tem dez palavras - e que, na verdade, remonta a Leibniz -, originou páginas e mais páginas de artigos e livros, bem como debates e polêmicas. As respostas, fornecidas por teólogos, filósofos, físicos, astrônomos e matemáticos entre outros, variam da inexistência do Nada à conclusão de que nada existe. De permeio, o pensamento humano numa variedade e profundidade tão grande que o talento de Holt revela-se ao não deixar que o diálogo entre as posturas transforme-se em galimatias. A simples opção pelo artigo "o" antes de "nada" cria a distinção conceitual entre um substantivo - nada - e uma alternativa ontológica - o nada. A maior parte da sequência dos capítulos conta com interlúdios, textos avulsos e mais leves que refrigeram o motor antes de seguir viagem.

Como articulista, Holt dedica-se a escrever artigos sobre matemática teórica para o New York Times e para a The New Yorker. Não nos consideramos uma nulidade em Matemática apenas porque conhecemos as quatro operações básicas. A prova dos nove, por sua vez, é um mistério intransponível desde quarta-série primária. Outro destes mistérios é o jogo de truco. O autor, evidentemente compreendendo que poderia ser lido por especialistas e por toupeiras, consegue fazer-se inteligível a ambos, temperando tudo com humor elegante. Há, sim, trechos em que o avanço da leitura requer vagar e voltas. O terceiro capítulo, em que se discorre sobre a história do Nada, é um destes casos. Todavia, superável e sem prejuízo ao entendimento global. O leitor não precisa deixar o livro experto em filosofia, matemática, teologia e física, mas terá uma grande oportunidade de verificar que as palavras e conceitos por elas representados possuem amplitude muitas vezes inimaginável pelo senso comum.

Um destes conceitos é o de identidade ou autoidentidade, "relação que toda e qualquer coisa tem consigo mesma e com nenhuma outra". Holt não deixa de expressá-lo matematicamente recorrendo à fórmula: para cada x, x = x. Transponha-a para outros campos do saber e acender-se-á o rastilho para muitas e diversas especulações e observações a respeito da existência, do autoconhecimento, do ser e do não ser, do sentido, dos papéis e das máscaras, das sombras, etc. Acredita, leitor: não é algo superficial saber até que ponto "x" é realmente igual a "x".

Sobre a existência de Deus e Sua relação com a origem do Universo, equilibram-se argumentos contrários e favoráveis, ambos analisados pelo autor em suas falhas e em suas relações na história das ideias. Existe e está no começo de tudo, segundo Richard Swimburne, filósofo da ciência e da religião e cristão ortodoxo praticante. É uma palavra dispensável quando não se tem algo mais definido por trás, diz o físico Steven Weinberg. Qual, pois, seria o diferencial? O que pode definir a escolha da criatura pelo teísmo ou ateísmo? Ao falarmos em Fé, talvez o leitor pense em velhinhas de véu preto diante de altares ou em cruzados empalando mouros: como não quer ser como eles, desiste de prosseguir. Poucos lembrar-se-ão que a par da epistemologia está a gnosiologia - não falamos de gnosticismo. Ao lado da busca do conhecimento terreno encontra-se a busca do conhecimento espiritual e ambos compõem a busca do conhecimento das coisas divinas. Bastará, todavia, escolher entre ter ou não Fé e, a partir disto, orientar toda sua vida? Nossa experiência pessoal, que mal e mal é sobre a qual podemos falar, indica-nos algo profundamente enraizado, algo que nos orienta a aguardar as respostas que virão para as mais diversas perguntas - como já vieram algumas. Desta forma, em nós, a Fé deriva deste núcleo, desta fonte pessoal e última. Quem mandou os estudiosos darem tão grande atenção ao inconsciente freudiano e tão pequena ao inconsciente frankliano?

