Especial Melhores de 2004 | Digestivo Cultural

busca | avançada
30928 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Ana Marson lança livro de crônicas em São Paulo
>>> Música, dança e boa conversa na "Semana Preta" do Centro de Referência da Dança
>>> Vila Cultural Cora Coralina recebe exposição 'Tempos Líquidos'
>>> DAMA DE COPAS - O LIVRO É LANÇADO PELA SOUL EDITORA
>>> Novo livro do Padre Lício propõe reflexão para prevenção ao suicídio
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A poesia afiada de Thais Guimarães
>>> Manchester à beira-mar, um filme para se guardar
>>> Noel Rosa
>>> Sabemos pensar o diferente?
>>> Notas de leitura sobre Inácio, de Lúcio Cardoso
>>> O jornalismo cultural na era das mídias sociais
>>> Crítica/Cinema: entrevista com José Geraldo Couto
>>> O Wunderteam
>>> Fake news, passado e futuro
>>> Luz sob ossos e sucata: a poesia de Tarso de Melo
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jeff Bezos é o mais rico
>>> Stayin' Alive 2017
>>> Mehmari e os 75 anos de Gil
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
Últimos Posts
>>> Você pertence a um não lugar
>>> Olho d'água
>>> A música da corrida
>>> Retalhos da vida
>>> Limbo
>>> Transmutações invisíveis
>>> Quem te leu, quem te lê
>>> Bom dia e paz
>>> O que sei do tempo II
>>> Quem é quem?
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Caso Richthofen: uma história de amor
>>> Sem lero-lero
>>> A droga da felicidade
>>> Hilda Hilst, o IPTU e a Chave da Cidade
>>> Símbolos e Identidade Nacional
>>> Animismo
>>> Um monstro que ri
>>> Lições literárias
>>> Fahrenheit 451, Oralidade e Memória
>>> História dos Estados Unidos
Mais Recentes
>>> Farra no Formigueiro
>>> Picasso - Coleção Crianças Famosas
>>> Roman Games - 3
>>> Arte para Criança Arcangelo Ianelli no Mundo das Nuvens
>>> O Santinho
>>> Raul da Ferrugem Azul
>>> O Fantástico Mistério de Feiurinha
>>> Meninos, Eu Conto - Contos - Vol. 2
>>> O Porta-lápis Encantado - Col. Biblioteca Marcha Criança
>>> Os Lusíadas - Série Reencontro
>>> Guia do Escoteiro Noviço
>>> The Gospel of the Kingdom
>>> Cartas ao Papa João Paulo II
>>> An Outline Of American Geography
>>> Pinheiros - Estudo Geográfico de Um Bairro Paulistano
>>> Poesia Completa de Alberto Caeiro
>>> A Oração dos Cinco Dedos com o Papa Francisco
>>> Estudo Dirigido de Microsoft Office Excel 2010. Avançado
>>> Estudo Dirigido de Microsoft Office Excel 2010
>>> Teilhard de Chardin. Ensaio de leitura crítica
>>> World Of Warcraft - Crônica - Vol. 1
>>> Reflexões e Orações no Espaço Tempo
>>> Janelas para a Vida
>>> Alimentação Moderna
>>> O Dia em que os Deuses Chegaram - 11 de Agosto de 3114 a.C
>>> Os Doze Trabalhos de Hércules - I
>>> Os Santos Evangelhos
>>> Inculta & Bela - 1
>>> Inculta & Bela - 1
>>> Onde Canta o Sabiá
>>> Onde Canta o Sabiá
>>> Onde Canta o Sabiá
>>> Onde Canta o Sabiá
>>> Onde Canta o Sabiá
>>> Onde Canta o Sabiá
>>> Onde Canta o Sabiá
>>> Onde Canta o Sabiá
>>> Pessoa e Amor segundo Teilhard de Chardin
>>> O Meio Divino
>>> Gramática Resumida
>>> Enfermagem em Centro Cirúrgico: atualidades e perspectivas no ambiente cirúrgico
>>> Guia completo de Procedimentos e Competências de Enfermagem
>>> PRocedimentos especializados de Enfermagem
>>> Hospitalização
>>> A psicanálise, sua imagem e seu público
>>> Estudo Dirigido para Microsoft Office Word 2010
>>> Família contemporânea e saúde: significados, práticas e políticas públicas
>>> Manual de cuidados HIV/AIDS
>>> Novo Manual de Instrumentação Cirúrgica
>>> Estudo Dirigido de Microsoft Office Powerpoint 2010
ESPECIAIS

