Diogo, o moço | I. Boris Vinha

busca | avançada
74045 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> As Águas do Futuro
>>> Iecine abre inscrições para a Oficina de Roteiro
>>> Férias de Julho: Museu Catavento e Teatro Sérgio Cardoso recebem a Cia. BuZum!
>>> Neos firma parceria com Unicamp e oferece bolsas de estudo na área de inteligência artificial
>>> EcoPonte apresenta exposição Conexões a partir de 16 de julho em Niterói
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
Colunistas
Últimos Posts
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
Últimos Posts
>>> PANFLETO AMAZÔNICO
>>> Coruja de papel
>>> Sou feliz, sou Samuel
>>> Andarilhos
>>> Melhores filme da semana em Cartaz no Cinema
>>> Casa ou Hotel: Entenda qual a melhor opção
>>> A lantejoula
>>> Armas da Primeira Guerra Mundial.
>>> Você está em um loop e não pode escapar
>>> A vida depende do ambiente, o ambiente depende de
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O que em mim sente está lembrando
>>> Divisões históricas
>>> Comentaristas de Seriados
>>> Os enciclopedistas franceses rolam nos túmulos
>>> Entrevista com Chico Pinheiro
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Efeitos periféricos da tempestade de areia do Sara
>>> Era uma casa nada engraçada
>>> Entrevista da Camille Paglia
>>> Vamos sentir saudades
Mais Recentes
>>> O Melhor de Mim de Nicholas Sparks; Fabiano Morais pela Arqueiro (2012)
>>> O Pássaro Pintado de Jerzy Kosinski pela Círculo do Livro (1975)
>>> Tiger Team 3 Activity Book A de Carol Read; Mark Ormerod pela Macmillan (2013)
>>> Um de Richard Bach pela Record (2005)
>>> Mundo Afora - Nº 9 - Políticas de Internacionalização de Universidades de Vários Autores pela Mre (2012)
>>> Vilão de V. E. Schwab pela Record (2019)
>>> Ação Cultural Para a Liberdade e Outros Escritos de Paulo Freire pela Paz e Terra (1982)
>>> Mente Limpa de Rossano Sobrinho pela Academia (2019)
>>> Will & Will: um Nome, um Destino de John Green; David Levithan pela Galera Record (2013)
>>> Companheira Solidão de Ivan Lacerda pela Do Autor (2008)
>>> A Nova Geração de CEOs de Vários Autores pela Portfolio Penguin (2018)
>>> Revolução Industrial de Francisco M. P. Teixeira pela Ática (2000)
>>> Sociologia Como Crítica Social de T. B. Bottomore pela Zahar (1976)
>>> Cânticos de Luz de Ferdinando Marcos e Raquel pela Nuclêo Espirita (1995)
>>> Matéricos Periféricos - Nº 2 - Revista de Proyecto Arquitectônico de Varios Autores pela Fapd Rosario (1998)
>>> A Resposta de Kathryn Stockett; Caroline Chang pela Bertrand Brasil (2010)
>>> O paraíso é uma questão pessoal de Richard Bach pela Record (1996)
>>> A Açougueira de Joan Llensa pela Do Autor
>>> Do Grotesco e do Sublime de Victor Hugo pela Perspectiva (2018)
>>> Medicina Baseada Em Evidências de José Paulo Drummond e Eliézer Silva pela Atheneu (1998)
>>> Personalidades Restauradas de Valnice Milhomens pela 2016 (2022)
>>> Vida Leve - Soluções Deliciosas para Você Emagrecer de Dra. Karla Saggioro pela Fundamento (2002)
>>> Expedições Geográficas 8 de Melhem Adas; Sergio Adas pela Moderna (2015)
>>> O Marketing da Logística - Livro de Martin Christopher pela Futura (1999)
>>> Gothic Station 2 - a Diversidade do Gótico Brasileiro (com Cd) de Henrique Kipper; Luciana Fátima; Alex Twin pela Gothic Station (2017)
COMENTÁRIOS

Domingo, 27/1/2008
Comentários
Leitores


Diogo, o moço
O Mainardi ainda é novinho e ainda irá mudar o modo de pensar! Na idade dele é assim mesmo; muitos nessa idade passam de radicais, às vezes de esquerda, para revoltados e críticos de tudo e de todos. Ainda bem que ele é crítico de quem merece ser criticado... Agora, saibam que o Diogo já foi comunista, desses de passeatas e quebrar tudo pelas ruas, um radical de esquerda. Era bonitinho ser radicalzinho! Depois ele cresceu, escreveu alguns textos, uns bons e outros nem tanto, vendeu alguns livros, e arrumou um emprego na Veja. Assim, de garoto revoltado e metido a comunista, hoje é um rapaz em transição e se tornando crítico, como todos fomos. Daqui a pouco ele envelhece e passa a ter bom senso, como "quase" todos tivemos. É difícil ficar velho radical. Notem como somente alguns energúmenos são, na maioridade, fanáticos radicalizados. Mas eu gosto do Diogo assim, deixemos que ele execre os medíocres atuais. Quando ficar mais velho ele muda!