Kardec afirma que para todo efeito inteligente há uma causa inteligente. Não há como fazer uma leitura materialista da assertiva sem cair assim num panteísmo extemporâneo e confuso, ou em imbróglios teóricos. Conforme mostra Jim Holt, há quem o faça, como é o caso de matemático platônico cuja teoria faz a conexão entre um mundo físico, um mundo matemático e um mundo mental. Antes, porém, que alguém nos acuse de intercalar convicções pessoais à apreciação do livro de Holt - embora escrevamos para um veículo que não nos cobre neutralidade - observamos que o tema das experiências qualitativas - ou qualia - e outros a ela relacionados, como a subjetividade e a consciência, são gradativamente abordados a partir do "interlúdio" intitulado It from bit, culminando no capítulo O ego: eu realmente existo?. Holt observa que mesmo alguns pensadores admitindo ad argumentandum Deus como a causa de todas as coisas, ainda insistem na pergunta sobre quem O teria criado. Neste ponto, sim, cremos que se trata de opção pelo debate circular.

Efemérides
2014 é ano rico de datas "redondas". Quarenta anos de Julio Daio Borges. Cinquenta anos do golpe militar. Cem anos da primeira guerra mundial, do Jeca Tatu e do Tarzan. 150 anos do Evangelho Segundo o Espiritismo. Duzentos anos de desencarne do Marquês de Sade e dois mil do desencarne do imperador Augustus. Há outras.

Efemérides - Conclusão
Há vinte anos desencarnou Charles Bukowski. Embora ainda não tenhamos sentido vocação especial para seus livros, gostamos de uma frase que ele deixou: "O problema com o mundo é que as pessoas inteligentes estão cheias de dúvida, enquanto os estúpidos estão cheios de confiança".


Ricardo de Mattos
Taubaté, 28/4/2014


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Maior que São Paulo, só o Masp de Jardel Dias Cavalcanti
02. Prata de tolo de Eduardo Carvalho


Mais Ricardo de Mattos
Mais Acessadas de Ricardo de Mattos em 2014
01. Memórias de um caçador, de Ivan Turguêniev - 17/3/2014
02. Lares & Lugares - 18/8/2014
03. As Vacas de Stalin, de Sofi Oksanen - 10/2/2014
04. Kardec, A Biografia, de Marcel Souto Maior - 6/1/2014
05. Por que o mundo existe?, de Jim Holt - 28/4/2014


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




BOM DIA LEITURAS DIÁRIAS VOLUME 2
MAX LUCADO
MUNDO CRISTÃO
(2014)
R$ 15,00



A RIQUEZA NA BASE DA PIRÂMIDE
C. K. PRAHALAD
BOOKMAN
(2005)
R$ 30,00



INVESTIGAÇÃO PREPARATÓRIA
ADEL EL TASSE
JURUÁ
(2010)
R$ 44,00



RAH, O MENSAGEIRO DO SÉTIMO RAIO
LUCI GUIMARÃES WATANABE
ATUAL
(1995)
R$ 6,90



AGUA VIVA
FORREST TOMAS
LOYOLA
(1991)
R$ 19,99



EL ZAPATO SUCIO (TEATRO CUBANO) - EM ESPANHOL
AMADO DEL PINO
EDICIONES ALARCOS
(2002)
R$ 14,00



DON QUIJOTE DE LA MANCHA 2 - NIVEL 3
MIGUEL DE CERVANTES SAAVEDRA
EDELSA GRUPO DIDASCA
(1996)
R$ 5,50



A FELICIDADE NÃO SE COMPRA
IRWIN SHAW
CÍRCULO DO LIVRO
(1981)
R$ 5,00



TROCA D ARMAS
LUISA VALENZUELA
ART
(1986)
R$ 5,00



LA EDUCACION POR LA DANZA: ENFOQUE METODOLÓGICO
P. OSSONA
PAIDOS (BUENOS AIRES)
(1976)
R$ 30,28





busca | avançada
69585 visitas/dia
2,2 milhões/mês