Rubem Fonseca (1925-2020) | Julio Daio Borges | Digestivo Cultural

busca | avançada
84229 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Projeto 8x Hilda reúne obra teatral de Hilda Hilst em ciclo de leituras online
>>> Afrofuturismo: Lideranças de de Angola, Cabo Verde e Moçambique debatem ecossistemas de inovação
>>> Ibraíma Dafonte Tavares desvenda preparação e revisão de texto
>>> O legado de Roberto Burle Marx é tema de encontro online
>>> Sala MAS/Metrô Tiradentes - Qual é a sua Cruz?
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
>>> Jogando com Cortázar
>>> Os defeitos meus
>>> Confissões pandêmicas
>>> Na translucidez à nossa frente
Colunistas
Últimos Posts
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
Últimos Posts
>>> Editora Sinna lança “Ninha, a Bolachinha”
>>> “Elise”: Lara Oliver representa Bernardina
>>> Tonus cristal
>>> Meu avô
>>> Um instante no tempo
>>> Salvem à Família
>>> Jesus de Nazaré
>>> Um ato de amor para quem fica 2020 X 2021
>>> Os preparativos para a popular Festa de Réveillon
>>> Clownstico de Antonio Ginco no YouTube
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A proposta libertária
>>> Semana da Canção Brasileira
>>> Mashup Camp Day One
>>> Estranha coincidência
>>> Aula com Suassuna
>>> O pingente que deu certo
>>> Fidelio, primeira parte
>>> Um brasileiro no Uzbequistão (III)
>>> Os gatos, as bibliotecas e a literatura
>>> A forca de cascavel — Angústia (Fuvest)
Mais Recentes
>>> As Colinas do Tigre de Sarita Mandanna pela Record (2013)
>>> Memória da Água de Emmi Itäranta pela Galera (2015)
>>> Pequim Em Coma de Ma Jian pela Record (2009)
>>> Os Ovos de Faberge de Toby Faber pela Record (2012)
>>> Tristes, Loucas e Más de Lisa Appignanesi pela Record (2011)
>>> As Ilhas da Corrente de Ernest Hemingway pela Bertrand Brasil (2014)
>>> A Sacada de Norm Brodsky, Bo Burlingham pela Best Business (2009)
>>> O Colecionador de Peles de Jeffery Deaver pela Record (2015)
>>> Ak-47 - a Arma Que Transformou a Guerra de Larry Kahaner pela Record (2011)
>>> Toque de Veludo de Sarah Waters pela Record (2011)
>>> Diário de um Cavaleiro Templário de Orlando Paes Filho pela Record (2006)
>>> O Problema dos Desconhecidos - um Estudo da Ética de Terry Eagleton pela Civilização Brasileira (2010)
>>> Zorro - Começa a Lenda de Isabel Allende pela Bertrand Brasil (2006)
>>> Papéis Inesperados de Julio Cortázar pela Civilização Brasileira (2010)
>>> Prelúdio para a Morte de Val Mcdermid pela Bertrand Brasil (2009)
>>> O Canto da Sereia - um Noir Baiano de Nelson Motta pela Objetiva (2002)
>>> Revista Caros Amigos nº 118 (2007) de Sérgio de Souza (Ed.) pela Casa Amarela (2007)
>>> A Marca da Liderança de Dave Ulrich, Norm Smallwood pela Best Business (2009)
>>> O Novo Reino - Vol 3 de Jan Guillou pela Bertrand Brasil (2006)
>>> O Trauma Alemão de Gitta Sereny pela Bertrand Brasil (2007)
>>> A Tristeza da Rainha de Suzannah Dunn pela Record (2011)
>>> Quieto Animal da Esquina de João Gilberto Noll pela Rocco (1991)
>>> Os E-mails de Holly de Holly Denham pela Record (2011)
>>> Mau Humor - uma Antologia Definitiva de Frases Venenosas de Ruy Castro pela Companhia das Letras (2002)
>>> The Origin of Species de Charles Darwin pela Signet Classics (2003)
>>> A Menina de Vidro de Jodi Picoult pela Verus (2011)
>>> O Jogo da Transição de Mariá Giuliese pela Évora (2011)
>>> Sombras Eternas - Vol 2 de Glen Cook pela Record (2013)
>>> Fogo na Cidade de Lauro Martines pela Record (2011)
>>> O Código Gaudí de Esteban Martin, Andreu Carranza pela Record (2009)
>>> Prometeu Acorrentado-Édipo Rei-medéia de Ésquilo-sófocles-eurípides pela Abril (1980)
>>> Sigilo Fiscal e Bancário de Reinaldo Pizolio e Jayr Viégas Gavaldão Jr pela Alfaguara (2005)
>>> Quase Memória de Carlos Heitor Cony pela Alfaguara (2006)
>>> Vença o Tigre de Jim Lawless pela Best Business (2015)
>>> Exclusivo - Confissões - Vol 4 de Kate Brian pela Galera Record (2013)
>>> Eu, Brasileiro, Confesso Minha Culpa e Meu Pecado de Frederico Oliveira Coelho pela Civilização Brasileira (2010)
>>> Idéias Próprias de Cordelia Fine pela Difel (2008)
>>> Rim por Rim de Julio Ludemir pela Record (2008)
>>> O Líder Em Você de Michael A. Crom, Stuart R. Levine pela Best Seller (2010)
>>> No Começo Eram os Deuses de Jean Bottero pela Civilização Brasileira (2011)
>>> Minha Guerra Alheia de Marina Colasanti pela Record (2010)
>>> Sociedade Secreta - Escolhas de Formatura - Vol 4 de Diana Peterfreund pela Galera Record (2012)
>>> A Legitimidade e Outras Questões Internacionais de Gelson Fonseca Junior pela Paz & Terra (2005)
>>> Encurtando a Adolescência de Tania Zagury pela Record (1999)
>>> Acenos e Afagos de João Gilberto Noll pela Record (2008)
>>> O Fio da Palavra de Gavin Menzies pela Galera Record (2012)
>>> Vovó Benuta de Sonia Rosa pela Galera (2012)
>>> Horizonte Azul de Wilbur Smith pela Record (2006)
>>> Reencontros de Linda Howard pela Bertrand Brasil (2006)
>>> Odd Thomas de Dean Koontz pela Record (2009)
COLUNAS