[Sobre "Diogo Mainardi"]

por I. Boris Vinha
http://oslivros-iborisvinha.blogspot.com
27/1/2008 às
16h57 201.52.247.134
(+) I. Boris Vinha no Digestivo...
 
Vandré: sem nenhum arranhão
Sou de São José do Calçado-ES, uma pequenina Cidade de 10.000 habitantes, sou advogado, tenho 47 anos de idade, e há muitos anos venho rebuscando imagens dos festivais (em preto e branco), os quais não pude assistir pois não tinha o que comer... televisão, então, nem no vizinho! Geraldo Vandré é o Geir Campos de minha terra, que também não conheci, mas li. Se não posso vê-lo, acompanho-o pela (e viva a) internet. Réquiem para matraga. Parabéns. Coincidentemente, assemelho-me nos pensamentos de Geraldo, pois cheguei a prestar concurso para a Aeronáutica. Comprei um disco dele, há muitos anos, com o dinheiro da passagem, numa Banca na Rodoviária Novo Rio... era o único LP de Geraldo Vandré, que guardo sem nenhum arranhão.

[Sobre "Geraldo Vandré, 70 anos"]

por José Carlos Bernarde
27/1/2008 às
14h56 201.30.72.22
(+) José Carlos Bernarde no Digestivo...
 
Enochatos e enopedantes
Baco nos livre! Todo mundo quer falar sobre vinhos! De uns tempos para cá pensamos conhecer vinhos, falamos sobre essa bebida santificada, adorada por deuses e por filhos de deuses, utilizada em santas ceias em copos simples ou em Santos Graals. Há os enólogos que entendem, de fato. Há os enófilos que pensam que entendem, mas são metidos, como eu próprio sou. Há os sommeliers que fazem um cursinho de nada e já derramam a sabedoria enobabaca sobre todos. Salvo rarríssimas exceções. Há os Enochatos que enchem o saco de todos, a todo momento, em qualquer lugar, sobre a bebida bendita. Existem enochatos em blogs, em sites, em programas de televisão, em livros. Ô gente desagradável! E há os enopedantes; esses são de amargar. Esses não entendem nada de vinho, mas dizem ter tomado vinhos caríssimos, como os Pètrus, os Romaneé Contis, o Vega Sicilias... Até escrevi sobre isso em meu blog.

[Sobre "De vinhos e oficinas literárias"]

por I. Boris Vinha
http://oslivros-iborisvinha.blogspot.com
27/1/2008 às
11h02 201.52.247.134
(+) I. Boris Vinha no Digestivo...
 
Criminoso, criminoso?
Realmente o tal João Estrela é um criminoso, no entanto, sempre vai ter uma vírgula ou um no entanto, visto que o mesmo tinha interesse em curtir a vida, é claro que de uma forma desregrada e errada, porém, ele em algum momento seqüestrou alguém? Roubou? As pessoas simplesmente o procuravam porque queriam ser um José, Marcos, Paulo ou fulano Estrela. Pessoas como o Estrela devem ser internadas e excluídas da sociedade até se recuperarem, mas não podem ser julgadas como seqüestradores, ou engravatados de Brasília.

[Sobre "Traficante, sim. Bandido, não."]

por Diego
27/1/2008 à
00h18 189.18.176.174
(+) Diego no Digestivo...
 
Dez pra Barsa
Tenho Barsa em casa. Ganhei de minha mãe há oito anos num estande de vendas de um Hotel. Rejubilei-me com a notícia do advento da enciclopédia. Sinto uma profunda tristeza com a juventude atual que tudo busca no Google e contenta-se com isso. Presenciamos a expansão da praticidade e da preguiça. Para mim não se compara Barsa com Google, tudo depende do objetivo e da seleção da informação. Uma hora as pessoas teriam de reconhecer que o Google não preenche todas as necessidades.

[Sobre "A Barsa versus o Google"]

por Fabinho
http://fhpm.blogspot.com
26/1/2008 às
19h29 201.45.89.194
(+) Fabinho no Digestivo...
 
Sobre a mão do canhoto
E não é que no meio desse negócio de destro e ambidestro sempre fica o antônimo a pairar sobre a mão do canhoto e a lhe chamar sinistro, do latim sinister, ora vejam, esquerdo e funesto? Muitos abraços, Ana Elisa.

