Jornalismo chapa quente! | Lucas Colombo

busca | avançada
75143 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Unil oferece curso sobre preparação e revisão de texto
>>> Sesc 24 de Maio apresenta o terceiro episódio do Desafinados Entrevista
>>> Anexo LONA - Interações 1 - Cristina Elias & Thais Stoklos
>>> Viaje ao som de 'Sky', novo single de Dizin
>>> Lewis Wolpert explica como os organismos multicelulares se formam a partir de um simples óvulo
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
Últimos Posts
>>> Canção corações separados
>>> Relógio de pulso
>>> Centopéia perambulante
>>> Fio desemcapado
>>> Verbo a(fiado)
>>> Janelário
>>> A vida é
>>> (...!)
>>> Notívagos
>>> Sou rosa do deserto
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Pensar Não é Viver
>>> Caminhos para Roma
>>> Solitária cidadã do mundo
>>> Breve biografia
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> A importância da virtude
>>> Deus ex machina
>>> Mulher-Flamingo
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Frederico Trajano sobre a retomada
Mais Recentes
>>> Mafalda - Volume 5 de Quino pela Ediciones de La Flor
>>> Assembléia de Luz de Francisco Cândido Xavier pela Geem (1988)
>>> Dicionário Etimológico Nova Fronteira da Língua Portuguesa de Antônio Geraldo da Cunha pela Nova Fronteira (1996)
>>> Clones Humanos - Nossa Autobiografia Coletiva de Clara Pinto Correia pela Rocco (2002)
>>> Presente Diário de Roland Kober - Dórias Kober pela Rtm (2014)
>>> Decência Já de J. o . de Meira Penna pela Nórdica (1992)
>>> Ensinando Crianças de Três a Oito Anos de Bernard Spodek & Olivia N. Saracho pela Artmed (1998)
>>> Sombras Que Sofrem (crônicas) de Humberto de Campos pela Livraria José Olympio (1935)
>>> Cinderela pop (Capa do filme) EAN: 9788501116161 de Paula Pimenta pela Galera (2019)
>>> Critica - 3ª Série de Humberto de Campos pela Livraria José Olympio (1935)
>>> Mysterium Salutis A Igreja IV 6 Vida e Estruturas na Igreja de Johannes Feiner Magnus Loehrer pela Vozes (1977)
>>> Carroções - Outras Histórias de Arnoldo Monteiro Bach pela Uepg (2005)
>>> Critica - 1ª Série de Humberto de Campos pela Livraria José Olympio (1935)
>>> A Literatura Infantil de Monteiro Lobato de Rose Lee Hayden pela Espm (2012)
>>> O Poder das Pirâmides - Comv Piramide Experimental de Emilio Salas pela Record (1978)
>>> Partituras Publicitárias de Amilton Godoy pela Espm (2013)
>>> Os Noivos I Promessi Sposi de Alessandro Manzoni pela Vozes (1990)
>>> O Buda Vivo - uma Interpretação Biográfica de Daisaku Ikeda pela Record
>>> Viagem pelo Rio Amazonas de Paul Marcoy pela Sec /edua (2001)
>>> A Linguagem Corporal da Criança de Samy Molcho pela Gente (2007)
>>> Colecionador de Desafios de Henrique Loyola pela Dubon (2012)
>>> Handing Down the Light: the Biography of Venerable Master Hsing Yun de Fu Chi-ying; Amy Lui- Ma pela Hsi Lai University Press (1996)
>>> Chatô, o Rei do Brasil de Fernando Morais pela Companhia das Letras (1994)
>>> Inspiração Nordestina. de Patativa do Assaré pela Hedra (2003)
>>> Santo Agostinho (354-430) em 90 minutos de Paul Strathern pela Jorge Zahar Editor (1999)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 15/8/2007
Comentários
Leitores