Quinta-feira, 16/4/2020
Rubem Fonseca (1925-2020)
Julio Daio Borges

+ de 600 Acessos

Morreu o nosso maior contista vivo. E da década de 60 pra cá, não há outro, no Brasil, que se aproxime dele.

Não apenas em quantidade de obras - pois foram mais de quinze livros de contos em seis décadas -, mas no apuro da linguagem, na desenvolvimento de temas e na cultura literária.

De “Feliz Ano Novo” (1975) pra cá, é praticamente impossível encontrar um autor brasileiro relevante que não tenha bebido na fonte de Rubem Fonseca, nem que seja para negar seu estilo.

A prosa direta, às vezes crua, mas com uma escolha inesperada de uma palavra fora do contexto, produzindo grande efeito, contaminou gerações de escritores que, mesmo não tendo lido Rubem Fonseca, sofreram a influência dele.

Antes que a violência fosse naturalizada no cinema, Rubem Fonseca fez um registro do submundo do crime no Brasil que permanece insuperável, especialmente na forma curta, que ele dominou como poucos em português brasileiro.

Antes dele, talvez só Nelson Rodrigues - com a infinidade de histórias de “A vida como ela é...” - tratou de temas assim urbanos, numa superação do regionalismo, e tendo como cenário a rua, a metrópole, o século.

A legião de imitadores de Rubem Fonseca tentou emular o frescor de sua linguagem, a enganosa simplicidade de suas histórias policiais e até mesmo o charme de seus protagonistas, mas os que melhor se saíram nessa tarefa, conseguiram, no máximo, ser bons discípulos do mestre.

O romancista Rubem Fonseca pode suscitar dúvidas, apesar do sucesso de adaptações para “Agosto” (1990) e “A Grande Arte” (1983), mas o contista, embora com produção desigual na última fase, se mantém como expoente num século que teve Guimarães Rosa e Machado de Assis.