[Sobre "Mínimas"]

por Paulinho Assunção
http://paulinhoassuncao.blogspot.com
26/1/2008 às
19h15 201.80.189.49
(+) Paulinho Assunção no Digestivo...
 
Os brutos também traduzem
No livro "De Hitchcock a Greenaway pela História da Filosofia", de Julio Cabrera, o último capítulo "Os brutos também traduzem" traz uma bem-humorada lista de títulos de filmes traduzidos para o português em confronto com o nome original, mostrando o quanto os nossos "tradutores" acertam ou deturpam o entendimento de uma obra cinematográfica e trata especificamente da renomeação, não da tradução. O que se pretende mostrar é que os brutos também renomeiam e criam títulos absurdos e desvinculados do original.

[Sobre "Três e Dez para Yuma"]

por Antônio do Amaral
26/1/2008 às
17h51 201.83.64.217
(+) Antônio do Amaral no Digestivo...
 
É muita coisa ruim
Ah! É verdade, não leremos todos os livros importantes do mundo, não comeremos todas as maravilhosas iguarias do mundo, não conheceremos todos os cantos do mundo. Mas temos a obrigação de separarmos o joio do trigo, pois há muita bobagem em muitos livros, há muita comida ruim e há muitos lugares que me pergunto: para quê conhecer?

[Sobre "O mau legado de Paulo Francis"]

por Regina Costa
26/1/2008 às
14h45 201.53.101.113
(+) Regina Costa no Digestivo...
 
É mesquinhez demais
Nunca compartilhei desse entusiasmo todo por Paulo Francis, que para mim desperdiçou talento e inteligência para viver arrotando camarão no circo. Mas concordo com o resto todo e acrescentaria que essa ansiedade toda se deve a uma necessidade de justificar em bases puramente pragmáticas a existência desse mercado todo - que dá cada vez menos lucro. Stanley Fish disse recentemente em um artigo que se as "humanidades" [literatura, filosofia, crítica, etc] fossem mesmo capazes de nos tornar seres humanos melhores, os departamentos da área nas universidades não estariam cheios de gente mesquinha e pequena, gente aliás tão mesquinha e pequena quanto qualquer estádio de futebol ou ônibus lotado de tios, gordos ou magros.

[Sobre "O mau legado de Paulo Francis"]

por Paulo Moreira
http://paulodaluzmoreira.blogspot.com
25/1/2008 às
15h52 76.219.88.23
(+) Paulo Moreira no Digestivo...
 
A crítica e o leitor
Abdicando do pensamento crítico e abraçando a entrevista e a reportagem promocional, surge também o que o crítico Alcides Pécora chamou de "glosa da glosa": repete-se o que o artista disse para provar ao leitor que o artista é "o que o artista disse". Mais ou menos como um cachorro que fica rodando, correndo atrás do rabo - e todos os livros e exposições e filmes, sem exceção, são sempre ótimos, é claro. A existência desse artigo, paradoxalmente, nega a inexistência de crítica no Brasil - felizmente. Mas o artigo toca no ponto mais sensível: o que não existe é o veículo que ofereça, com consistência e critério, um espaço para essa crítica encontrar-se com o leitor.

[Sobre "A arte da crítica"]

por Paulo Moreira
http://paulodaluzmoreira.blogspot.com
25/1/2008 às
15h27 76.219.88.23
(+) Paulo Moreira no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Para Conhecer Chica da Silva
Keila Grinberg- Anita C. Almeida-lucia Grinberg
Zahar
(2007)



O fundador a fascinante história do primeiro governador do Brasil
Aydano Roriz
Ediouro
(2003)



Um Homem Bom (lacrado)
Thiago Barbalho
Iluminuras
(2017)



Mt a Descoberta da Energia Interior e o Domínio da Tensão
Dr. Harold Bloomfield-michael P. Cain-dennis Jaffe
Nova Fronteira
(1976)



On Secret Service
John Jakes
Signet
(2000)



Birichina 1 e 2
Carolina Invernizio
Lucchi Milano
(1984)



El Aprendizaje Autónomo En Educación Superior -
Joan Rué
Narcea
(2009)



Marilyn Ejfk
Marilyn Ejfk
Objetiva
(2009)



Curso de Direito do Trabalho Aplicado - Vol. 6
Homero Batista Mateus da Silva
Thomson Reuters
(2017)



Quimica Geral 3 - 4 Edição
V a Nehmi
Lo Cientifico e Vestibulares
(1965)





busca | avançada
74045 visitas/dia
1,8 milhão/mês