Jornalismo chapa quente!
Concordo plenamente que o pior jornalismo é o chapa-branca, que não contesta nada. Isso num país tão carente de debates como o Brasil; é desolador... O Mainardi foi um dos cases estudados no meu Trabalho de Conclusão de Curso - eu analisei o uso da ironia no jornalismo opinativo. Concordo que a postura "do contra" do colunista da Veja é fundamental, por mais que ele cometa equívocos, como fazer comentários preconceituosos contra o Nordeste e lançar provocações vazias apenas para polemizar. Também espero que o Mainardi siga com seu estilo combativo nos próximos governos, sejam eles do PT, do PSDB, ou do sei-lá-o-quê. Por fim, digo que não acho o Mainardi a "versão piorada do Paulo Francis", como muitos gostam de classificá-lo. Não há comparação: o Francis era muito mais sofisticado, culto e bem-humorado do que o Mainardi. Quase desisti de me formar em Jornalismo quando um dos meus professores-militantes comentou que, para ele, o Francis era apenas "um ideólogo da direita". Pfui...

[Sobre "A favor do jornalismo contra"]

por Lucas Colombo
15/8/2007 às
02h42 192.168.133.51
(+) Lucas Colombo no Digestivo...
 
Perdas necessárias
Toda perda sempre é dolorosa, pode ser óbvio, mas ninguém gosta de perder algo com que se acostumou ou acomodou. Inúmeras pessoas acharam que a pintura acabaria com a fotografia, ou ainda que o teatro estaria fadado ao fracasso com a entrada do cinema, não acredito que o jornalismo esteja morrendo e sim se modificando, o que parece nescessário num momento onde o fator-tempo junto à tecnologia ditam todas as regras.

[Sobre "O velho jornalismo está morrendo"]

por Andre Henrique Ferre
http://www.reticenciarerecortar.blogspot.com
15/8/2007 à
01h58 200.97.245.184
(+) Andre Henrique Ferre no Digestivo...
 
as pessoas que mais visito
Parabéns Julio e Ale. Por coincidência (ou não) as duas pessoas que mais visito na internet, através de seus blogs. Vejo o Ale como um exemplo, não que isso me faça largar de ser preguiçoso e mandar ver no meu blog, mas ainda vale o tal exemplo. Abraços!

[Sobre "Papo com Alessandro Martins"]

por Albarus Andreos
http://www.charranspa.blogspot.com
14/8/2007 às
16h58 200.218.186.190
(+) Albarus Andreos no Digestivo...
 
Como Conrad contaria
Belo texto Guga. Ao Lê-lo me lembrei um pouco do livro Juventude, de Joseph Conrad. Conrad foi marinheiro de verdade e conta neste livro uma aventura naval. O clima é sombrio e pessimista. Nada de extravagâncias, já que tratava da realidade que ele conhecia e amava, embora ficcional. Contudo, a história não nos conta de seus sonhos e aspirações, mas de como conseguiu sobreviver a eles e, depois de muitos anos, olhar para trás e sentir alívio.

[Sobre "Retrato 3X4 de um velho jornalismo"]

por Albarus Andreos
http://www.charranspa.blogspot.com
14/8/2007 às
16h33 200.218.186.190
(+) Albarus Andreos no Digestivo...
 
Abaixo Harry Potter
Concordo. Também é isso que penso. Valeu. Adriana

[Sobre "Não, não gosto de Harry Potter"]

por Adriana
14/8/2007 às
11h45 201.58.189.8
(+) Adriana no Digestivo...
 
cinema de autor é passado
Existem inúmeras maneiras de fazer um filme, e cada um teria sua resposta diferente. No sistema de Hollywood, por exemplo, o diretor é literalmente um nada. É a peça mais substituível de todas. O roteirista é outro nada: um sujeito propõe alguma coisa, milhões mexem até chegar ao resultado final. A peça mais importante nesse contexto é o assistente de direção, que é quem garante que o filme sai mesmo. Mas também tem o filme em que um mesmo sujeito escreve, filma e monta. Tem o filme em que alguém resolve sair com uma câmera em cima do ombro. E assim por diante. De qualquer forma, cada vez mais o cinema "de autor", aquele que permite ao mesmo tempo as pontas soltas, as imperfeições e as genialidades, é coisa do passado. Não se pode mais brincar e arriscar a perder dinheiro. O controle é cada vez maior, o cinema está cada vez mais entregue a fórmulas. Se ele pode se perguntar quem é o autor, é porque o cinema não quer mais saber de autores.

