Quem vem lá? | Renato Alessandro dos Santos | Digestivo Cultural

busca | avançada
51690 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Prefeitura de SP institui gratificação de até R$ 1.500 reais para diminuir rotatividade de docentes
>>> Queen Immortal faz show em homenagem ao aniversário de Freddie Mercury
>>> Projeto cultural gratuito traz cinema e teatro para cidades goianas
>>> Festival da Linguiça de Bragança retorna com expectativa de 70 mil visitantes
>>> O Buraco d’Oráculo leva dois espetáculos de seu repertório a praça em São Miguel Paulista
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
Colunistas
Últimos Posts
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
Últimos Posts
>>> Os chinelos do Dr. Basílio
>>> Ecléticos e eficazes
>>> Sarapatel de Coruja
>>> Descartável
>>> Sorria
>>> O amor, sempre amor
>>> The Boys: entre o kitsch, a violência e o sexo
>>> Dura lex, só Gumex
>>> Ponto de fuga
>>> Leite, Coalhada e Queijo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Graciliano Ramos, o gigante
>>> Entrevista com Gerald Thomas
>>> O fim do (meu) automóvel
>>> Sobre o som e a fúria
>>> 27 de Fevereiro #digestivo10anos
>>> Minhas caixas de bombons
>>> Direto do show do Chickenfoot
>>> Suicídio da grande imprensa
>>> Como ser uma webcelebridade
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
Mais Recentes
>>> O Defunto Adão e Eva no Paraiso e Outros de Eça de Queiros pela Edição de Ouro
>>> Encontro À Meia-noite de Liliana Iacocca pela Ftd (1988)
>>> Ó (de) Itabira de Marcus Accioly pela José Olympio (1980)
>>> O Moleque Ricardo de Jose Lins do Rego pela Jose Olympio (1981)
>>> Os Colegas de Lygia Bojunga pela Jose Olympio (1995)
>>> O Velho Feiticeiro de Assis Brasil pela Melhoramentos
>>> A Filosofia Contemporanea de Wolfgand Stegmuller pela Edusp
>>> O Negócio do Século XXI - o Guia do Pai Rico de Robert Kiyosaki pela Campus (2011)
>>> Alimentos Saudáveis, Alimentos Perigosos - Guia Prático de Readers Digest pela Do Autor
>>> Antes Que o Sol Apareça de Lucília Junqueira de Almeida Prado pela Brasiliense (1984)
>>> O Velho da Horta Auto da Barca do Inferno Farsa de Inês Pereira de Gil Vicente, Segismundo Spina pela Brasiliense (1996)
>>> A Herança de Beni - uma Aventura Histórica e Virtual de Enio Rechtman / Silvio Fisberg pela Hebraica
>>> Feliz Ano Velho de Marcelo Rubens Paiva pela Brasiliense (1995)
>>> O Muiraquitã - Coleção Jovens do Mundo Todo de Odette de Barros Mott pela Brasiliense
>>> Contos de Andersen de Monteiro Lobato pela Brasiliense (1958)
>>> Aprender Economia de Paul Singer pela Brasiliense (1994)
>>> Jesus de Paulo Leminski pela Brasiliense (1984)
>>> O Romance de Tristão e Isolda de Joseph Bédier pela Wmf Martins Fontes (2012)
>>> Fogo Morto de José Lins do Rego pela José Olimpio (1991)
>>> Qué Camino Tomar? de Edwin Becerra pela Santillana (2005)
>>> O Poder do Super Bicho de Edy Lima pela Melhoramentos (1979)
>>> Regras Oficiais de Beisebol de Não Consta pela Brasil (2008)
>>> Enigma na Televisão - Série Vaga-lume de Marcos Rey pela Atica (1991)
>>> Ímpar de Marcelo Carneiro da Cunha pela Projeto (2002)
>>> O Caso dos Modelos de Pernas Longas de Etle Stanley Garcher pela Circulo do Livro
COLUNAS

Terça-feira, 28/6/2022
Quem vem lá?
Renato Alessandro dos Santos

+ de 2500 Acessos



Adoniran Barbosa faz rir com suas músicas. Bom humor sempre foi uma característica que ele trazia pendurada no pescoço, feito a gravatinha borboleta, marca registrada de sua fisionomia. Mas, como toda feitiçaria, por trás desse estado de espírito animado, há também uma tristeza a percorrer os versos, em muitas das canções sorridentes que fez. "Iracema", por exemplo. A gente ri, mas Iracema, não. É a Corcunda da Foice que espera por ela, após aquela travessia de rua malsucedida, de um lado a outro de calçadas.