Embora tenha rompido literariamente na forma e no conteúdo, Rubem Fonseca tinha muito respeito pela tradição literária, fazia uso frequente, e hábil, da citação e conferia ao escritor um status especial - mesmo num país de minguantes leitores -, convertendo-o em herói (mesmo que, às vezes, herói trágico).

Quantos, depois de ler uma obra sua, não quiseram seguir seus passos, não por fama e glória, porque ele não tinha nem uma nem outra (talvez, agora, glória póstuma), mas pelo simples desejo de fazer parte daquele panteão de artífices, verdadeiros estilístas, da palavra escrita, com o poder mítico de criar - e destruir - mundos, realidades, vidas?

Talvez por sua reclusão - Rubem Fonseca se negava a fazer aparições e dar entrevistas -, sua imagem não sofreu com o desgaste, típico em nossos escrevinhadores, vítimas do engajamento político, que, seja contra, seja a favor, produz obras enviesadas, a serviço de causas diversas que não a da literatura.

Com a morte de Rubem Fonseca, perdemos alguém que mantinha a chama acesa. E assim como Borges se confundia com a própria noção de literatura na Argentina, o Brasil vivencia agora o silêncio de uma de suas vozes.

Afinal, o que é um grande autor senão a testemunha de toda uma época, o representante de toda uma geografia, a identidade de toda uma nação? Rubem Fonseca, produzindo sua interpretação do Brasil contemporâneo, nos ajudou a entender quem somos, assim como Machado, Rosa e Nelson fizeram, cada um em sua época.

Para ir além
"A literatura de ficção morreu?" e "Lembranças de Nova York", de Rubem Fonseca. Também "Rubem Fonseca e a inocência literária perdida", "Ela me observava como quem olha para um quebra-cabeça", "A concisão dos meus poemas", "O selvagem da ópera" e "O Romance Morreu, de Rubem Fonseca". Ainda "As mulheres de Rubem Fonseca", "O pior Rubem Fonseca é sempre um bom livro" e "As histórias magras de Rubem Fonseca". Finalmente, Rubem Fonseca no Portal dos Livreiros.


Julio Daio Borges
São Paulo, 16/4/2020


Quem leu este, também leu esse(s):
01. A vitrola de Jaime Prado Gouvêa de Rafael Rodrigues
02. Escrita e Artes Visuais de Maurício Dias


Mais Julio Daio Borges
Mais Acessadas de Julio Daio Borges em 2020
01. Eddie Van Halen (1955-2020) - 9/10/2020
02. Doutor Eugênio (1949-2020) - 7/12/2020
03. Zuza Homem de Mello (1933-2020) - 12/10/2020
04. Minha biblioteca de sobrevivência - 30/3/2020
05. Moro no Morumbi, mas voto em Moema - 15/11/2020


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Resenha 2 Leitura e Produção de Textos Acadêmicos - 9226
Anna Rachel Machado (coord.)
Parábola
(2004)
R$ 12,00



Arte Conta Historias - Chocolate Quente na Neve
Katia Canton
Sp
(1996)
R$ 5,00



Broffice.Org Calc E Writer trabalhe com planilhas e textos - Informatica
Renato Schechter
Campus
R$ 30,00



Historias da Nossa História 10891
Viriato Corrêa
Nacionl
(1930)
R$ 14,00



UM OUTRO MUNDO É POSSIVEL
Gianni Mina
N/d
(2003)
R$ 7,69



O Mistério da Cidade-fantasma Série Vaga-lume
Marçal Aquino
Atica
(1998)
R$ 18,54



Se o Libano Falasse...
Sai Akl
Imprensa Oficial Sp
(1971)
R$ 20,00



O que é o espiritismo
Allan Kardec
Instituto de Difusão Espírita
(1981)
R$ 5,00



Criação Racional de Rãs
Irineu Fabichak
Nobel
(1985)
R$ 12,00



Modern Sociology Introductory Readings
Peter Worsley
Penguin Books
(1970)
R$ 12,00





busca | avançada
84229 visitas/dia
2,4 milhões/mês