[Sobre "Quem é o autor de um filme?"]

por osrevni
http://paralersemolhar.blogspot.com
14/8/2007 às
09h23 83.202.32.114
(+) osrevni no Digestivo...
 
Classificados e editoriais...
Não sei muito do "ser contra" ou "a favor", tenho lido muito sobre a finalidade do jornalismo de fundar algum sentido crítico na sociedade, sinceramente, não acredito. Não atribuo aos jornalistas a primazia de desenvolver nenhuma tese ou postura politica, que deva ser de desejo de cada individuo. O jornalismo que me atrai é o da diversidade, feito entre o trágico e o cômico e não uma leitura ordinária do cotidiano. Há também a referência econômica do veículo que não deve ser ignorada, então resta ao jornalista a coragem de sê-lo e a vocação para o nada. A isca da atenção é o escandalo e o extraordinário, e os jornais sabem disto e usam este conhecimento à exaustão. A sobrevivência de um veiculo de informação está no lastro de leitores regulares que ele consegue captar e tudo o que possa ser apresentado e oferecido a este público: notícia, entretenimento; formação política e cultural é só uma possibilidade cuja a responsabilidade é individual e está fundada no senso crítico, se há um...

[Sobre "A favor do jornalismo contra"]

por Carlos E. F. Oliveir
14/8/2007 às
08h09 201.65.37.4
(+) Carlos E. F. Oliveir no Digestivo...
 
all around
você viu, julio, você viu. a discussão está all around :)

[Sobre "A tal literatura independente"]

por Olivia
http://www.verbeat.org/blogs/forsit
14/8/2007 às
07h12 201.1.181.95
(+) Olivia no Digestivo...
 
no universo dos taxistas
Eu também tenho uma teoria de como o tempo está passando mais rápido, mas deixo isso pra lá, se eu perder tempo nessas coisas acabo não conseguindo enxugar todo esse gelo que escorre aqui da geladeira velha de casa, minha própria calota polar aqui na cozinha. Além do fato de eu não ter autorização de passar meu tempo em outros universos, afinal, um estudante de jornalismo não tem autorização para mexer no universo dos taxistas. Um abraço!

[Sobre "Meta-universo"]

por Renan De Simone
http://pensologoeescrevo.blogspot.com
13/8/2007 às
22h14 201.68.208.218
(+) Renan De Simone no Digestivo...
 
companheirismo, honra, coragem
Li um livro quando guri, chamava-se "A Guerra dos Botões", autor não lembro... tratava-se da mesma historia, dois grupos de crianças, brigas, verdadeira guerra declarada... companheirismo, honra, coragem... muito parecidas as duas historias para ser mera coicidencia...

[Sobre "Os meninos da rua Paulo"]

por Luciano Borba Stecke
13/8/2007 às
21h19 201.64.80.59
(+) Luciano Borba Stecke no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O Romance da Revolução (Como e Porque Aconteceu a Revolução de Março)
Albérico Barroso Alves
Artenova
(1979)
R$ 18,00



Sines Sagres Vol 7 Sagres Albuferia
Diversos Autores
Público
R$ 11,33



Maze Runner: Arquivos
James Dashner
Vergara & Riba
(2014)
R$ 9,00



Tratado elementar de magia prática
Papus
Pensamento
(1978)
R$ 125,00



Um feminismo decolonial
Françoise Vergès
Ubu
(2020)
R$ 55,00



O Grande Despertar
Celso Brant
Independente
(1994)
R$ 5,00



Farda Fardão Camisola de Dormir
Jorge Amado
Record
(1979)
R$ 8,00



Hospital
Arthur Hailey
Nova Fronteira
(1959)
R$ 5,00



Sarney: a biografia
Echeverria, Regina
Leya
(2011)
R$ 7,00



Cultura, Dialética e Hegemonia: Pesquisas Em Educação - 2ª Edição
Bernd Fichtner e Outros (orgs)
Edufes (vitória)
(2013)
R$ 28,28





busca | avançada
75143 visitas/dia
2,1 milhões/mês