Pena e pixels: as ilustrações de Paulo Dias | Blog de Enderson Oliveira

busca | avançada
42220 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
BLOGS >>> Posts

Quinta-feira, 9/7/2015
Pena e pixels: as ilustrações de Paulo Dias
Enderson Oliveira

+ de 1400 Acessos


Traço sujo, mas preciso. Maldito, mas não proscrito. Sem vergonha, mas com talento. Esses termos podem ser considerados pistas para definir as obras de Paulo Victor Dias, ou simplesmente PV, ilustrador amazônico.
Sem grandes convenções, apostando na simbiose entre azul-vermelho-amarelo (à direita: Coco12nut. Digital Painting and Indian Ink. 2014), ironias e homenagens, o artista foge aos clichês, inclusive ao próprio clichê da fuga dos mesmos. Sem deixar de lado parcerias, apresenta séries e compilações em que cores e valores são retomados e, principalmente, rediscutidos.
PV deu os primeiros traços ainda na adolescência. "Todo mundo desenha quando é mais novo, porém quando chegamos em certo momento começamos a retratar formas, volumes e dar de cara com alguns regrismos técnicos. Aí podemos ser tomados por diversos estímulos contrários, muitas vezes de nossos pais, que acabam nos desestimulando. Em algum momento eu parei de desenhar, mas eu sempre gostei disso, de colar e pintar também, assim como qualquer outra criança que gosta disso", conta.


Tendo a cidade como "observatório" e inspiração, o ilustrador vem ganhando destaque na produção contemporânea da Amazônia. Foto: Eduarda Rodrigues
.


Foi ao iniciar o curso de Publicidade e Propaganda, no entanto, que seus traços começaram a ser vistos de modo diferente, até mesmo artístico. A fotografia contribuiu bastante para isto: não sua prática, mas suas teorias e discussões sobre. "Passei a apreciar a fotografia como registro imagético de um tempo ou uma cidade. Isso contribuiu muito para que eu pudesse me interessar em produzir ilustração e colagens, na maioria das vezes com influências da cidade contemporânea, que acredito ser a minha maior 'inspiração'", esclarece. Em 2012 e 2013 o que eram tentativas estéticas e divagações estilísticas arquivadas em seu computador ganharam o mundo através da internet: suas ilustrações digitais e colagens passaram a ser veiculadas em sua fanpage Coco12nut e seu site oficial.
As obras de PV envolvem principalmente ilustração em nanquim e colagem, tanto a colagem tradicional quanto a mescla da tradicional com a digital. Do diálogo de sua pena com os pixels da mesa digitalizadora, surgiram as séries Red and Yellow, Yellow and blue, Cidade e About my references of life. Aparentemente despretensiosas, as ilustrações mostram a observação peculiar do artista, que converte suas vivências e experiências pessoais em traços, formas e cores.
Sua obra pode ser melhor discutida, analisada e mesmo compreendida (se é que arte deve ser "compreensível".) por suas referências, que vão além de outros ilustradores e/ou artistas visuais. Paulo possui como referências teóricos a artistas com trabalhos de linguagens diferentes da sua, como o fotógrafo francês Eugène Atget, uma das pessoas que mais o induzem no modo refletir a representação do que tem ao seu redor em registro imagético, e o pesquisador Relivaldo Pinho, responsável pelo grupo de pesquisa " Comunicação, antropologia e filosofia: estética e experiência na comunicação visual urbana da contemporaneidade de Belém do Pará ", do qual faz parte.
Já nas produções de gravuras, ilustrações e colagens, PV prefere trabalhos que não se relacionam muito com o que chama de "cadeia de regrismo estético": "acho que sinceramente isso limita o trabalho. Em sua maioria o erro técnico pode se tornar o acerto estético", explica. Neste panorama, é possível citar o coletivo israelense de ilustração Broken Fingaz, o artista russo Andrey Flakonkishochki, o paraense Márcio Alvarenga as animações e ilustrações de Run Wrake, alguns fanzines, entre outros.
A artista Ariane Mayumi, de São Paulo, também faz parte das referências de PV: "já tive e tenho quase sempre o prazer de fazer trabalhos juntos", destaca. Com a ilustradora, Paulo fez dois "Duos", série que há alguns meses se tornou sua nova investida. A série com outros artistas apresenta ainda obra com a ilustradora Camille Vasconcelos.
Também integram seu portfólio (à esquerda: Sobre Sentimentos. Indian Ink and Digital Painting. 2014) colagens que põe em destaque a simbiose entre espaço urbano e férias. Seja on the road e/ou em algum trajeto em metrópoles, as colagens apresentam certa angústia e ironia: as férias podem ser de espaços e hábitos, mas nunca de si próprio.
Unindo em suas obras o incômodo da fotografia, a cidade, seus problemas, marcas e chagas, mas também o ser humano, solitário ainda que imerso na multidão, o ilustrador vem ganhando destaque, mostrando que o diálogo de sua própria pena e os pixels pode servir para analisar e discutir, mas que a arte contemporânea, pelo bem e pelo mal, nós mesmos.

Por Enderson Oliveira


Postado por Enderson Oliveira
Em 9/7/2015 às 10h11



Mais Blog de Enderson Oliveira
Mais Digestivo Blogs
Ative seu Blog no Digestivo Cultural!

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




TEATRO PORTUGUÊS EM UM ACTO SÉCULOS XIII - XVIII
LUIZ FRANCISCO REBELLO
IMPRENCA NACIONAL
(2006)
R$ 44,66



A VAGABUNDA
GABRIELLE S. COLETTE
ABRIL CULTURAL
(1971)
R$ 19,90
+ frete grátis



LÚCIA MCCARTNEY
RUBEM FONSECA
CODECRI
(1978)
R$ 9,00



A SÓCIA DO CASAMENTO - CAPA DURA ILUSTRADA
CARSON MCCULLERS
CÍRCULOS DO LIVRO
(1993)
R$ 7,00



APRENDENDO FUTEBOL - GALERA DO APITO
RICARDO SOUZA
PONTES
(2014)
R$ 15,00



A TRILHA DA CAVERNA ESQUECIDA
ENIO CHIESA
DO BRASIL
R$ 4,00



O CAMINHO DA LIBERDADE
HOWARD FAST
RECORD
(1972)
R$ 5,00



O EVANGELHO ESOTÉRICO DE SÃO JOÃO
PAUL LE COUR
PENSAMENTO
(1999)
R$ 40,00



O QUE FAZ DE UM BRUEGEL UM BRUEGEL? (LACRADO)
RICHARD MUHLBERGER
COSAC & NAIFY
(2004)
R$ 30,00



AMOR
ISABEL ALLENDE
BERTRAND BRASIL
(2013)
R$ 18,00





busca | avançada
42220 visitas/dia
1,3 milhão/mês