Quarta-feira, 19/1/2005
Melhores de 2004
Colunistas



O retorno das Cruzadas
>>> As ondas gigantes que devoraram a Indonésia, a Tailândia e os demais locais afetados pelo maremoto parecem uma cuspida raivosa do planeta (se eu fosse mística, acreditaria que sim). Mas a atenção do mundo e os esforços em ajuda humanitária – até mesmo aqueles investidos de oportunismo político, como Bush pai, Bush filho e Bill Clinton – apontam para o que, em nós, é construtivo e solidário.
por Daniela Sandler
+ 6 comentário(s)
Leia Mais

Perdemos público em 2004? E daí?
>>> Fico com receio quando leio avaliações a respeito do cinema brasileiro em 2004. Em quase todos os veículos a chamada é que o nosso cinema perdeu espaço, perdeu público e voltou a estar em baixa. Tudo bem, não dizem exatamente isso, mas a conclusão que fica no ar é: voltamos a cair depois de 4 anos de crescimento. Acontece que se deixar levar só por números não é a melhor posição em se tratando de cinema.
por Lucas Rodrigues Pires
+ 2 comentário(s)
Leia Mais

O melhor de 2004? Você decide!
>>> Em março de 2004, foi realizada uma pesquisa entre jovens sobre os 40 anos da ditadura militar. 32% citaram Tiradentes como exemplo de personalidade presa, torturada e morta durante o regime. Sete entre dez deles não sabiam que a ditadura teve início no dia 31 de março. Cinco entre sete não sabiam que o Brasil teve sequer ditadura. Desses cinco, quatro achavam que ditadura militar era o nome de uma banda.
por Adriana Baggio
Leia Mais

Abbas Kiarostami: o cineasta do nada e do tudo
>>> Buscas, perguntas, dúvidas, todas levam ao questionamento maior: vale a pena viver? A resposta é "sim", na visão do diretor Abbas Kiarostami. Não importa as tragédias que se abatam sobre nós, não importa as dores, não importam as injustiças econômicas, sociais ou mesmo físicas. Se existe alguma possibilidade de viver, ela jamais deve ser desperdiçada. Haja o que houver, a vida continua.
por Marcelo Miranda
+ 2 comentário(s)
Leia Mais

Roteiro de um ano
>>> – Amor? Amor?
– Que é?! Você não vê que eu tô dormindo? Que horas são, homem de Deus?
– Sei lá. Umas seis horas.
– Seis horas? Você tá maluco? Hoje é Domingo! Por que você está me acordando a essa hora?
– Eu tô escrevendo aquele artigo...
– Que artigo?
– Aquele que eu prometi pro Julio.
– Tá, tá. Então, vai lá, escreve e me deixa dormir.
por Lisandro Gaertner
+ 2 comentário(s)
Leia Mais

A profecia de Os Demônios
>>> Neste 2004 que acaba de terminar, o terrorismo não só tomou os Estados como também aquilo que Dostoievski considerava o último refúgio para o homem livre: as religiões. Subvertendo os princípios das crenças que professam, os terroristas contemporâneos agem sob a inspiração de caricaturas que não são, em essência, nada diferentes das ideologias totalitárias que marcaram o século XX.
por Celso A. Uequed Pitol
Leia Mais

TV, cinema e quadrinhos em 2004
>>> Escolher os melhores do ano que passou pode parecer uma tarefa impossível para alguém que mora em Macapá, Amapá (portanto, longe demais das capitais, como diriam os Engenheiros), não tem TV a cabo e, para piorar, passou quatro meses em uma cama, adoentado. Mas talvez meu ponto de vista expresse justamente a opinião de quem está menos antenado, ou distante demais dos centros culturais.
por Gian Danton
Leia Mais