Adoniran é uma das três grandes forças do samba paulistano: Geraldo Filme e Germano Mathias estão ao lado dele no pódio, e é inegável como o desvario da pauliceia, o asfalto, os imigrantes italianos, a garoa e, de certa maneira, a cor local da metrópole que responde por São Paulo estão em Adoniran.

Outra peculiaridade que chama a atenção é aquela voz: como alguém pode cantar com um timbre daquele? Mas não foi a primeira vez que, no samba, gogós dos mais esdrúxulos deram-se ao trabalho de se arriscar na arte da cantoria dessa gafieira eterna que é a vida.

Este disco, Adoniran Barbosa, com Elis Regina e outros intérpretes, lançado pela EMI em 1980, com capa prateada e tudo, é uma homenagem que, em cheio, acerta o álvaro. Uma bela homenagem, aliás. Nada de funilaria nova; o verniz ainda continua o mesmo, isto é, nenhuma demão dadaísta a se amparar numa comparação injusta com a original. Em vez disso, artistas esmerando-se a prestar reverência a quem merece, e Adoniran merece, como todos sabem.

Da primeira faixa até a última, virando o vinil de um lado a outro, o que se ouve são algumas das mais populares canções feitas pelo compositor e intérprete que aliou um humor sem precedentes a um talento rítmico admirável e, acima de tudo, ainda contou com um carisma que, feito uma cobertura de chocolate, faz o diabetes ficar a um passo de ser ignorado.

Quem vem lá? É Adoniran Barbosa, pessoal, chegando no trem das onze.

Para ir além
Adoniran Barbosa (1980)
Adoniran, Elis e outros (EMI, 064 422868D)

Lado A:
"Fica mais um pouco amor" (Adoniran Barbosa)
"Tido ao Álvaro" (Adoniran Barbosa e Oswaldo Molles) com Elis BR> "Bom dia, tristeza" (Adoniran Barbosa e Vinicius de Moraes) com Roberto Ribeiro
"O casamento do Moacir" (Oswaldo Molles e Adoniran Barbosa) com Talismã e seu conjunto
"Viaduto Sta. Efigênia" (Adoniran Barbosa e Alocin) com Carlinhos Vergueiro
"Aguenta a mão, João" (Adoniran Barbosa e Hervê Cordovil) com Djavan
"Acende o candeeiro" (Adoniran Barbosa) com Nosso Samba

Lado B:
"Apaga o fogo, mané" (Adoniran Barbosa)
"Prova de carinho" (Adoniran Barbosa e Hervê Cordovil) com Vania Carvalho
"Vila esperança" (Adoniran Barbosa e marcos Cesar) com MPB 4
"Iracema" (Adoniran Barbosa) com Clara Nunes
"No Morro do Piolho" (Peteleco, Jacob de Brito e Carlos Silva)
"Despejo na favela" (Adoniran Barbosa) com Gonzaguinha
"Torresmo à milanesa" (Adoniran Barbosa e Carlinhos Vergueiro) com Clementina de Jesus e Carlinhos Vergueiro

Nota do Editor
Leia também "Se quiser tirar algo de mim, tire o trabalho, a mulher não" e "O cientista boêmio".


Renato Alessandro dos Santos
Batatais, 28/6/2022


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann de Jardel Dias Cavalcanti
02. Michael Jackson: a lenda viva de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Renato Alessandro dos Santos
Mais Acessadas de Renato Alessandro dos Santos
01. A forca de cascavel — Angústia (Fuvest) - 24/9/2019
02. Meu Telefunken - 16/7/2019
03. Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1 - 20/8/2019
04. Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra - 14/9/2021
05. Vespeiro silencioso: "Mayombe", de Pepetela - 13/11/2018


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Um Tronco no Meio do Caminho
Rosana Rios
Positivo
(2010)



O Símbolo Perdido
Dan Brown
Sextante
(2009)



O Jogo das Contas de Vidro
Hermann Hesse
Brasiliense
(1973)



Sem Trabalho... por Quê?
Cnbb
Salesiana
(1999)



Desen - viver - volvendo ... Repensando o cotidiano
Carpinelli e Schabbel
Iglu
(1996)



Engineers Data Book
Clifford Matthews
Wiley
(2012)



Pandora
Sylvia Fraser
M&s
(1976)



Civilização Planetária
Leonardo Boff
Sextante
(2003)



Sempre Há uma Chance
Lucimara Breve
J. S.
(2000)



Plt 459 Direito Civil Brasileiro 3
Carlos Roberto Gonçalves
Saraiva
(2012)





busca | avançada
51690 visitas/dia
2,0 milhão/mês