Los Hermanos
>>> Já faz algum tempo, mas lembro perfeitamente daquele dia de sol quente em que comentei com um amigo próximo, pianista, que eu gostava muito de Los Hermanos. Sua resposta foi direta, dura, acertou em cheio minha face, quase me nocauteou: “Los Hermanos é banda de perdedor”. A resposta teria me diminuído se eu realmente não tivesse certeza do quão sensacional essa banda é, de fato.
por Marcelo Maroldi
+ 13 comentário(s)
Leia Mais

TV aberta em 2004: o ano do Orgulho Nacional
>>> Quando escolhi falar da TV em 2004, pensei no nome desta revista: Digestivo Cultural. Ensaios, colunas e comentários sobre cultura. Como eu poderia comentar o programa do João Kléber? Ou: TV aberta é cultura? Sim, é. Mas e o nível? Não importa, é. Desde os programas mais "abaixo do nível" até as raridades salvadoras, acreditem, é a nossa cultura. E nossa cultura em 2004 causou-me algumas impressões.
por Andréa Trompczynski
+ 5 comentário(s)
Leia Mais

2005 vai ser um ano ótimo (deixa comigo!)
>>> Todos os anos eu procuro deixar registradas as minhas resoluções de Ano Novo. A simbologia da virada do ano é mais forte do que eu. Sei que, a rigor, a mudança de 2004 para 2005 nada tem de especial. Nem uma aurora borealzinha aparece no céu. É um dia como outro qualquer mudando para um dia como outro qualquer. Sexta-feira para sábado. Mas, convenhamos, este tipo de lógica não tem graça alguma.
por Paulo Polzonoff Jr
Leia Mais

Ensaio.Hamlet e a arte de se desconstruir quimeras
>>> Escrever, ler, roçar, apalpar, comer, cozer, trepar, fazer poesia, pesquisar, amar, odiar, se atirar, se retirar, pensar, se pensar, jogar, se jogar... Fazer experiências, jogar no caldeirão e mexer com uma colher de pau e esquentar com ferro quente. Errar e acertar, indo ao âmago, indo à lama, ao fundo d’água. Isso é arte experimental, isso é a essência do teatro contemporâneo ou de pesquisa.
por Thiago Herzog
+ 1 comentário(s)
Leia Mais

Editores e editores
>>> Quando o ano termina e começamos a ganhar calendários nas lojas, algo parece mudar. Pensando linearmente, sabemos que as coisas são mais ou menos as mesmas, mas me acomete uma vontade imensa de mudar o que está ruim, de abandonar pocilgas que me deixam triste, retomar velhas amizades, repensar o tempo, a distribuição dos compromissos e das prioridades. Dá vontade de administrar melhor.
por Ana Elisa Ribeiro
Leia Mais

Nelson Freire em DVD e Celso Furtado na Amazônia
>>> Foi no meio da Amazônia que começou minha amizade e minha admiração por Celso Furtado – um homem de modos suaves e elegantes, despojado da arrogância típica dos que exercem o poder. Ele se destacava e magnetizava as pessoas sempre pelo enorme conhecimento. Era um humanista no mais puro sentido da palavra. Já falava em “multiculturalismo” quando nem sequer existia a expressão...
por Rodolfo Felipe Neder
+ 1 comentário(s)
Leia Mais

Tàpies, Niculitcheff e o Masp
>>> Em 2004, São Paulo nos proporcionou três exposições notáveis: a de Antoni Tàpies, a de Sergio Niculitcheff e as 100 maravilhas do impressionismo no Masp. Se você é daqueles que pensam que a arte está morta, pode acreditar: você está enganado. O que chama a atenção nesses três casos é o fato de tratarem da força de uma das mais repudiadas formas de arte na contemporaneidade: a pintura.
por Jardel Dias Cavalcanti
Leia Mais

Colunismo em 2004
>>> Quem escreve e publica com freqüência vive meio fechado numa cúpula. No íntimo, nunca sabe se está agradando. Se sabe, desconfia – porque, pelo elogio, pode cair numa fórmula; e porque, como se sabe, ninguém pode escrever só para o público. Quando se termina um texto, ele escapa da mão como um balão e vai flutuar no céu sem que se possa controlá-lo. As pessoas podem até admirá-lo, mas ele continua fora de alcance.
por Julio Daio Borges
+ 2 comentário(s)
Leia Mais

Quadrinhos em 2004
>>> Passaram em branco os excelentes lançamentos em quadrinhos de 2004, ano agitado para quem se propôs a acompanhar o mercado: profusão de títulos mensais, inesperada volta à carga da Abril Jovem, a Companhia das Letras reivindicando sua fatia do bolo e a Devir e a Conrad ampliando notavelmente seus catálogos. Privilegio, a seguir, ineditismo, raridade e edições de luxo.
por Rafael Lima
+ 1 comentário(s)
Leia Mais

Desonra, por J.M. Coetzee
>>> Em 2004, poucos foram os livros que li e não escrevi uma linha a respeito. De um lado, como estudante de um curso de pós-graduação em Relações Internacionais, tinha a tarefa de fazer “fichamentos” das obras escolhidas para realização de uma monografia; de outro, como jornalista, para este Digestivo, lia (Literatura, Crítica Literária, História) os livros e produzia as resenhas.
por Fabio Silvestre Cardoso
+ 3 comentário(s)
Leia Mais

2004 foi um ano ruim, mas nem tanto
>>> Foi um ano de expiar culpas, de encontrar no passado motivos para se arrepender e ser punido. Foi um ano de ter muitos sonhos não realizados. Houve semanas de choro e de esterilidade. Passei vários dias em frente ao computador, me perguntando como sairia da enrascada em que tinha me metido. Confesso que me arrependi algumas vezes de ter ousado vir para o Rio de Janeiro. E por isso peço perdão.
por Paulo Polzonoff Jr
Leia Mais

Risco, o filme
>>> Risco gira em torno de um morador de rua, Mauro, que vive a riscar a cidade do Rio de Janeiro com uma pedrinha. É difícil transmitir exatamente a imagem através de palavras, mas, basicamente, Mauro risca os muros, os pontos de ônibus, as praças, etc., com a pequena pedra, ora construindo figuras simplórias e misteriosas, ora simplesmente riscando o muro ao meio, de um lado a outro.
por Marcelo Maroldi
+ 1 comentário(s)
Leia Mais

Mais Especiais
Julio Daio Borges
Editor
topo


Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ECONOMIA E ESPIRITUALIDADE
DR. PE. ARI ANTONIO DA SILVA E PAULO VIERA DE CASTRO
DOAUTOR
(2011)
R$ 20,00



INSURGENTE
VERONICA ROTH
ROCCO
(2013)
R$ 18,00



CIVILIZAÇÃO E TRANSCENDÊNCIA
A.C. BHAKTIVEDANTA SWAMI PRABHPADA
THE BHAKTIVEDANTA BOOK TRUST
(1991)
R$ 5,00



ANGÚSTIA
GRACILIANO RAMOS
RECORD
(1979)
R$ 7,90



SCHELLING - OS PENSADORES
COLEÇÃO OS PENSADORES
ABRIL CULTURAL
(1980)
R$ 9,00



ONDE CANTA O SABIÁ
NADIR BRANDÃO
HD LIVROS
(2000)
R$ 6,00



MÁRIO UNIVERSAL PAULISTA: ALGUMAS POLARIDADES
LÚCIA NEÍZA PEREIRA DA SILVA
SECRETARIA DE CULTURA DE SÃO PAULO
(1997)
R$ 20,00



O MENINO DA ROSA
TONY MONTI
HEDRA
(2008)
R$ 9,00



A COBRA QUE USAVA CHINELO
ADEILSON SALLES
BOA HORA
(2011)
R$ 10,00



QUANDO A VIDA ESCOLHE
ZIBIA GASPARETTO
VIDA E CONSCIÊNCIA
(2015)
R$ 19,99
+ frete grátis





busca | avançada
30928 visitas/dia
1,1 milhão/mês